quinta-feira - 30/01/2014 - 17:09h
Mossoró

Prefeito inspeciona UPA antes de inauguração ‘de verdade’

O prefeito mossoroense Francisco José Júnior (PSD) visitou hoje instalações da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Belo Horizonte. Teve a companhia da secretária municipal da Saúde, Leodise Cruz.

Na ocasião, ele reafirmou o compromisso de entregar o equipamento à população ainda em fevereiro. A visita, com propósito de realizar o check-list (conferência de ítens), contou com equipe de saúde, incluindo enfermeiros, bioquímicos, Vigilância Sanitária.

Prefeito (paletó) verifica equipamentos adquiridos para UPA

A secretaria de Saúde, Leodise Cruz, ressaltou que falta pouco para conclusão e condições de funcionamento. “Estamos realizando essa visita para verificar equipamentos imobiliários e avaliar quais faltam para serem adquiridos. O principal objetivo é dar um direcionamento para o que ainda falta em sua estrutura, concluir e colocar em funcionamento o mais rápido possível”, destacou.

HRTM

Segundo o prefeito a UPA do Belo Horizonte será uma unidade modelo, com um papel importante na área da saúde para Mossoró e região. Em funcionamento irá desafogar o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), pois, trata-se de um equipamento regionalizado que atenderá também municípios vizinhos. Com a companhia da equipe de saúde o gestor visitou todos os departamentos da unidade e deixou claro que tem pressa para entregar a unidade.

“Decidimos por essa visita para fazer um levantamento de tudo que está faltando. Estamos acompanhados de uma equipe da saúde, com bioquímicos, Vigilância Sanitária, que também farão a vistoria das instalações. Ainda em fevereiro faremos a entrega da UPA”, afirmou o prefeito.

Os vereadores Francisco Carlos (PV), Alex do Frango (PV), Genivan Vale (PROS) e Genilson Alves (PTN) acompanharam a visita do prefeito.

Com informações da Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Mossoró.

Nota do Blog – A UPA foi inaugurada no dia 28 de dezembro de 2012, pela então prefeita Fafá Rosado (PMDB). Nunca funcionou. Sequer foi aberta desde então.

Meses depois, a então secretária da Saúde da gestão Cláudia Regina (DEM), sucessora de Fafá, contabilista Jaqueline Amaral, explicou o porquê da inauguração, mesmo sabendo que não funcionaria:

– Ela (Fafá) queria inaugurar!

Foi feita a vontade da “soberana”.

 

Categoria(s): Política

Comentários

  1. Hermiro Filho diz:

    Estou começando a gostar do Francisco.
    Está agindo e o mais importante: Em prol dos mossoroenses.

  2. Inácio Augusto de Almeida diz:

    E-MAIL QUE RECEBI DA SECRETÁRIA DE SAÚDE DE MNOSSORÓ.
    “Bom dia,
    Segue posicionamento da Diretoria Financeira na íntegra:
    “Informamos que o relato do Sr. Inácio Augusto de Almeida, não procede. Pois quando solicitamos a licitação indicamos que todo medicamento terá validade de no mínimo 12(doze), meses. Em relação a marjoração de preços o fornecedor não pode alterar preços dos mercadorias empenhados ou seja; o valor unitario da nota fiscal tem que ser igual ao empenho para evitar transtornos na sua liquidação.
    atenciosamente,
    Arione Maia Filho
    Diretor de Unidade Avançada
    Diretoria Financeira
    Mat. 7742-2”
    Atenciosamente,
    Cleide Trigueiro.

