segunda-feira - 20/09/2021 - 19:20h
Orçamento secreto

Styvenson quer explicação sobre obra que beneficia Rogério Marinho

O senador Styvenson Valentim (Podemos) pediu a convocação do ministro do Desenvolvimento Regional e ex-deputado federal Rogério Marinho (sem partido) para depor no Senado. Quer ele na Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor (CTFC), depondo sobre recursos do “orçamento secreto” para uma obra no RN, que indiretamente o beneficiaria.

Em suas redes sociais, Valentim deu destaque ao seu pedido e à denúncia (Reprodução)

Em suas redes sociais, Valentim deu destaque ao seu pedido e à denúncia (Reprodução)

“Como todo cidadão que mora no RN, fiquei estarrecido com a reportagem do jornal O Estado de São Paulo (veja AQUI), de 20/9/21, que traz à tona uma história que o ministro Rogério Marinho teria direcionado R$ 1,4 milhão do chamado orçamento secreto, alocado no Ministério do Turismo, para a obra de um mirante turístico que será construído a 300 metros de um terreno de sua propriedade, em Monte das Gameleiras (RN)”, disse Valentim em suas redes sociais.

“Acho que o ministro tem o direito de se explicar e a população tem o direito de saber. Por isso, encaminhei requerimento ao presidente da Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor (CTFC), do Senado, solicitando que votemos o meu requerimento que convida o ministro para explicar melhor essa novela no âmbito da CTFC”, reforçou.

Duas versões

O Estadão lembra, que em audiência na Comissão de Trabalho, Administração e Serviços Públicos da Câmara, em 8 de junho, o deputado Rogério Correia (PT-MG) indagou Marinho se ele tinha indicado os recursos para a construção de um mirante próximo a um terreno que possuía, informação que circulava nos bastidores da política no Rio Grande do Norte. O ministro negou e demonstrou irritação com a pergunta.

“O senhor está falando uma informação que não é verdade. O senhor está mentindo em cima de uma ilação. Eu peço ao senhor respeito para não trazer para cá ilações”, disse na ocasião. “Não fui eu que solicitei, certo? Não fui eu que solicitei. Foi o deputado Beto Rosado (Progressistas-RN)”, afirmou o ministro à época.

Depois que os documentos foram obtidos pelo jornal O Estado de São Paulo, o ministro admitiu que acionou o Ministério do Turismo, mas alegou que o fez a pedido do deputado Rosado. O nome do parlamentar, no entanto, não aparece no documento relacionado ao repasse da verba, apenas o de Marinho.

Acompanhe o Canal BCS (Blog Carlos Santos) pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 07/09/2021 - 19:36h
Câmara Federal

Pesquisa dá vitalidade à pré-candidatura de Lawrence Amorim

O presidente da Câmara Municipal de Mossoró, Lawrence Amorim (Solidariedade), tem muito o que comemorar com a recente pesquisa de âmbito estadual, divulgada nessa segunda-feira (6) pelo Blog do BG.

O trabalho foi feito pelo Instituto Agorasei.

Lawrence tem participado ativamente de programação administrativa do prefeito Allyson, um nome em contínua ascensão (Foto: PMM/Arquivo)

Lawrence tem participado ativamente de programação administrativa do prefeito Allyson, um nome em contínua ascensão (Foto: PMM/Arquivo)

Ele apareceu entre os dez mais citados à Câmara Federal (veja AQUI), sendo o sétimo colocado com 0,4% de intenções de voto. É o único novato. Os demais têm mandato, à exceção de Garibaldi Filho (MDB), ex-senador que na verdade não deverá concorrer à cadeira nesse poder.

A pesquisa é espontânea: o entrevistado fala o nome que lhe vem à cabeça, quando questionado em quem pretende votar.

O desempenho é especialmente animador para inflar imagem de Lawrence Amorim em Mossoró, seu principal colégio eleitoral. O vereador desponta como opção mais viável a deputado federal, no grupo liderado pelo prefeito Allyson Bezerra (Solidariedade), que o encaixou de vez em suas agendas administrativas e tende a apoiá-lo em 2022.

O peso de Allyson

Em 2018, candidato à Câmara Federal em faixa própria, ele empalmou 24.551 votos no estado. Sem nenhum apoio expressivo em Mossoró, sua terra natal, ele recebeu 10.153 votos, sendo o terceiro mais votado. Ficou atrás de Beto Rosado (PP), com 16.241 votos, bem como de Natália Bonavides (PT), que totalizou 11.558.

Para 2022, o “piso” de Lawrence, pode ser dito sem exagero, é esse. Sua votação teoricamente parte daí em Mossoró, uma plataforma bastante elevada.

Tem tudo para se constituir num campeão de votos sob a regência de Allyson Bezerra, fenômeno eleitoral que não para de dar demonstrações de vitalidade política. A pesquisa Agorasei-Blog do BG identificou-o com 76,7% de aprovação e apenas 13,5% de reprovação (veja AQUI), maior índice de aval popular no Rio Grande do Norte.

Acompanhe o Canal BCS (Blog Carlos Santos) pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política
  • Banner - Art&C - Potigás - 20/09 a 19/10 de 2021
segunda-feira - 30/08/2021 - 21:48h
Política

PT prepara chapa à Câmara Federal capaz de eleger dois nomes

Partido dos Trabalhadores (PT) deverá ter uma das chapas mais fortes às eleições proporcionais, com expectativa de outra vez eleger pelo menos dois nomes à Câmara dos Deputados. Pode repetir o que ocorreu em 2018 com Natália Bonavides e Fernando Mineiro.

Natália e Mineiro: nomes de 2018 (Fotomontagem Potiguar Notícias)

Natália e Mineiro: nomes de 2018 (Fotomontagem Potiguar Notícias)

Esse último, sem o mandato de forma efetiva, em face de decisões liminares que garantem até hoje o adversário Beto Rosado (PP)  em seu lugar.

