quinta-feira - 16/09/2021 - 09:22h
Política

Em vez de estadual, Larissa poderá concorrer à Câmara Federal

Vereadora em seu primeiro mandato em Mossoró, a ex-deputada estadual Larissa Rosado (PSDB) pode não ser outra vez candidata à Assembleia Legislativa. As conversas no núcleo do seu partido em Natal apontam para novo patamar de disputa eletiva.

Larissa definirá possível candidatura com legislação definida (Foto: WhatsApp)

Larissa definirá possível candidatura com legislação fechada (Foto: WhatsApp)

Larissa pode ser candidata à Câmara Federal em 2022, sob a égide de uma legislação eleitoral ainda a ser aprovada, que aponta para a não existência de coligações interpartidárias. Ou seja, cada partido – assim como aconteceu no pleito municipal do ano passado, -terá nominata própria.

– Existe essa possibilidade de candidatura a federal, mas preciso esperar a definição das regras para decidir. pertinho – admitiu Larissa Rosado em conversa agora há pouco com nossa página.

Segundo a vereadora mossoroense, em seu grupo e na cúpula do PSDB/RN “falamos por cima dessa possibilidade, já que ainda não existe uma definição. Mas tudo será discutido com o partido e com o presidente Ezequiel Ferreira”, ponderou.

Larissa foi deputada estadual eleita em 2002, 2006 e 2010. Tentou retornar sem êxito nos pleitos de 2014 e 2018. Suplente de 2014, assumiu titularidade com eleição a vice-prefeito do Natal, em 2016, do então deputado estadual Álvaro Dias (hoje no PSDB).

Ano passado, ela obteve o primeiro mandato à Câmara Municipal de Mossoró, com total de 2.516 votos.

Em sua trajetória política, ainda concorreu por quatro vezes à Prefeitura de Mossoró, sem sucesso: 2004, 2008, 2012 e 2014 (pleito suplementar).

Acompanhe o Canal BCS (Blog Carlos Santos) pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política

Comentários

  1. Carlos diz:

    O cargo que ocupa é fichinha, a ambição fala mais alto. Rumo a mais uma derrota pro currículo.

  2. heytor george diz:

    Mossoró, cidade polo do rio grande do norte, com mais ou menos 300 mil habitantes, não pode ficar sem deputado Federal, por outro lado, não é interessante voltar ao passado, votar no mesmo sobre nome que dominou nosso município por décadas sem fazer NADA, CIDADE FANTASMA, temos nomes bons que podem figurar, concorrer ao pleito.

  3. A de Andrade diz:

    Passado no tempo e a ferro. Vai sofrer mais uma derrota. Ô provim pra gostar das tetas do erário.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011 - 2021. Todos os Direitos Reservados.