    • Inácio Augusto de Almeida diz:

      E-mail que enviei neste exato momento à ouvidoria do SUS:
      //
      E-MAIL QUE RECEBI DA SECRETÁRIA DE SAÚDE DE MOSSORÓ.
      “Bom dia,
      Segue posicionamento da Diretoria Financeira na íntegra:
      “Informamos que o relato do Sr. Inácio Augusto de Almeida, não procede. Pois quando solicitamos a licitação indicamos que todo medicamento terá validade de no mínimo 12(doze), meses. Em relação a marjoração de preços o fornecedor não pode alterar preços dos mercadorias empenhados ou seja; o valor unitario da nota fiscal tem que ser igual ao empenho para evitar transtornos na sua liquidação.
      atenciosamente,
      Arione Maia Filho
      Diretor de Unidade Avançada
      Diretoria Financeira
      Mat. 7742-2″
      Atenciosamente,
      Cleide Trigueiro.
      ///

      Isto omitiram na explicação.
      Texto de e-mail que me foi enviado anteriormente pela ouvidoria pela de Mossoró:
      ” DEPARTAMENTO DE OUVIDORIA: SEGUE ABAIXO TEXTO ESCRITO EM DOCUMENTO (TERMO DE INSPEÇÃO SANITÁRIA) ENVIADO PARA ESTA OUVIDORIA ATRAVÉS DE E-MAIL. LOCAL DE INSPEÇÃO: CENTRAL DE ABASTECIMENTO FARMACÊUTICO – PREFEITURA MUNICIPAL DE MOSSORÓ. DATA: 16 DE JANEIRO DE 2014. INSPEÇÃO DE DENÚNCIA. O DEPÓSITO (CENTRAL DE ABASTECIMENTO) APRESENTOU NA OCASIÃO: NOTAS (DANFE – DOCUMENTO AUXILIAR DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA) DOS SEGUINTES FORNECEDORES: FARMACIA, PHOSPODONT PRONTOMÉDICA, CIRUFARMA MOSSORÓ DISTRIBUIDORA E DROGARIA MOSSORÓ, FORAM CONFERIDAS E OBSERVADAS AS SEGUINTE SITUAÇÃO: OS LOTES E VALIDADES DOS PRODUTOS ESTÃO DESCRITOS NAS DANFE’S SENDO OBSERVADA UMA VALIDADE BEM SUPERIOR A DATA DE COMPRA. NOS CASOS DE MOSSORÓ DISTRIBUIDORA E DROGARIA MOSSORÓ NÃO FORAM VISTAS DANFE’S DE TODAS AS ENTRADAS ALGUMAS ENTRADAS HAVIAM APENAS NOTAS DE CONFERENCIA AS MESMAS NÃO APRESENTEVAM DATA DE VALIDADE E/OU LOTE DO MEDICAMENTO OU INSOMO . ”
      Atentem para este trecho do e-mail que a ouvidoria da Secretaria de Saúde de Mossoró me enviou anteriormente:
      “NÃO FORAM VISTAS DANFE’S DE TODAS AS ENTRADAS ALGUMAS ENTRADAS HAVIAM APENAS NOTAS DE CONFERENCIA AS MESMAS NÃO APRESENTEVAM DATA DE VALIDADE E/OU LOTE DO MEDICAMENTO OU INSOMO . ”
      Isto está escrito no TERMO DE INSPEÇÃO SANITÁRIA realizado em Mossoró pela Vigilância Sanitária.
      Eu, Inácio Augusto de Almeida já recebi , ano de 2013, medicamentos com apenas um mês para a validade expirar. Foi este recebimento que me levou a oferecer denúncia à ouvidoria do SUS.
      Talvez os senhores não saibam, mas a entrega dos medicamentos é feita sem que o usuário do SUS assine o recebimento, apenas o funcionário assina que entregou. Isto dá margem a que o funcionário lance como entregue medicamentos que não foram efetivamente distribuídos.
      Todo o Brasil sabe o que acontece com as verbas do SUS.
      O certo seria fazer uma auditoria de surpresa.
      Estou me cansando de tanto enxugar gelo.
      Se os senhores quiserem encerrar a demanda, encerrem.
      Agradeço em nome dos pobres velhinhos, que muitas vezes ficaram sem receber os medicamentos, a atenção que foi dispensada aos meus e-mails.
      Atenciosamente
      Inácio Augusto de Almeida