Com a manutenção das regras da legislação eleitoral que preveem fim de coligações proporcionais, cada partido fará sua própria nominata, como aconteceu nas disputas municipais do ano passado. Em 2018 foi diferente. Ainda valeu a coligação proporcional (partidos se juntavam e formavam chapa única).

Como foi 2018

A Câmara Federal recebeu cinco novos deputados potiguares eleitos em 2018: Benes Leocádio (PTC), Natália Bonavides (PT), Mineiro (PT), General Girão (PSL) e João Maia (PR).

O deputado federal mais votado foi Benes Leocádio (PTC), com 125.841 votos (7,82% dos votos válidos).

Rogério Marinho (PSDB) e Beto Rosado (Progressistas) não se reelegeram. Porém, reviravolta judicial levou Beto à vitória, mesmo que sub judice.

Dos oito deputados federais eleitos em 2014, três não tentaram a reeleição: Zenaide Maia (PHS) e Jácome (Podemos) se candidataram ao senado; e Felipe Maia (DEM) não concorreu, abrindo espaço para o pai e então senador José Agripino (DEM), que não obteve sucesso.

Os eleitos

  • Benes Leocádio (PTC) – 125.841 (7,82%) – Eleito
  • Natália Bonavides (PT) – 112.998 (7.02%) – Eleito
  • Mineiro (PT) – 98.070 (6,09%) – Eleito
  • João Maia (PR) – 93.505 (5,81%) – Eleito
  • Rafael Motta (PSB) – 82.791 (5,14%) – Reeleito
  • General Eliéser Girão (PSL) – 81.640 (5.07%) – Eleito
  • Walter Alves (MDB) – 79.333 (4,93%) – Reeleito
  • Fábio Faria (PSD) – 70.350 (4,37%) – Reeleito

– 1.609.833 votos válidos (81,86%);
– 109.541 brancos (5,57%);
– 247.076 votos nulos (12,56%);
– 406.098 abstenções (17,12%);
* Quociente eleitoral ficou em 201.229 votos

Foram apurados 1.966.450 votos. Destes, 1.609.833 foram votos válidos.

Ficaram como suplentes: Carla Dickson (PROS) e Rogério Marinho (PSDB), pela “Coligação Trabalho e Superação I”; Caramuru Paiva (PT) e Garibalde Leite (PHS), da coligação “Do Lado Certo”; Beto Rosado (Progressistas), pela coligação “100% RN”, e Lawrence Amorim (SD), pela coligação “Renova RN I”.

Acompanhe o Canal BCS (Blog Carlos Santos) pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 24/08/2021 - 16:30h
Submundo

Rosalbista e comparsa envolvidos em furto de trator fazem acordo

Investigação da Defur resultou em inquérito denso e levou envolvidos a entendimento com MP

Para não se submeterem a processo judicial, que iria tramitar e caminharia provavelmente à condenação de ambos, Nivaldo Ferreira da Silva e Josenildo Leão firmaram “Acordo de não persecução penal” com a 8ª Promotoria de Justiça da Comarca de Mossoró, ocupada pelo promotor Paulo Carvalho Ribeiro.

Nivaldo fez acordo com Ministério Público, o que é admissão de envolvimento no furto qualificado (Foto: reprodução BCS)

Nivaldo fez acordo com Ministério Público, o que é admissão de envolvimento no furto qualificado (Foto: reprodução BCS)

Eles admitiram participação direta no furto qualificado do trator marca/modelo Budny, BDY-7540B, ano 2020, cor laranja.

O veículo da Prefeitura Municipal de Mossoró desapareceu do pátio da Secretaria Municipal da Agricultura (bairro Costa e Silva), no dia 9 de janeiro de 2021 (um sábado), segunda semana da gestão Allyson Bezerra (Solidariedade). Houve constatação do desaparecimento na segunda-feira (11).

No dia 14, uma quinta-feira, por volta de 19h15, equipe de investigação comandada pelo titular da Delegacia de Furtos e Roubos (DEFUR), bacharel Rafael Arraes, localizou o trator a 155 km de Mossoró, no município de Guamaré (veja AQUI).

Com o acordo, Nivaldo e Josenildo vão pagar, cada um, 5 (cinco salários mínimos), com parcelamento que podem chegar respectivamente a 15 e 12 meses. Assim, livram-se do pior.

Equipamento do município estava em Guamaré, em perfeito estado de conservação (Foto: cedida)

Equipamento do município estava em Guamaré, em perfeito estado de conservação (Foto: cedida)

História

Nivaldo é um velho conhecido na política mossoroense, como seguidor fiel e de confiança da cúpula do rosalbismo. Na gestão da ex-prefeita Rosalba Ciarlini (PP) que foi até o dia 31 de dezembro, do ano passado, era comissionado na justamente na Secretaria Municipal de Agricultura, desde a nomeação em 13 de novembro de 2017 para Chefe de Divisão, Símbolo CD.

Nivaldo era cargo comissionado justamente onde houve furto do trator (Reprodução BCS)

Nivaldo era cargo comissionado justamente onde houve furto do trator (Reprodução BCS)

Inclusive, Nivaldo Ferreira postou várias fotos há poucos meses, ao lado dos líderes Carlos Augusto Rosado-Rosalba (veja AQUI), que lhe visitaram em sua casa no dia 15 de maio.

Ele, posteriormente, acabou recebido por ambos.

O irônico desse enredo, é que logo que foi divulgado o furto, o deputado federal Beto Rosado (PP) utilizou suas redes sociais para cobrar o elucidamento do crime e criticar o prefeito por ser omisso em termos de segurança patrimonial.

