terça-feira - 27/11/2018 - 21:08h
Santa Cruz

Câmara tem quase todos os seus membros cassados


Monik Melo: também cassado (Foto: CMSC)

Segundo decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN) tomada nesta terça-feira (27), o presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz (a 117 km do Natal), Jefferson Monik Gonçalo Lima de Melo (PTN), deve assumir interinamente a municipalidade.

Entretanto, o próprio Jefferson é um dos atingidos por julgamento do TRE/RN (veja AQUI), devendo ser afastado ao lado de mais cinco vereadores, além da prefeita Fernanda da Costa Bezerra (MDB) e vice-prefeito Ivanildo Ferreira Lima Filho (PSB), o “Ivanildinho”.

Todos condenados por prática de abuso de poder político com repercussão econômica nas eleições de 2016.

Conforme o julgamento dessa corte, devem ser imediatamente chamados sete suplentes, em função da cassação e afastamento de sete dos nove integrantes do legislativo.

Um imbróglio grande.

Dos componentes desse poder, apenas Genicleide Ferreira da Silva Azevedo (MDB), o “Gean Paraibano”, João Victor de  Carvalho Bezerra (PSDB) e Paulo César Gomes de Morais (PSD) não foram cassados e afastados.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Política

Comentários

  1. Naide Maria Rosado de Souza diz:

    Sobraram dois. Diante de tantas intervenções do TRE, diante de tantas práticas ilícitas, é possível que haja município no qual não sobre ninguém.

    • Inácio Augusto de Almeida diz:

      “Diante de tantas intervenções do TRE, diante de tantas práticas ilícitas, é possível que haja município no qual não sobre ninguém.”
      Este município onde é possível não sobrar ninguém, caso tudo seja devidamente apurado, fica no Rio Grande do Norte? Fica?
      Sei de município no Ceará onde na noite que antecede o dia da eleição os moradores mais pobres ficam sem dormir a espera da passagem dos candidatos distribuindo dinheiro.
      Se isto denunciei? Denunciei. Resultado? Pediram que eu apresentasse provas.
      Provar como? Mesmo que eu conseguisse fotos do candidato entregando dinheiro ao eleitor, o criminoso alegaria que estava pagando uma dívida etc.
      Só tem um jeito de acabar com a compra de votos.
      Condenação a vários anos de cadeia. confisco de bens e extinção de aposentadoria ou pensão.
      Do jeito que fazem, penas brandas, esta imoralidade nunca acaba.
      ////
      NADA MAIS TRISTE E DIGNO DE PENA DO QUE A DECADÊNCIA DE UM CORRUPTO.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.