• Repet - material para campanha eleitoral - 16 de maio de 2024
terça-feira - 21/11/2023 - 09:24h
2024

Sucessão natalense tem favorito, mas não um eventual eleito

Carlos Eduardo tem motivos à comemoração (Foto: rede social)

Carlos Eduardo tem alta cristalização e um cenário até aqui muito favorável (Foto: rede social/Arquivo)

A mais recente pesquisa sobre o cenário político-eleitoral em Natal, divulgada no dia passado (veja AQUI e AQUI) pelo Instituto Seta, reitera o que outras sondagens já mostraram: o ex-prefeito Carlos Eduardo Alves (PSD) é o nome favorito ao quinto mandato como burgomestre da capital.

Na pior das hipóteses, estará num hipotético segundo turno.

É cedo, é precipitado demais, se afirmar que é um eventual eleito.

Isso, não.

Favorito, é o caso. Nomes à esquerda e a direita até aqui surgem ainda anêmicos nessa prévia de confronto.

Vale lembrar que as eleições estão a pouco menos de um ano e sobra tempo para alterar esse cenário. É no calor da campanha que verdadeiramente teremos um quadro mais visível do que poderá ocorrer em outubro.

Carlos Eduardo tem dianteira, tem certa folga, alta cristalização de votos, mas a política de alianças e a capacidade de sobreviver aos ataques de todos os lados, por estar no topo, dirão muito sobre a fala das urnas em outubro de 2024.

Paralelamente, o comportamento do eleitor em relação às gestões estadual e municipal, é algo a pesar no cômputo final. As duas seguem em reprovação, a do Estado com Fátima Bezerra (PT), bem mais.

Lula e sua administração podem influir? Residualmente, não a ponto de resolver em favor da deputada federal Natália Bezerra (PT), pré-candidata de seu partido e segunda colocada na corrida eleitoral.

E o prefeito Álvaro Dias (Republicanos)? O que ele fará até lá, com ou sem candidato próprio – tirado do bolso, é um peso a ser dimensionado. Se estiver com Carlos Eduardo logo no primeiro turno, é capaz de resolver logo tudo aí mesmo.

Importante ser observado também o movimento das intenções de voto para outros nomes e a possível migração dessas aspirações, de hoje, num segundo turno.

A pesquisa do Instituto Seta chega a simular confronto Carlos x Natália e de novo o ex-prefeito aparece rotundo. Contudo, 48,2% estão alheios – por enquanto – aos dois nomes. Compreensível. É cedo demais para escolhas convictas.Pesquisa Seta à Prefeitura de Natal 20-11-2023 - Carlos x Natália

Numa análise fria e superficial dos números, é fácil perceber que será preciso esforço hercúleo para o bloco da governadora Fátima Bezerra, Lula e Natália superar essa corrente majoritária de centro-direita e vencer Carlos Eduardo Alves.

A sorte e a competência estão lançadas.

Veremos.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter AQUI, Instagram AQUI, Threads AQUI, Facebook AQUI e YouTube AQUI.

Compartilhe:
Categoria(s): Opinião da Coluna do Herzog / Política

Comentários

  1. Wendell Stewart da Costa Silva diz:

    O seu texto está excelente, eu concordo com os seus argumentos.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011 - 2024. Todos os Direitos Reservados.