“A notícia que o prefeito retirou os guardas municipais da proteção do patrimônio público, alertou os criminosos para uma ação como essa que foi feita”, disse (veja AQUI).

Aliado fiel, Nivaldo recebeu visita do casal e depois retribuiu o agrado (Fotomontagem BCS)

Aliado fiel, Nivaldo recebeu visita do casal e depois retribuiu o agrado (Fotomontagem BCS)

Apesar da rápida e eficiente ação policial, Beto não tocou mais no assunto. Hoje, tudo faz sentido. Seria atirar no próprio pé parabenizar a Polícia Civil por pegar seu colaborador político, Nivaldo, e o comparsa, mesmo não tendo – possivelmente – qualquer envolvimento com o caso,

Como foi o furto

O delegado Rafael Arraes colheu depoimento de que Nivaldo teria oferecido o trator à venda. Mas, ele acabou fechando negócio parcelado por R$ 80 mil, conforme o outro envolvido – Josenildo Leão – contou.

Josenildo pegou o veículo na Feira do Bode, área da Secretaria Municipal da Agricultura, mas Nivaldo não acompanhou a retirada dele do local. Apenas orientou como fazer para levá-lo.

De lá, por volta de 15h do sábado (9 de janeiro), o trator foi levado até Guamaré. Josenildo Leão dirigiu uma picape de pequeno porte como ‘batedor’, indo à frente, enquanto um amigo pilotava o veículo, sem saber se tratar de um furto.

No inquérito policial, ainda há depoimento de um amigo de Nivaldo Ferreira que é bastante delicado. Ao delegado, esse depoente assegurou que ouviu dele a afirmação de que “caso fosse preso iria acusar mais gente; e disse inclusive que havia político envolvido…”.

Para o delegado, é pouco provável que tenha acontecido comercialização ilegal do trator. Os dois – Nivaldo e Josenildo – foram sócios no furto qualificado.

Veja abaixo, vídeo em que o delegado Rafael Arraes explicou no dia 18 de janeiro como foi a rápida investigação e solução do furto do trator da municipalidade. Ele dá detalhes do trabalho policial e a sustentação comprobatória do que posteriormente apresentou no inquérito sob o número 0802956-97.2021.8.20.5106, na 2ª Vara Criminal da Comarca de Mossoró:

O que é o Acordo de Não Persecução Penal? – Trata-se de um instituto de caráter pré-processual, que  representante do Ministério Público e o investigado formalizam, quando a prática de infração penal é admitida e se identifica que aconteceu sem violência ou grave ameaça e com pena mínima inferior a 4 (quatro) anos.

Acompanhe o Canal BCS (Blog Carlos Santos) pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política / Reportagem Especial / Segurança Pública/Polícia
  • Banner - Quixote - Câmara de Mossoró - Transparência - 2021 - Setembro
segunda-feira - 23/08/2021 - 23:26h
Caso Kerinho

Mineiro cobra mandato com julgamento no TSE

Secretário de Gestão Projetos e Metas do RN, o ex-deputado estadual Fernando Mineiro (PT) divulga vídeo em que manifesta desejo que finalmente o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decida sobre o mandato federal pendente desde as eleições de 2018, exercido sub judice pelo deputado Beto Rosado (PP).

À semana passada (veja AQUI), parecer do vice-procurador-geral eleitoral Paulo Gustavo Gonet Branco foi pelo “desprovimento dos recursos” procuravam garantir de vez o mandato de Beto. Contudo, o mérito da matéria não foi julgado ainda. Arrasta-se desde o fim das eleições nos escaninhos da Justiça Eleitoral.

Mineiro obteve 98.070 votos e foi o segundo eleito de sua coligação, atrás apenas de Natália Bonavides (PT). Já Beto, com 71.092 votos, só ficou com a vaga porque a somatória dos da coligação dele foi maior que a da coligação do petista, graças aos votos do candidato Kériclis Alves (PDT), o “Kerinho”, que empalmou 8.990.

Histórico

Segundo foi judicializado, o candidato Kerinho (PDT) fazia parte da Coligação 100% RN (onde Beto estava), mas estaria inelegível para deputado federal em 2018. Não teria pedido exoneração em tempo hábil de um cargo comissionado que ocupava na Prefeitura de Monte Alegre (veja AQUI). Pela lei, o candidato deveria se desincompatibilizar do cargo, no mínimo, três meses antes da eleição.

Mineiro chegou a ser diplomado no dia 29 de janeiro deste ano (veja AQUI). Todavia, através de mandado de segurança com pedido de liminar, no TSE, no dia 10 de fevereiro (veja AQUI), Beto Rosado segurou-se no mandato. A decisão foi do ministro Luís Felipe Salomão.

Já no dia 19 de março, o plenário do próprio TSE reiterou a decisão liminar de Salomão mantendo a liminar, com placar de 7 x 0 pró-Beto (veja AQUI).

Veja AQUI, links para mais de 30 matérias sobre esse assunto, mostrando todo o desenrolar dos acontecimentos políticos e processuais do chamado “Caso Kerinho”.

Acompanhe o Canal BCS (Blog Carlos Santos) pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política
sábado - 21/08/2021 - 08:30h
Caso Kerinho

Procuradoria Eleitoral dá parecer em favor de Mineiro contra Beto

Por Cledivânia Pereira (Do Saiba Mais)

A Procuradoria Geral Eleitoral (PGE) emitiu nesta sexta-feira (20) um parecer pelo “desprovimento dos recursos” de Kériclis Alves (PDT), o “Kerinho”, do deputado Beto Rosado (Progressistas) e da coligação pela qual eles foram votados. O documento é assinado pelo vice-procurador-geral eleitoral, Paulo Gustavo Gonet Branco, e no entendimento beneficia Fernando Mineiro (PT), que teria o direito a assumir o mandato hoje ocupado por Beto Rosado.

