quinta-feira - 06/12/2018 - 09:06h
Mossoró

Nova Verba Indenizatória de vereadores tem amplo apoio


Do Blog Saulo Vale

Se fosse votado hoje, com a presença de todos os vereadores, o Projeto de Lei que garante o retorno do pagamento da Verba de Gabinete (Verba Indenizatória) teria sido aprovado no plenário da Câmara Municipal de Mossoró. O recurso está suspenso por determinação do Tribunal de Contas do Estado (TCE) desde maio de 2016.

Plenário majoritariamente favorável (Foto: Edilberto Barros)

A proposta prevê a verba mensal no valor de R$ 4.500, após modificação do documento inicial, que previa R$ 9 mil/mês. O projeto será votado na próxima terça-feira (11), no plenário da Casa.

O Blog Saulo Vale fez uma enquete com os vereadores e mostra o posicionamento de cada parlamentar. A aprovação seria por 12 votos a 8. A presidente da Câmara, Izabel Montenegro (MDB), só votaria em caso de empate, conforme prevê o Regimento Interno.

Contrários ao projeto: Manoel Bezerra (PRTB), Izabel Montenegro (MDB), Francisco Carlos (PP), Petras Vinícius (DEM), Raério Araújo (PRB), Flávio Tácito (PPL), Ricardo de Dodoca (PROS), Emílio Ferreira (PSD) e Tony Cabelos (PSD).

A favor do projeto: João Gentil (sem partido), Aline Couto (sem partido), Genilson Alves (PMN), Ozaniel Mesquita (PR), Alex do Frango (PMB), Alex Moacir (MDB), Maria das Malhas (PSD), Rondinelli Carlos (PMN), Zé Peixeiro (PTC), Didi de Arnould (PRB), Isolda Dantas (PT) e Sandra Rosado (PSDB).

Em tempo: Os vereadores contrários ao projeto afirmam, de forma unânime, que não são contra o retorno da verba de gabinete, já que, segundo eles, o dinheiro já existe. Ou seja, não implicaria em aumento de repasses do duodécimo da Prefeitura à Câmara. Mas destacam que preferem aguardar posição favorável do TCE sobre uso da verba de gabinete.

Leia também: Vereadores adiam votação de nova Verba Indenizatória.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Política

Comentários

  1. Inácio Augusto de Almeida diz:

    “segundo eles, o dinheiro já existe. Ou seja, não implicaria em aumento de repasses do duodécimo da Prefeitura à Câmara”
    CONVERSA FIADA!!!
    Este dinheiro é do POVO.
    Quase todas as Câmara Municipais devolvem aos cofres das suas respectivas prefeituras o saldo do exercício anterior. E as prefeituras utilizam o dinheiro na EDUCAÇÃO e na SAÚDE.
    Em Mossoró, desde 2016 não é entregue o UNIFORME ESCOLAR, apesar de existir uma RECOMENDAÇÃO do MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE para que o fardamento escolar seja entregue no primeiro dia letivo de cada ano. Não deram a mínima para a recomendação do MPRN e tudo ficou por isto mesmo.
    Em Mossoró faltam medicamentos de uso contínuo e de distribuição gratuita.
    Em Mossoró MILHARES de usuários do SUS aguardam por um Raios-X.
    Por que não usar este dinheiro para consertar os aparelhos de Raios-X ou para comprar UNIFORME ESCOLAR?
    Vocês sabiam que vereador em Mossoró tem direito a almoçar de GRAÇA na CMM?
    Vocês sabiam que vereador em Mossoró só toma água mineral?
    Vocês sabiam que tudo é pago por você que vê seu filho indo ao colégio calçando sandálias com as tiras amarradas com arame e com a camisa puída?
    Resta a esperança que o TCE não permita que está imoralidade aconteça.
    ///
    NADA MAIS TRISTE E DIGNO DE PENA DO QUE A DECADÊNCIA DE UM CORRUPTO.

  2. Junior Lima diz:

    Esse vereadores não entendeu o que o povo fez nessa última eleição? Rejeitou todos os políticos que votaram contra o povo (Olha o caso de Beto Rosado ) estamos de olho senhores vereadores com os seus comportamentos Na próxima eleições saberemos retribuir esse e outros favores contra o povo que os senhores tem feito.

  3. Fonseca diz:

    lixos legislando em causa própria.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.