      • Inácio Augusto de Almeida diz:

        Os leitores do blog Carlos Santos tirem as suas conclusões.
        Se houvesse uma rádio em Mossoró para ouvir os velhinhos que recebem estes medicamentos esta história não estaria sendo repetida tantas vezes.
        Qual o velhinho que recebe medicamentos em Mossoró que foi a uma UBS apanhar os remédios a que TEM DIREITO e não voltou de mãos vazias?
        Infelizmente as verbas de propaganda evitam que estes fatos sejam divulgados.
        Deixo bem claro que este relatos se referem ao ano de 2013.
        GESTÃO DA EX-PREFEITA.
        GESTÃO DA QUE FOI CASSADA.
        Em janeiro não observei falta de medicamentos na UBS Chico Porto.
        Hoje na UPA Santo Antônio, todos os medicamentos prescritos pelo médico para uma criança que eu estava acompanhando existiam na farmácia daquela unidade de saúde e foram entregues.
        EXISTIA FALTA DE MEDICAMENTOS DE DISTRIBUIÇÃO GRATUITA NAS UNIDADES DE SAÚDE EM 2013.
        ESTA É A VERDADE!

  3. Inácio Augusto de Almeida diz:

    Que mudança para melhor aconteceu na Secretaria de Comunicação.
    Sente-se a presença de uma pessoa competente exercendo a função de Secretária de Comunicação.
    Não há uma só ato do prfeito provisório que não seja realçado ao máximo.
    Enquanto isto a assessoria de imprensa da Governadora Rosalba Ciarlini mais lembra um poste.
    Um evento como a inauguração da Arena Dunas, contou inclusive com a presença da Presidentsa Dilma Roussef, quase passa despercebido.
    Apenas o registro puro e simples da inauguração, sem mostrar que a Arena Dunas é muito mais do que um campo de futebol e que muito será útil a todos os norteriograndenses.
    Mas a Governadora Rosalba Ciarlini sabe o que faz e se mantém esta equipe é porque está gostando.
    Sorte teve este prefeito provisório também na escolha desta Secretária de Saúde.
    Quem vai nas UPAs sente a diferença.
    Falta apenas a Secretária de Saúde regular o funcionamento da UBS Chico Porto, que continua ainda no ritmo da desastrada administração anterior, onde funcionárias despreparadas sentem prazer em dificultar marcação de consultas, etc.
    Às vezes penso que este prefeito provisório tem mais do que sorte.
    Chego a pensar que ele sabe escolher os seus secretários.
    Pena que ainda mantenha no cargo uma auxiliar para a área de Educação que na desastrada administração passada não fez entrega do MATERIAL ESCOLAR, serviu uma MERENDA ESCOLAR da pior qualidade e resumiu a distribuição do UNIFORME ESCOLAR a uma blusa tamanho único.
    Trocar esta auxiliar por uma Secretária já está no tempo.
    Administrativamente este prfeito provisório realiza um aceitável trabalho.
    Pena que não tenha explicado o que comprou, quando presidente dsa Câmara Municipal de Mossoró, com os quase 50 mil reais gastos em MATERIAL DE LIMPEZA, muito menos deu a conhecer o que comprou com os quase 100 mil reais torrados na aquisição de GÊNEROS ALIMENTÍCIOS.
    Falta ainda esclarecer porque teve o computador apreendido e telefonemas gravados pela Polícia Federal, além de estar indiciado em vários artigos do Código Penbal em processo que acontece naquela delegacia.
    Se conseguir explicar estes fatos e convencer a todos de que agiu corretamente, tem tudo para se tornar o futuro prefeito de Mossoró.
    Caso contrário, não mais se elegerá sequer vereador.
    Tem o futuro nas próprias mãos.
    ///
    MUNDO ESTÁ MUITO ALÉM DA NOSSA ESPERTEZA.
    Inácio Augusto de AçlmeidaO

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011 - 2021. Todos os Direitos Reservados.