Mineiro foi mais votado do que Beto Rosado nas eleições de 2018 e votos de Kerinho são o xis da questão (Fotos: José Alderir e Câmara dos Deputados)

Mineiro foi mais votado do que Beto Rosado nas eleições de 2018 e votos de Kerinho são o xis da questão (Fotos: José Alderir e Câmara dos Deputados)

O parecer da PGE será base para a apreciação da Corte do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mas não há uma data limite para isso. O pronunciamento da PGE é mais um capítulo na longa novela que envolve o direito a uma das vagas de deputado federal pelo Rio Grande do Norte. Essa ação teve início nas eleições de 2018.

Em janeiro de 2021, após dois anos das eleições, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN) indeferiu o registro de candidatura de Kéricles Alves Ribeiro, que concorreu ao cargo de deputado federal pelo PDT e obteve 8.990. Entre as irregularidades confirmadas pela Justiça estava o fato de Kerinho não ter se desvinculado de um cargo em comissão na prefeitura de Monte Alegre no prazo legal.

Votos

Como a candidatura foi indeferida, os votos dele também foram anulados, o que mudaria a configuração da bancada federal na Câmara dos Deputados com a diplomação de Mineiro, terceiro candidato mais votado com 98.070 votos, no lugar de Rosado, que obteve 71.092 votos e só ficou com a vaga porque a somatória dos votos da coligação dele foi maior que a da coligação do petista.

No entanto, uma decisão monocrática do ministro Luís Felipe Salomão acatou o recurso do deputado mossoroense e o manteve no cargo. No entendimento do magistrado, como o registro de candidatura de Kériclis Alves Ribeiro foi cassado após as eleições, os votos não poderiam ser anulados. A maioria dos juízes do TRE discordam da tese e reafirmaram a legalidade do diploma de Mineiro.

Este ano, Fernando Mineiro chegou a ser diplomado pelo TRE, mas Beto Rosado, Kériclis e a coligação voltaram a recorrer, desta vez à última instância – o TSE. A corte pediu um parecer à PGE – que foi concluído nesta sexta-feira (20). Como é um processo de 2018, deve ter prioridade. Mas, no entanto, não há um prazo legal para ser julgado. O ministro relator do caso é Luís Felipe Salomão, do TSE.

Veja AQUI a íntegra do parecer.

Nota do Blog – Esse lengalenga nauseante deve se arrastar por mais tempo. Particularmente, não creio numa reversão do que está se arrastando há tanto tempo.

Acompanhe o Canal BCS (Blog Carlos Santos) pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Justiça/Direito/Ministério Público / Política
  • Banner - Executiva - Detran/RN - 01 a 31 de Agosto de 2021
sexta-feira - 13/08/2021 - 16:38h
Política

Maioria de deputados federais dirige o próprio partido no RN

Do Blog Diário Político

No Rio Grande do Norte, dos oito deputados federais, cinco são presidentes de seus respectivos partidos. Vamos lá:

Benes, Beto, João, Rafael e Walter têm partidos sob controle absoluto

Benes, Beto, João, Rafael e Walter têm partidos sob controle absoluto

Beto Rosado, agora presidente do Progressistas;

Walter Aves é o presidente do MDB;

Benes Leocádio, Republicanos;

João Maia preside o PL;

Rafael Motta é presidente do PSB no RN.

Carla Dickson, que é do PROS, tem seu marido e deputado estadual Albert Dickson como presidente da legenda.

Apenas Natália Bonavides (PT) e General Girão do PSL não são presidentes de seus partidos em nível estadual. Mais do que assumir as presidências das siglas, os deputados federais exercem influência em outras disputas.

Trabalham em costuras políticas para deputado estadual e nas eleições municipais, por nomes a vereador e prefeito, com a finalidade de fortalecimento de suas siglas e consequentemente manutenção de seus mandatos.

Por ser uma das disputas mais acirradas no quadro eleitoral, ser presidente de partido para um deputado federal não é questão apenas de poder, mas de sobrevivência política.

Acompanhe o Canal BCS (Blog Carlos Santos) pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política
quarta-feira - 11/08/2021 - 08:06h
Beto Rosado

Deputado está a um passo de ser o mais novo “comunista” da praça

Beto pediu opinião, viu o que seu eleitor queria e votou ao contrário Reprodução Canal BCS)

Beto pediu opinião, viu o que seu eleitor queria e votou ao contrário (Reprodução Canal BCS)

Bolsonarismo paroquial elegeu o deputado Beto Rosado (PP) como seu mais novo inimigo.

O inesperado “não” dele contra voto impresso (veja AQUI) faz a matilha rosnar.

Nome mais simplório que vi foi o de “cachorro”.

Ainda não o rotularam de “comunista”.

É questão de tempo.

Aguarde.

Nota do Blog – Interessante é que o parlamentar abriu enquete em suas redes sociais para saber a posição de seus eleitores quanto ao voto que deveria dar. As  manifestações majoritárias eram pelo “sim”. Virou e deixou muita gente sem entender o porquê e outras tantas pessoas espumando de ódio.

Acompanhe o Canal BCS (Blog Carlos Santos) pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política
  • Banner - Quixote - Câmara de Mossoró - Transparência - 2021 - Setembro
quinta-feira - 05/08/2021 - 19:24h
Correios

Só Rafael Motta e Natália Bonavides votam contra privatização

Maioria dos deputados do RN foi favorável ao processo de privatização (Fotomontagem do BSV)

Maioria dos deputados do RN foi favorável ao processo de privatização (Fotomontagem do BSV)

Do Blog Saulo Vale e Blog Carlos Santos

A Câmara dos Deputados aprovou nessa quinta-feira (5) – veja AQUI, por 283 votos a favor, 173 contrários e duas abstenções, o texto-base do projeto que autoriza a privatização dos Correios.

