sábado - 13/10/2018 - 07:40h
Em Mossoró

Governismo tenta manter ânimo após série de derrotas


Rosalba: em busca de força (Foto: arquivo)

Verdadeiramente não é fácil o desafio diante da prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP) até o próximo dia 28, dia de eleições.

Nesse segundo turno, ela precisa manter o aceso o “ânimo” da sua tropa em Mossoró, após um primeiro turno desastroso: todos os candidatos defendidos e apoiados pela líder popular do rosalbismo, acabaram derrotados.

Como reverter o resultado ao Governo do Estado? Eis a questão.

A chapa ao governo estadual onde está seu filho Kadu Ciarlini (PP), como candidato a vice de Carlos Eduardo Alves (PDT), perdeu por quase 10 mil votos: 9.391 (8,66%).

Quem prevaleceu foi a chapa Fátima Bezerra (PT)-Antenor Roberto (PCdoB) com 46.634 (43,02%), contra 37.243 (34,35%) de Carlos e Kadu.

E ainda tem a carga negativa de Larissa Rosado (PSDB) e Beto Rosado (PP), candidatos respectivamente à Assembleia Legislativa e Câmara Federal, que não se reelegeram.

De onde tirarão forças para correrem atrás de votos para Carlos e Kadu, após não conseguirem o suficiente para si?

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política

Comentários

  1. François Silvestre diz:

    Sabe qual é o sonho? Ganhar pra governador, depois o eleito sai pra se candidatar ao senado e a tchurma volta ao governo. Simples assim…

  2. Ionaldo Lidio Sena de Carvalho diz:

    Votar em Fatima é querer tornar o RN numa Venezuela.

    Ionaldo Carvalho

  3. Emerson Rallison Castro da Silva diz:

    Os deputados dela foram os mais votados na cidade !

  4. fernando diz:

    O candidato já foi substituído. Agora é Bolsonaro, o nazista

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.