segunda-feira - 30/07/2012 - 14:13h
É fantástico!!!

Prefeitos embolsam R$ 60 milhões com festas


São João, Carnaval, Ano Novo. Para a maioria dos brasileiros, é época de se divertir. E, para uma minoria de gente desonesta, época também de desviar dinheiro público.

Prefeitos de cidades muito pobres do Nordeste são acusados de promover eventos superfaturados e botar no bolso mais de R$ 60 milhões, que deveriam ser usados pra beneficiar a população. A matéria completa saiu na edição de ontem do programa “Fantástico”, da Rede Globo de Televisão.

Uma rua de terra leva a uma empresa milionária. No papel, JC Produções é uma experiente firma de eventos. Nos últimos três anos, venceu 231 concorrências de prefeituras. Faturou R$ 3 milhões.

Também no papel, a sede é a casa da Joelma e do Seu Jorge. “Nenhuma empresa de eventos. Só essa casinha aqui, a casa do meu pai”, ela conta.

O endereço deles foi usado para montar uma das empresas fantasmas envolvidas em um esquema milionário de desvio de dinheiro público. Ao todo, 27 pessoas foram presas. A quadrilha agia em 30 cidades paraibanas e em mais três estados do Nordeste.

No grupo havia até prefeitos: Francisco de Assis Melo, de Solânea, João Clemente Neto, de Sapé, e Renato Mendes, de Alhandra.

O esquema foi desvendado pelo Ministério Público da Paraíba e pela Polícia Federal. O foco da quadrilha era o dinheiro de festas populares, como Carnaval e São João. Os prefeitos envolvidos tinham uma missão: fraudar contratos para que empresas de amigos conseguissem os serviços.

“Era uma mulher, era um filho, um sobrinho, um conhecido. Essas empresas é que disputavam entre si”, explica Oswaldo Trigueiro, procurador-geral de Justiça da Paraíba.

Na prática, estas empresas só existiam no papel.

Veja matéria completa clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política

Comentários

  1. CALIBRE 50 diz:

    PLIM!PLIM!E DEPOIS DAS QUATRO VAMOS TRABALHAR DINHEIRO!IHaaaaaaaaaaaaaaa!POW!
    Menina traga o papel Higiênico!
    Qual patroa!?
    Aquele bordadinho de notas qu eu trouxe da França!
    Ihaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!POW!

  2. Francy Granjeiro diz:

    Será que aqui em Mossoró tem jogo sujo??????? Pocura saber disso CS.

  3. Francy Granjeiro diz:

    Isso é a grande realidade de todas as cidades pequena,eles roubam e o povo que se dane.
    E aqui em Mossoró?????

  4. FRANSUELDO VIEIRA DE ARAUJO diz:

    Será Hein…!!!???
    Será possível que ness métropole de cabeças ultra-brilhantes havria algum caso de corrupção?

    Com palavra a nossa nada venal azul-truquesa-rosadus, a qual diariamente nos mostra e demonstra o quanto na metrópole tudo funciona tal e qual um paraiso.

    Mas, será que é possível haver algum caso de corrupçaõ e de corrução de valores na “capital Cultural” da terra brasielis…onde viscejam cabeças “pensantes, probas e honestas” !!!???

    Ah ! não poderia deixar de lembrar, que atualmente esse estado de fidúcia e de candura na condução da administração pública grassa, se alastra e se espalha vigorodamente por estado em todo o seu explendor, mais que o azul-truqueza-rosadus e sua indescritível e benfazeja separação entre o público e o privado.

    Um baraço

    FRANSUÊLDO VEIRIA D EARAÚJO.
    OAB/RN. 7318.

  5. Francisco Vieira de Medeiros diz:

    E AQUI EM MOSSORÓ É DIFERENTE, COM CIDADE JUNINA, CHUVA DE BALA, ETC…

Deixe uma resposta para Francisco Vieira de Medeiros Cancelar resposta

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.