O projeto de privatização dos Correios é prioritário para o governo Jair Bolsonaro (sem partido).

Como votou bancada do RN

Beto Rosado (Progressistas) – a favor;

Benes Leocádio (Republicanos) – ausente;

Carla Dickson (Pros) – a favor;

General Girão (PSL) – a favor;

João Maia (PL) – a favor;

Natália Bonavides (PT) – contra;

Rafael Motta (PSB) – contra;

Walter Alves (MDB) – a favor.

Demissão, tarifa social e manutenção de agências

A votação não encerra esse processo, pois ainda estará no Senado. O texto aprovado abre caminho à privatização de todos os serviços oferecidos pelos Correios (no passado, Empresa de Correios e Telégrafos-ECT), que chegaram a ser em décadas passadas, a empresa mais aprovada pela população em constantes pesquisas.

O grupo adquirente dos Correios terá, pelo texto-base, de manter aberta as agências em cidades que possam ter baixa atratividade econômica. Também é prevista uma tarifa social para atender populações mais vulneráveis. Nesse processo, ainda haverá implantação de um Programa de Demissão Voluntária (PDV).

Os funcionários que vierem a aderir ao PDV terão direito a indenização equivalente a 12 vezes a remuneração, manutenção do plano de saúde por 12 meses e plano de requalificação profissional.

Acompanhe o Canal BCS (Blog Carlos Santos) pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política
sexta-feira - 30/07/2021 - 11:36h
Gêmeos

Sejam bem-vindos

Deputado apresentou recém-nascidos ainda na sala cirúrgica do HMAC, nessa manhã (Foto: reprodução BCS)

Deputado apresentou recém-nascidos ainda na sala cirúrgica do HMAC, nessa manhã (Foto: reprodução BCS)

O deputado federal Beto Rosado (PP) apresenta seus novos reforços afetivos: nasceram à manhã dessa sexta-feira (30) no Hospital Maternidade Almeida Castro (HMAC), em Mossoró, filhos gêmeos (Carlos Ezequiel e André Jerônimo) com a professora e agrônoma Katherine Bezerra.

Reforçarão a casa com o infante Theodoro.

Sejam bem-vindos com saúde, amor e paz.

Amém!

Acompanhe o Canal BCS (Blog Carlos Santos) pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Gerais / Política
quinta-feira - 29/07/2021 - 11:54h
Progressistas

Rosalbismo se movimenta para alavancar nomes de Beto e Rosalba

O ex-vereador Alex Moacir posou com Beto Rosado em visita ao QG do rosalbismo Foto: redes sociais)

Os ex-vereadores Alex Moacir e Toni Cabelos em visita ao QG do rosalbismo (Foto: redes sociais)

O quartel-general do Progressistas em Mossoró, legenda que abriga o rosalbismo e seus pré-candidatos às eleições de 2022, anda num movimento crescente nos últimos dias.

Ex-vereadores, lideranças comunitárias e outros agentes políticos estão sendo convidados à conversa na sede da legenda, à Rua Mário Negócio (Centro).

O rosalbismo também foca em nomes da bancada governista na Câmara Municipal, detectando eventuais insatisfações, para poder cooptar apoios.

O atual deputado federal Beto Rosado é nome certo à disputa de novo mandato.

A ex-prefeita derrotada ano passado Rosalba Ciarlini vai para uma corrida eleitoral mais modesta, apostando em eleição à Assembleia Legislativa.

Acompanhe o Canal BCS (Blog Carlos Santos) pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política
quinta-feira - 15/07/2021 - 21:15h
Eleições 2022

Deputados aprovam quase R$ 6 bilhões de Fundo Eleitoral

Fundo-EleitoralD’O Antagonista e Blog Carlos Santos

Os deputados votaram na tarde desta quinta (15) o Projeto da Lei Orçamentária de 2022, a famosa LDO.

O texto inclui um fundo eleitoral de R$ 5,7 bilhões – quase o triplo do praticado nas eleições municipais de 2020.

O partido Novo propôs um destaque para excluir do projeto o aumento do fundão, mas a modificação foi rejeitada em votação simbólica.

Portanto, na prática, quem votou a favor da LDO votou a favor do novo fundão.

Orientaram Sim à proposta (e portanto na prática a favor do novo fundão): PSL, PL, PP, PSD, MDB, PSDB, DEM, Solidariedade, Pros, PSC, PTB e Cidadania.

Orientaram Não à proposta: PT, PSB, PDT, Podemos, PSOL, Novo, PV, Rede e a liderança da Oposição.

O projeto foi aprovado por 278 votos a 145, com uma abstenção, de Toninho Wandscheer (Pros-PR).

Veja como votaram os deputados federais do RN:

Carla Dickson (PROS-RN) – votou Sim

Benes Leocádio (Republican-RN) – votou Sim

Beto Rosado (PP-RN) – votou Sim

General Girão (PSL-RN) – votou Sim

João Maia (PL-RN) – votou Sim

Natália Bonavides (PT-RN) – votou Não

Rafael Motta (PSB-RN) – votou Não

Walter Alves (MDB-RN) – não compareceu.

Nota do Blog Carlos Santos – Esse “Fundão” ainda maior é um acinte. Brinca-se com a fome, o desemprego, com quase 600 mil mortes, além do atraso educacional que levará anos para ser minimizado.

