sexta-feira - 30/09/2011 - 23:57h

Pensando bem…

” A tua primeira lei deve ser o respeito a ti mesmo. ”

Pitágoras

Categoria(s): Pensando bem...

Comentários

  1. Paulo Filho diz:

    Pujança pernambucana. Foram anunciadas nesta sexta-feira o nome de novas empresas que irão investir em Pernambuco um total de R$ 875 milhões e gerar 4.861 empregos diretos em nove municípios. Ao todo, 15 companhias estão na lista, sendo que algumas já começam a se instalar no próximo mês e todos entram em ação até 2014. No último mês de julho, o Governo havia anunciado a chegada de outras 15 empresas.

    A empresa que representará o maior volume de investimentos, cerca de meia bilhão de reais, é a da fábrica de peças para motores automotivos WHB Fundição S.A., fornecedora da Fiat, GM, Volkswagen, entre outras. Ela será a primeira indústria a se instalar em Glória do Goitá, município da Mata Norte pernambucana que possui 30 mil habitantes e fica a 60 km do Recife. Sozinha, a companhia deve gerar 2.500 vagas

    Para o governador Eduardo Campos, as novas plantas vão fortalecer as cadeias produtivas e ajudar na reconstrução da indústria pernambucana.

    Além da WHB, a Mata Norte vai receber outras seis plantas, sendo cinco em Goiana, que vai receber R$ 61,8 milhões em investimentos e ganhar 648 oportunidades diretas de trabalho no Polo Farmacoquímico. São elas a Hair Fly e a Imbesa – Rishon, empresas de fabricação de cosméticos para corpo e cabelo, que juntas vão investir R$ 26 milhões e a Ionquímica, que aporta R$ 18 milhões para atuar na área de produtos químicos industriais.

    As outras duas plantas de Goiana são a Multisaúde Farmacêutica, com R$ 4,3 milhões para a construção de indústria do xarope Forteviron, e a AC Diagnósticos, que vai destinar R$ 13,5 milhões para a fabricação de kits de imunologia e hemaglutinação. Quem também escolheu a Mata Norte foi a Alka Negócios LTDA, em Timbaúba: R$ 16 milhões para a instalação de uma fábrica de solados e artefatos de borracha, 150 postos de trabalho.

    DEMAIS PLANTAS – Em Bonito, no Agreste Meridional, a SAN Indústria de Águas e Bebidas irá investir R$ 25 milhões numa fábrica de refrigerantes e energéticos, com a expectativa de gerar 100 empregos. A empresa Sonobom terá sede em Ribeirão, na Mata Sul, e destinará R$ 23 milhões para a fabricação de colchões e camas box, pretendendo gerar 350 empregos.

    O Complexo Industrial Portuário de Suape será contemplado com as empresas de operações logísticas Tegma, Júlio Simões e Shipserv, todas no território do Cabo. Já a ABB – Turbochargers Compressores é a 23ª. empresa atraída pelo Suape Global, projeto de formação de um cluster voltado para os setores naval, de exploração de petróleo, gás e off-shore no porto pernambucano. A ABB é especializada na manutenção de motores para navios e será construída em Ipojuca. Juntas, as quatro novas indústrias vão investir R$ 104,5 milhões e empregar 313 pessoas.

    Em Jaboatão, na Região Metropolitana do Recife, a empresa Bettanin pretende investir R$ 80 milhões e gerar 400 empregos na fabricação de utensílios domésticos e produtos para limpeza/higiene como pás, vassouras, esponjas, lava-louças, rodos e outros nove itens. A Dell Anno, produtora de móveis modulados, irá desembolsar R$ 61 milhões e gerar 410 empregos na cidade de Moreno.

  2. itamar de sousa diz:

    Quando PERNAMBUCO foi ecolhido para receber a refinaria de petroleo,uma boa parte dos politicos imcompetente do RN,tentou incutir na mente dos potiguares,a falácia que a refinaria só aportou em PERNAMBUCO,por causa de LULA.
    eles nao disseram que foi incompetencia deles,incompetencia de duas familias oligarcas,que nos governaram nesse ultimos anos,que nunca investiram a contento em nosso porto.
    todos qua tem um minimo de inteligencia, sabem que o criterio de escolha para ganhar uma refinaria,leva em conta o escoamento de sua produçao,QUE E O QUE MAIS ENCARECE O PRODUTO,e o nosso estado estava atras mil anos de pernambuco.
    e se nao fivesse sido escolhido pernambuco,seria o nosso vizinho CEARA,pelo os poucos investimentos que fez em seu porto,mas foram maiores que os nossos.
    a diferença de nossos politicos para os de PE.e que os politicos de lá se unem quando e pra trazer investimentos.
    e a refinaria pra muitos que nao sabem,e binacional,o criterio de escolha foi estritamente comerciaL.
    eu nunca espero nada de governos alicerçados em oligarquias,pois esse governos so visam o bem de suas familias e de seus apaniguados,
    mirem ~se no exemplo da familia “sarney”nunca sairam de perto do poder,enquanto eles enricam,o MARANHAO empobrecem mais.
    B DIA P TDS AMIGOS.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011 - 2021. Todos os Direitos Reservados.