sexta-feira - 09/11/2018 - 11:18h
Perda

Grande Chico!


Perdi uma pessoa querida. Morreu “Chico”; simplesmente Chico para mim. “Grande Chico”, era minha saudação sempre que o via com aquele ar amistoso e braços abertos a me acolher.

Era o “Chico vigia”. Mas não era apenas isso, sejamos sincero. Era amigo para me receber à porta do Cândidu’s Restaurante em Mossoró, com uma alegria contagiante: sorriso largo e um bem-querer sem tamanho.

Ostentava aquela pose litúrgica de chefe do “Departamento de Segurança” do estabelecimento, cargo vitalício outorgado por mim.

- Grande Carlos Santos – exclamava à minha chegada.

- Perigoooso! – emendava com uma gargalhada que nos remetia a um embaraço em que ele me metera há incontáveis anos. Virou motivo de graça e código quase secreto entre nós.

“Queremos muito bem a Chico. É da nossa família”, diziam-me Oscar, Samuel e Elano – filhos de Francisco Cândido e Rosália, comandantes supremos e plenipotenciários desse restaurante tradicionalíssimo de Mossoró e do RN.

- Os ‘minino’ de Chico ‘Câindo’ são danado (sic) – trovejava aqui e acolá para meu deleite, como se as travessuras fossem rituais meritórios. Tinha razão. Oscar, Samuel e Elano aprontaram demais com ele. Não faltam histórias hilariantes. Minto, meninos?

Com 72 anos completados no último dia 23 de agosto, Chico (Francisco Soares de Amorim) pedalava sua bicicleta na direção de casa pela Avenida José Damião no bairro Santo Antônio, no último dia 26, quando foi atropelado por um veículo. Era algo em torno de 14h.

O responsável (?) saiu em fuga, sem lhe prestar socorro. Teve fratura de fêmur e passou por cirurgia.

Nessa quinta-feira (8), Chico faleceu no Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM). Sofreu parada cardíaca irreversível.

Seu velório é no Centro de Velório Sempre, à rua Melo Franco 197, Doze Anos, próximo ao Tiro de Guerra. Sepultamento acontecerá às 16h no Cemitério Velho.

Valeu, Chico!

* O print constante desta postagem é reprodução do meu Instagram pessoal, datado de 22 de julho deste ano.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Crônica

Comentários

  1. Emery Jussier Costa diz:

    Amigo Carlos Santos, fui impactado com a notícia desse outro amigo que você tratava por “Chico”. Em 1965 nós servimos ao então Tiro de Guerra 07-188 aqui mesmo em Mossoró. Só que nas hostes militares ele tinha o nome de Amorim. Era o atirador de número 74. Lamento profundamente o que lhe aconteceu. Associo-me ao pesar dos seus amigos e familiares. Que Deus o tenha.

  2. João Claudio diz:

    Pessoa pobre, mas de finíssimo trato com o seu semelhante. Boníssimo e sempre alegre.

    Quanto ao acidente, matar no trânsito é permitido. AQUI.

    Passadas às 48 horas do assassinato, o assassino se apresenta ao delegado e…’Tá fazendo o quê, aqui? Vá pra casa, senão eu lhe prendo.’

    Enquanto isso, a vitima inocente jaz no cemitério.

    Enquanto a família chora a dor da perda, o assassino continua a curtir a vida… em alta velocidade.

    O país é de terceira, meu ‘fi’. Você esperava o quê? PUNIÇÃO????

    KKKKKKKKKKKKKKKK Homi, se ligue.

    Ah, uma boa noticia para os motoristas que fazem merda no trânsito.

    O Detran está passando a mão na cabeça dos infratores que baixarem o aplicativo do órgão.

    Baixou? Pronto! Você agora tem um desconto de 40% da infração que você poderia ter evitado, se você fosse um motorista responsável.

    O desconto é um ‘presente’ do Detran aos que fazem merda no trânsito. Fato, fato e fato.

    REPITO:

    O país é de terceira, meu ‘fi’. Você esperava o quê? MAIS PUNIÇÃO???? Cadeia para os motoristas irresponsáveis? Aumento no valor das multas?

    Acorde, meu ‘fi’.

  3. Samuel Candidus diz:

    Isso mesmo, Amigo Carlos. Conseguiu expressar tudo que “Seu Chico Amorim” representa. Um querido amigo, uma excelente pessoa que era sinônimo de alegria. Sempre receptivo. Sua simplicidade era uma marca e a humildade, um bem maior e peculiar. É com muito pesar que nós compartilhamos essa triste notícia. Descanse em paz meu amigo Chico!! Suas melhores lembranças estarão sempre presentes em nossas memórias. Ratifico suas palavras, Carlos Santos, “Queremos muito bem a Chico. É da nossa família”.
    Assino esta mensagem em nome de todos que fazem o Candidus: colaboradores, clientes, amigos e familiares.
    Samuel. S. de Oliveira Silva

  4. Carlos Mendes diz:

    Grande amigo. Homem de coração bom, prestativo e alegre. Trabalhou muitos anos na casa de meu pai Silvio Mendes. Nossos sentimentos para toda sua família.

  5. Lair solano vale - superintendente diz:

    Figura ilustre e querida que nossa Mossoró perde . Deus o tenha em bom lugar.

  6. Vitor diz:

    Puxa, que pena, meus sentimentos à família e amigos. Entre tiros e atropelamentos, estamos, na verdade, tentando sobreviver.

  7. João Marcelo diz:

    Meus sentimentos linda homenagem

  8. Naide Maria Rosado de Souza diz:

    Meus sinceros sentimentos à família enlutada.
    Que linda despedida a do Jornalista Carlos Santos. Perdeu um amigo e mostrou duas almas. A que partiu e a que, de forma comovente, pranteia.

  9. Vania Azevedo Moreira diz:

    Eu e Valney lamentamos muito a morte de Chico, mas para nos era Chapinha. Valney conhecia desde muito tempo. Uma pessoa maravilhosa, atenciosa, honesta. Que Deus o tenha no seu Reino. Com a sua alegria, quem sabe se uma dia eu, Valney e vc nos encontraremos? Fique em paz.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.