Acompanhe o Canal BCS (Blog Carlos Santos) pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Blog
  • Banner - Quixote - Câmara de Mossoró - Transparência - 2021 - Setembro
quinta-feira - 08/07/2021 - 08:44h
Embate mossoroense

Lawrence sofre ataque antecipado em disputa que só ocorrerá em 2022

Rosalbismo vê pré-candidato à Câmara Federal como outro problema à reeleição de Beto Rosado

O presidente da Câmara Municipal de Mossoró, Lawrence Amorim (Solidariedade), consegue um feito incomum nesses tempos de mudança no protagonismo da política de Mossoró.

Em menos de 72 horas, ele foi alvo de sete postagens em sequência, o atacando, em uma única página virtual controlada pelo rosalbismo.

Nome que se encaminha à ocupação de espaço, Lawrence começa a ser atacado cedo e freneticamente (Foto: Marcos Garcia/De Fato/Arquivo

Nome que avança à ocupação de espaço, Lawrence é atacado freneticamente (Foto: Marcos Garcia/De Fato/Arquivo

Superou até mesmo o prefeito Allyson Bezerra (Solidariedade), vítima diária e obrigatória de notas/matérias/comentários depreciativos em endereços anônimos (fakes), onde não se poupa sequer sua família e honra pessoal. Coisa da esgotofera.

A blitz contra Amorim tem uma explicação ou, justificativa, para quem a promove: o vereador é pré-candidato à Câmara Federal e deverá polarizar com o rosalbista e atual federal Beto Rosado (PP) em Mossoró. Prioridade é desmanchá-lo antecipadamente.

Na campanha de 2018, Beto não teve adversário direto equivalente em Mossoró e empalmou 16.241 (14,79%) votos. Tinha atrás de si a superestrutura da municipalidade, onde sua tia-afim Rosalba Ciarlini (PP) estava aboletada. Foi o mais votado. O segundo colocado foi Natália Bonavides (PT) com 11.558 (10,53%) votos.

Lawrence Amorim ficou em terceiro com 10.153 (9,25%) votos, ou seja, apenas 6.088 votos a menos do que Beto.

O embate caseiro entre os dois mossoroenses à Câmara dos Deputados promete esquentar em 2022. Entretanto, será diferente do que ocorreu durante várias eleições.

Rosado x Rosado

A partir de 1994, quando o antagonismo no mesmo campo político local já era estritamente familiar – entre Rosado x Rosado -, as duas bandas da família que se dividiu a partir dos anos 80 tiveram frente a frente os primos Laíre Rosado (PMDB) e Betinho Rosado (PFL). Ambos saíram vitoriosos na luta federal.

A fórmula deu certo para os dois lados ainda em várias eleições: em 1998 (Laíre e Betinho), 2002 (Sandra Rosado e Betinho), 2006 (*Sandra e Betinho*) e 2010 (Sandra e Betinho). Começou a ruir em 2014, quando  Sandra não se reelegeu após três mandatos consecutivos e Betinho não pode concorrer devido impedimento legal, colocando o filho Betinho Segundo, o “Beto” Rosado, em seu lugar.

A anemia eleitoral acabou se agravando em 2018. Sandra sequer tentou retornar à contenda (já cooptada pelo grupo familiar adversário) e Beto conseguiu novo mandato em meio a ruidosa celeuma judicial, conhecida como “Caso Kerinho” (veja AQUI).

Que venha agora 2022.

  • Em 2006, Betinho não se reelegeu, mas foi beneficiado com o falecimento do reeleito Nélio Dias (PP) em 20 de julho de 2007, assumindo a titularidade.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política / Reportagem Especial
terça-feira - 22/06/2021 - 07:24h
Câmara Federal

Veja como votaram os deputados do RN na privatização da Eletrobras

Governo Federal consegue importante vitória à sua política de privatizações (Foto: Web)

Governo Federal consegue importante vitória à sua política de privatizações (Foto: Web)

A Câmara dos Deputados aprovou nesta segunda-feira (21), o texto aprovado pelo Senado à medida provisória 1.031 de 2021. A matéria autoriza a capitalização (modelo de privatização) da Eletrobras. Foram 258 votos favoráveis, 136 votos “não” e 53 pela “obstrução”, que é uma forma de ficar contra a proposta.

O projeto agora vai à sanção do presidente da República, Jair Bolsonaro.

Veja abaixo como votou cada deputado potiguar:

Benes Leocádio (Republicanos) – Não votou
Beto Rosado (PP) – Sim
Carla Dickson (PROS) – Não votou
General Girão (PSL) – Sim
João Maia (PL) – Sim
Natália Bonavides (PT) – Não
Rafael Motta (PSB) – Obstrução
Walter Alves (MDB) – Obstrução.

No Senado, os três representantes do Estado do RN votaram “Não”: Jean-Paul Prates (PT), Styvenson Valentim (Podemos) e Zenaide Maia (PT).

A Eletrobras é a maior empresa de energia da América Latina. Promessa do governo é de maior investimento no setor, inclusive barateando contas dos consumidores. Outra corrente entende que ocorrerá o inverso, com a natureza capitalista do lucro das empresas privadas.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Economia / Política
  • Banner - Quixote - Câmara de Mossoró - Transparência - 2021 - Setembro
domingo - 13/06/2021 - 18:50h
Crise

Clima carregado em família antes e depois de eleições

Leste, oesteDo Blog da Chris

O grupo familiar herdeiro do governador Dix-sept Rosado (in memoriam) está convivendo com uma crise nunca antes vista. O espólio dos quatro irmãos – Carlos Augusto, Isaura Amélia, Carlos Alberto (Betinho) e Dix-sept Filho – é o xis da questão.

O posto de combustíveis Leste-Oeste, por exemplo, está fechado.

O desentendimento se agravou muito após as eleições municipais do ano passado, quando Rosalba Ciarlini Rosado (PP), mulher do líder familiar Carlos Augusto, perdeu a disputa à reeleição à prefeitura.

