sábado - 30/06/2012 - 09:12h
Operação Assepsia

Hospital criado sem licitação faz um parto por R$ 28 mil


Depoimento do médico Manoel Nobre sobre o alto custo do Hospital Materno-Infantil Maria Correia (Hospital da Mulher), instalado sem licitação pelo Governo do Estado, apesar de denúncia sobre irregularidades feitas pelo Ministério Público em Mossoró:

- Realiza-se em média 100 partos/mês na maternidade Maria Correia, com um custo de R$ 2,8 milhões/mês para o Governo do Estado. Portanto o custo de cada parto fica em média, pasmem, por R$ 28.000,00.

Nota do Blog – Segundo dados levantados na “Operação Assepsia”, desencadeada esta semana pelo Ministério Público, sobre irregularidades em licitações na Saúde na Prefeitura do Natal, respingando na mesma área do Estado, o contrato da Associação Marca – que gerencia o Maria Correia – é de R$ 16,8 milhões por seis meses.

Dá uma média de R$ 2,8 milhões por mês, sendo R$ 1,9 milhão somente com folha funcional de presumíveis 270 empregados.

Um detalhe: a Casa de Saúde Dix-sept Rosado (CSDR), da Fundação Vingt Rosado, há décadas em funcionamento em Mossoró, responde por mais de 600 partos/mês.

 

Categoria(s): Administração Pública / E-mail do Webleitor / Saúde

Comentários

  1. Raimundo Lindoberto diz:

    O que irrita o funcionário da maternidade Almeida Castro e a população em geral é que os governantes do estado e do município se acham no direito de dizer que não tem como ajudar esta maternidade embora que monte outra de forma totalmente irregular e com custos incalculáveis para a população de Mossoró. ou seja, fica claro com esta atitude que os governos não se importam com o povo e sim com que posição política esta uma maternidade, um hospital etc. Se apoiam de forma cega seu governo os hospitais recebem ajudas vultosas se não nada recebem e onde fica o povo nesse conto real da vida inventada pelos governos?

  2. Raimundo Dantas Godeiro Filho diz:

    Esses R$ 28 mil por parto, não é parto. É parte. Eles dividem assim: Parte minha, parte sua.

    • Carlos Santos diz:

      NOTA DO BLOG – Genial, Godeiro. Perfeita sua intervenção. Agora, só tem um defeito. Vou copiar um amigo-poeta: “Não foi escrita por mim”. Abração. Obrigado pelas intervenções.

  3. Junior diz:

    A PORTEIRA FOI ABERTA AGORA, DESTE CURRAL VAI SAIR TANTA BOIADA AINDA QUE NÃO VAI TER COMO CONTAR!

  4. Junior diz:

    DESCULPE A ANEDOTA, MAS A COISA ESTÁ TÃO MAL EXPLICADA E COMPLICADA QUE O ESTADO VAI CONTRATAR UMA OSCIP SÓ PRA FAZER UMA “AUDITORIA MAIS APURADA” E “EFICIENTE”.KKKKKK.

  5. Gilson Chaves diz:

    Meu amigo Carlos Santos. Funciona? A populacao esta satisfeita com o atendimento da maternidade? Sei que voce ta exercendo o seu direito e dever de informar, mas que tal procurarmos saber se ha satisfacao por parte de quem esta sendo e de quem ja foi atendido na referida maternidade. Nao estou aqui querendo resgatar Ademar de Barros. Grande abraco.

    • Carlos Santos diz:

      NOTA DO BLOG – Meu caro Gilson, bom-dia. Reproduzo os fatos, amigo. E a ‘bola’ foi cantada desde o princípio pelo MP, que apontou irregularidades e o governi insistiu na ‘fórmula mágica’. Eu mesmo defendi o funcionamento e o atendimento do Hospital, sem desobedecer a princípios inerentes ao serviço público. Mas se ficarmos raciocinando que se algo funciona, pode funcionar ao deus-dará, com eu e você pagando o custo da corrupção-Brasil, então é jogar a toalha. Será que R$ 16, 8 milhões aplicados no Tarcísio Maia não nos dariam um retorno bem mais satisfatório? Pense nisso. Sem paixões, ressentimentos, mas com um raciocínio lógico. ABração.

    • expeditoclemente diz:

      QUAL O HOSPITAL-MATERNIDADE PARTICULAR NO BRASIL QUE NÃO FAZ UM PARTO PELA METADE DESTE DINHEIRO ? DEFENDER NÃO SERIA PURA IDIOTICE ?

  6. Carlos Andre diz:

    ISTO É, UMA, VERGONHA!!!!!1

  7. geraldo diz:

    MENINOS Q PARTO CARO É ESSE DE 28 MIL? ENTENDI DIREITO? QUANTO ÉÉ PAGO POR UM PARTO NA MATERNIDADE ALMEIDA CASTRO? VOU MANDAR MEUS FILHOS SEREM PARTEIROS…

  8. PEDRO VALE diz:

    Não sabia que vidas tinha valor? acho muito mais caro a casa de saude em Mossoro brinca com vidas e ninguem comenta ou posta em blogs! Pergunte a uma mae hjonde ela prefere ter seu filho? na casa de saude ou hospital da mulher?

  9. Wilpersil diz:

    Ladrões é o que são. caso seja comprovado tudo isso e merecem é cadeia braba, senão algo pior.
    Ainda tem quem defenda essa porcalha de ladrões do erário público, fosse um pobre que tivesse roubado um estetoscópio perdia emprego e pegava uns dez anos de cadeia. PQP!!!

  10. Rita diz:

    O Hospital é da Mulher. Minha mãe não fez nenhum parto ela é idosa e está na UTI há 40 dias, isto com certeza tem um alto custo. Acredito que a conta não deve ser tão simples assim.

  11. expeditoclemente diz:

    QUAL O HOSPITAL-MATERNIDADE PARTICULAR NO BRASIL QUE NÃO FAZ UM PARTO PELA METADE DESTE DINHEIRO ? TENTAR DEFENDER É PURA IDIOTICE…

  12. André Nogueira diz:

    Quanto vale uma vida?
    Quem conhece a Maternidade Almeida Castro sabe que a situação de lá é deveras complicada! Se uma vida escapar do “abate” que teria na Almeida Castro, é um dinheiro muito bem investido! Interessante a revolta desses Obstetras… Será porque estão deixando de ganhar com os partos? Mesmo ganhando por 2 obstetras em um único plantão, ainda tem mais fome de dinheiro?

  13. fabricio brito diz:

    emquanto isso maternidades como a casa de saude Dix-Sept Rosado recebe por um parto normal o valor de R$ 443,40 fonte SIGTAP

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.