terça-feira - 11/09/2018 - 23:44h
Pesquisa

Bolsonaro cresce acima da margem de erro no Ibope

Empresa ouviu entrevistados entre o dia 8 e dia 10 (segunda-feira), na corrida presidencial 2018

O Ibope divulgou nesta terça-feira (11) o resultado da mais recente pesquisa de intenção de voto na eleição presidencial. A pesquisa ouviu 2.002 eleitores entre sábado (8) e segunda-feira (10).

A margem de erro é de dois pontos para mais ou para menos. A coleta de dados foi feita entre os dias 8 e 10 de setembro (ontem, segunda-feira). Jair Bolsonaro (PSL) teve crescimento acima da margem de erro, saindo de 22 para 26 pontos percentuais, mantendo folga em primeiro lugar, em relação ao segundo colocado Ciro Gomes (PDT), que oscilou numericamente de 12% na pesquisa passada, para 11% agora.

Os resultados foram os seguintes:

  • Jair Bolsonaro (PSL): 26%
  • Ciro Gomes (PDT): 11%
  • Marina Silva (Rede): 9%
  • Geraldo Alckmin (PSDB): 9%
  • Fernando Haddad (PT): 8%
  • Alvaro Dias (Podemos): 3%
  • João Amoêdo (Novo): 3%
  • Henrique Meirelles (MDB): 3%
  • Vera (PSTU): 1%
  • Cabo Daciolo (Patriota): 1%
  • Guilherme Boulos (PSOL): 0%
  • João Goulart Filho (PPL): 0%
  • Eymael (DC): 0%
  • Branco/nulos: 19%
  • Não sabe/não respondeu: 7%.

Rejeição

O Ibope também mediu a taxa de rejeição (candidatos nos quais o eleitor diz que não votará de jeito nenhum). Nesse item, os entrevistados puderam escolher mais de um nome. Bolsonaro é o campeão de rejeição, mas num comparativo com pesquisa anterior – realizada entre 1ºe 3 de setembro -, caiu de 44% para 41%, além da margem de erro.

Veja os índices:

  • Bolsonaro: 41%
  • Marina: 24%
  • Haddad: 23%
  • Alckmin: 19%
  • Ciro: 17%
  • Meirelles: 11′%
  • Cabo Daciolo: 11%
  • Eymael: 11%
  • Boulos: 11%
  • Vera: 11%
  • Amoêdo: 10%
  • Alvaro Dias: 9%
  • João Goulart Filho: 8%
  • Poderia votar em todos: 2%
  • Não sabe/não respondeu: 11%.

Segundo turno

Em termos de simulação para segundo turno, Jair Bolsonaro perde para Ciro Gomes (40% x 37%), para Geraldo Alckmin (37% x 36%), empata com Marina Silva (38% x 38%) e ganha de Fernando Haddad (40% x 36%).

Veja o que o Blog Carlos Santos comentou na segunda-feira (10), antes mesmo dessa pesquisa ser publicada: A faca e seus efeitos na campanha presidencial 2018.

Veja mais detalhes clicando AQUI.

Leia também: Datafolha: Comoção por facada não impulsiona Bolsonaro, diz pesquisa.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política

Comentários

  1. Lucas diz:

    #Ciro12 invisível no gráfico?! kkkkkk

  2. Marcos diz:

    Pesquisa falsa, paga pra não mostrar a verdade.
    Quer dizer que se Bolsonaro tem mais rejeição do que cabo Daciolo, eymael e Vera do PSTU?
    Os eleitores votam nesses três e não no Bolsonaro??

  3. Inácio Augusto de Almeida diz:

    Começam a surgir sinais de que o atentado contra o Bolsonaro vai fazer a candidatura do capitão disparar.
    Tudo indica que está será uma eleição de um turno só.
    ///
    FALTA UM DIA PARA O JULGAMENTO DOS RECURSOS SAL GROSSO.

  4. François Silvestre diz:

    Eu esperava uma reação mais acentuada. O episódio influiu menos do que o esperado. E para aí. Agora, vai ser o desenrolar da campanha, sem comoção. Após as próximas pesquisas é a decantação do minério vai começar a esclarecer. A redução da rejeição foi mínima e esse é o nó górdio do segundo turno.

  5. Pedro Victor Cavalcanti Rodrigues diz:

    Essa pesquisa saiu defasada. Foi feita a coleta de dados antes da do Datafolha, que mostrou a rejeição a Bolsonaro subir 4% e ele perdendo para TODOS no segundo turno.

  6. Vitor diz:

    A grande desvantagem de Bolsonaro no segundo turno eh que ele tera mais tempo de TV e, como dito por um eleitor seu em video que viralizou, quanto mais ele aparece, mais perde.

  7. João Claudio diz:

    Segundo as pesquisas, o poste do criminoso perde até para o Bunda Suja. Fato, fato e fato.

  8. Rui Nascimento diz:

    Só acho estranho essa pesquisa do IBOPE ter sido realizada nos dias 08, 09 e 10/09), portanto, antes da pesquisa do DATAFOLHA, que foi realizada e divulgada no dia 10/09), e ter sido divulgada depois, ou seja, dia 11/09.
    Muito estranho! Mas…

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.