Esse estresse tem também relação com campanha que se avizinha e Dix-sept sempre foi guardião do patrimônio da família e não quer se desfazer para eleger Rosalba e Beto Rosado (PP), deputados estadual e federal.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política
domingo - 23/05/2021 - 09:32h

2022 no Brasil e no RN

Por Ney Lopes

Para 2022, formulam-se os mais variados cenários na turbulenta política brasileira e especialmente o RN. Sempre se repete o velho jargão de que ainda é cedo. Mas, para quem é do ramo, sabe que não é.

As 24 horas dos dias estão sendo usadas nas articulações de bastidores, hipóteses, estratégias, em todos os níveis.

Uma das situações mais urgentes é a do presidente Bolsonaro. Ele está sem partido, até hoje.

Businessman touching the screen in the office

Businessman touching the screen in the office

A hipótese mais viável de filiação do presidente era ao “Republicanos”, partido do bispo Macedo, da Igreja Universal. Entretanto, governo de Bolsonaro vê crescer a ameaça de perder o apoio da Igreja Universal do Reino de Deus.

A causa do desgaste entre evangélicos e o governo foi a alegada inação das autoridades brasileiras à ordem de deportação de 34 brasileiros do país africano.

A medida foi imposta depois que a instituição religiosa disse ter identificado comportamento impróprio de angolanos e afastado essas pessoas do comando da Igreja Universal do Reino de Deus, naquele país africano.

Diante desse imprevisto, o presidente tende a disputar a reeleição no PP, de Ciro Nogueira e Artur Lira.

A dúvida é sobre como ficará o partido no RN, com a chegada de Fábio e Robinson Faria.

Fala-se que Rosalba Ciarlini e Beto Rosado se aproximarão da governadora Fátima Bezerra.

Mas, certamente, dependerá dos “agrados”.

Bom lembrar, que em 2014, Rosalba votou em Fátima Bezerra, para o Senado.

A primeira “dor de cabeça” é como Bolsonaro e o PP resolverão as ambições, tanto de Fábio Faria, quanto do ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

Ambos planejam ingressar no PP para disputar a vaga ao Senado do Rio Grande do Norte em 2022.

Se Fábio não for chamado para ser o candidato a vice-presidente da república (como ele próprio propaga) haverá disputa entre os dois.

Entre as múltiplas variáveis, que poderão influir na montagem dos palanques no RN, está a posição a ser assumida pelo MDB.

O deputado Walter Alves apressou-se em lançar o seu pai para o senado. Mas, ao que comenta, é “para inglês ver”.

O que ele quer é ser vice-governador de Fátima Bezerra.

Essa pretensão do MDB estadual encontra lógica nos fatos políticos nacionais.

Com a maior bancada do Senado e uma das maiores da Câmara, o MDB virou o fiel da balança tanto para Bolsonaro, quanto para Lula, na composição de alianças na sucessão presidencial.

Para os analistas, o MDB caminha para apoiar Lula, embora desfrute das benesses do governo, através dos líderes senador Fernando Bezerra, líder no Senado e Eduardo Gomes, líder no Congresso.

Os caciques peemedebistas fizeram as contas. Têm votos na Executiva: Eduardo Braga, quatro votos; Renan Calheiros, quatro; Jader Barbalho três; Roberto Requião dois e Garibaldi Alves um voto.

Esse grupo, embora desminta, estaria já unido no apoio ao ex-presidente Lula.

Caso se confirme o prognóstico de alinhamento com o PT, a pretensão do deputado Walter Alves de ser o vice de Fátima torna-se possível.

Dessa forma, poderá ser indicado vice-governador; o pai deputado estadual (para presidir a Assembleia a partir de 2023) e Henrique deputado federal. Quanto a Henrique, não há nenhum impedimento legal e terá reais chances de eleger-se.

A posição tucana do PSDB-RN é incógnita e se circunscreve aos deputados estaduais e aos seus cativos colégios eleitorais, cuja influência em eleição majoritária é muito duvidosa.

O ex-senador José Agripino pela sua militância no passado terá inegável presença no processo eleitoral. Não pode ser subestimado.

Mas, ele se mantém calado. Dizem que aposta numa candidatura de Ciro Gomes à presidente, apoiada pelos Democratas. Em tal situação disputaria o senado.

Post scriptum – Como analisei várias hipóteses, esclareço que pela militância e experiência que adquiri na vida pública estadual, também tenho pretensões de ser candidato a Senador, em 2022.

Porém, conheço as limitações de não ter ainda o apoio de uma legenda, compatível com o que penso.

Não se pode ser candidato de si próprio.

Mas, se conseguir esse partido, disputarei a vaga do senado, cuja única promessa ao eleitor será o compromisso de “de ser como senador, o mesmo deputado que fui durante seis legislaturas”.

A principal meta será lutar pela volta do crédito educativo que criei em 1976, hoje limitado aos estudantes de Universidades particulares.

A minha ideia original concedia também ajuda mensal ao estudante de Universidade pública, em torno de dois salários, para manutenção, transporte, transporte, livros, pesquisa etc. Isso precisa voltar.

Um sonho? Talvez!

Mas, vou tentar torna-lo realidade.

Ney Lopes é jornalista, ex-deputado federal e advogado

Categoria(s): Artigo
  • Banner - Art&C - Potigás - 20/09 a 19/10 de 2021
terça-feira - 27/04/2021 - 20:10h
Governo Federal

Portaria favorece novos municípios para exportação de frutas

Beto (gravata vermelha) em audiência em fevereiro (Foto Vanessa d'Oliviêr)

Beto (gravata vermelha) em audiência em fevereiro (Foto Vanessa d’Oliviêr)

O Ministério da Agricultura publicou hoje, (27/04), a Portaria Nº 277 que revalida o reconhecimento da Área Livre de mosca-das-frutas no Estado do Rio Grande do Norte, com a manutenção dos municípios que já integravam e inclusão de novos municípios potiguares.

