• Curso de Oratória de Francisco Lavor em Mossoró 15 a 28-01-18 veiculação - TOPO
quarta-feira - 22/11/2017 - 14:27h
Assembleia Legislativa

“Parlamentar do Ano” será eleito na próxima terça-feira


Os trabalhos dos deputados da 61ª legislatura da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte serão avaliados na próxima terça-feira, dia 28 de novembro, com a eleição do Parlamentar do Ano.

Oliveira organiza eleição (Foto: Eduardo Maia)

A premiação ocorre desde 1972 e elege o parlamentar com atuação destacada ao longo do ano. Em 2016, a deputada estadual Cristiane Dantas (PCdoB) foi eleita a Parlamentar do Ano pela imprensa que cobre os trabalhos legislativos.

“Os jornalistas aptos a votar são membros do Comitê de Imprensa da Casa e escolhem aqueles que, na sua visão, tiveram atuação de destaque durante o ano”, explica o jornalista e presidente do Comitê, Oliveira Wanderley.

Roberto Furtado

A eleição irá ocorrer na Sala Jornalista Alexis Gurgel, sede do Comitê, localizada dentro da Assembleia Legislativa, no horário das 8h30 às 11h30. O Comitê de Imprensa realiza a eleição do Parlamentar do Ano desde 1972.

O primeiro parlamentar agraciado com a homenagem foi o ex-deputado estadual Roberto Furtado (1972). Os últimos quatro deputados escolhidos como o Parlamentar do Ano foram Fernando Mineiro (2013), Kelps Lima(2014), Ezequiel Ferreira de Souza (2015) e Cristiane Dantas (2016).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI.

Categoria(s): Comunicação / Política

Comentários

  1. Raniele Costa diz:

    Carlos ! Será que ainda temos Deputado para ser eleito o melhor do ano ? eu acho que não,. E quanto ao Ricardo Mota vai ficar por isso mesmo ? Já que as assembleias não podem mais absorver Criminosos, no RN pode ?

  2. Amorim diz:

    Seja mais claro.
    Melhor do ano em que?
    Com fama do Nobres Parlamentares, existem vários quesitos não muito alivissarias!

  3. Elves Alves diz:

    Mais uma prova de que dinheiro público é mesmo dinheiro de ninguém: a Assembleia Legislativa do RN, uma das mais improdutivas do país, pagar horrores a um funcionário para comandar um “comitê de imprensa” com o único objetivo de escolher o “Parlamentar do Ano”?
    Logo a AL, cujos quadros abrigam a maior concentração de jornalistas por metro quadrado do RN? Todos, invariavelmente todos contratados à revelia da lei, sem concurso públicos?
    Só pode ser um deboche com a cara do esfolado contribuinte. Se fosse apenas uma piada de mau gosto, o que não é o caso, o certame se chamaria de “Pra Lamentar do Ano”.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.