quinta-feira - 02/08/2018 - 14:10h
Justiça

Acordo garante atendimento médico em UPA’s de Mossoró


Após quase três horas de audiência, Prefeitura Municipal de Mossoró e a empresa Serviço de Assistência Médica e Ambulatorial Ltda. (SAMA) chegaram a bom termo. Firmaram  um acordo.

Assim, a paralisação do atendimento médico de plantão nas três Unidades de Pronto-Atendimento (UPA’s) do município, que ocorreria a partir de amanhã (sexta-feira, 3), está afastada.

O termo do acordo ensejará que a municipalidade pague de imediato 50% do débito que tem com a Sama, transformando o restante em parcelamento sequencial em cinco parcelas mensais.

A PMM acumula dívida de mais de R$ 2 milhões com a Sama (R$ 2.184,993,44), decorrente do atraso de três contraprestações mensais e quatro meses de acordo (de um total de 15), firmado anteriormente. Ou seja, são sete meses em atraso.

A audiência de conciliação ocorreu às 11h, no gabinete do vice-presidente do Tribunal de Justiça do RN (TJRN), em Natal, desembargador Gilson Barbosa.

A Sama atende às UPA’s com quase 200 médicos plantonistas, além do Serviço de Verificação de Óbitos (SVO).

Leia também: Desembargador decidirá se UPA’s vão ter médicos ou não.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Justiça/Direito/Ministério Público / Saúde

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.