A medida atende a um pleito do deputado federal Beto Rosado (Progressistas) que esteve no dia 25 de fevereiro em Brasília com o prefeito de Caraúbas, Juninho Alves (PSDB), onde se reuniram com o Diretor de Sanidade Vegetal, Carlos Goulart. O deputado e o prefeito levaram essa demanda de diversos produtores do Estado para a ampliação dos municípios que integravam a área livre da praga mosca-das-frutas (anastrepha grandis).

China

Com a portaria publicada, a área passa a compreender os municípios de Mossoró, Tibau, Grossos, Areia Branca, Serra do Mel, Baraúna, Assú, Afonso Bezerra, Alto do Rodrigues, Ipanguaçu, Porto do Mangue e Upanema, Apodi, Gov. Dix-Sept Rosado, Felipe Guerra, Caraúbas, Macau, Pendências, Jandaíra e Pedro Avelino.

Para o deputado Beto, essa medida atende uma demanda dos produtores potiguares e que vai permitir mais municípios a exportarem frutas para o mercado internacional, principalmente, para a China.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Economia / Política
segunda-feira - 12/04/2021 - 18:44h
Boa nova

Beto Rosado anuncia que está curado da Covid-19

Deputado federal postou informação no início da tarde de hoje (Reprodução BCS)

Deputado federal postou informação no início da tarde de hoje (Reprodução BCS)

Em suas redes sociais agora no início da tarde dessa segunda-feira (12), o deputado federal Beto Rosado (Progressistas) anunciou que fez novo teste para detectar eventual coronavírus em seu organismo.

Resultado foi negativo.

Está curado da Covid-19, que o afligiu alguns dias.

Amém!

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política
  • Banner - Executiva - Detran/RN - 01 a 31 de Agosto de 2021
segunda-feira - 29/03/2021 - 16:10h
Beto Rosado

Deputado federal testa positivo para Covid-19

Beto Rosado informa em suas redes sociais que testou positivo para Covid-19 - 29-03-21No início da tarde dessa segunda-feira (29), o deputado federal Beto Rosado (Progressistas) noticiou em suas redes sociais que testou positivo para Covid-19.

Acrescentou que tem sintomas leves, mas está confinado em casa, com atividade de trabalho on-line.

Nota do Blog – Saúde

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política / Saúde
terça-feira - 23/03/2021 - 22:22h
RN

Deputado pede que Ministério da Saúde detalhe remessas de vacinas

Ofício enviado a ministro (Reprodução BCS)

Ofício enviado a ministério (Reprodução BCS)

O deputado Federal Beto Rosado (Progressistas) enviou, nesta segunda-feira (22/03), um ofício direcionado ao Ministério da Saúde e solicitou um esclarecimento da pasta sobre a distribuição de vacinas para o Rio Grande do Norte. O pedido aconteceu, após os veículos de imprensa repercutirem uma nota da Secretaria de Saúde do RN, que afirma ter recebido um quantitativo menor de vacinas, proporcionalmente a outros Estados.

No ofício, o parlamentar potiguar solicita informações do Ministério acerca da veracidade das afirmações do Governo do RN. Dentre elas, o deputado busca saber se o Estado está recebendo em menor quantitativo as vacinas, proporcionalmente a outros. Como também, os critérios que a Saúde utiliza para fazer a distribuição de doses da vacina.

Agilidade

Para o deputado, o Rio Grande do Norte está vivendo o pior momento da pandemia do novo coronavírus que já tirou mais de 4 mil vidas em todo o nosso estado e a população precisa ser vacinada urgentemente.

Além disso, Beto reforça que essas informações solicitadas são essenciais para que se possa cobrar agilidade no processo de vacinação.

“Essa disputa de narrativas só atrapalha a união pelo único meio de vencermos essa pandemia: a vacina! Eficiente e para todos!”, afirmou o deputado Beto Rosado.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política / Saúde
  • Banner - Quixote - Câmara de Mossoró - Transparência - 2021 - Setembro
sexta-feira - 19/03/2021 - 11:10h
"Caso Kerinho"

TSE mantém mandato de Beto Rosado; mérito será julgado adiante

Do Jornal de Fato e Blog Carlos Santos

Pelo placar de 7 a 0, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) manteve o mandado de segurança em favor do deputado federal Beto Rosado (Progressistas/RN), que havia sido concedido pelo ministro Luís Felipe Salomão, em decisão monocrática no dia 10 de fevereiro. A Procuradoria-Geral Eleitoral já tinha emitido parecer favorável.

Com a decisão, Beto não apenas mantém o mandato, mas também vê aumentar suas chances de vitória no julgamento do mérito, que ainda não tem data prevista.

Beto teve vitória expressiva à manutenção de liminar obtida no TSE (Foto: Arquivo/Assessoria)

Beto teve vitória expressiva à manutenção de liminar obtida no TSE (Foto: Arquivo/Assessoria)

O mandado de segurança suspendeu os efeitos do acórdão proferido pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN), que transferiu o mandato para Fernando Mineiro (PT).

“Ilegalidade”

No dia 10 de fevereiro último, o ministro Luís Felipe Salomão concedera liminar que mantinha Beto no mandato e freava posse de Mineiro.

Segundo entendimento do ministro, “há ilegalidade na anulação dos votos conferidos ao candidato Kericlis Alves Ribeiro – do PDT, o “Kerinho” – e prejuízo para a aliança impetrante no novo cálculo dos quocientes eleitoral e partidário”.

E acrescentou: “O periculum in mora, por sua vez, é inequívoco, pois, consoante já exposto, é iminente a perda de uma das cadeiras da impetrante com o recálculo dos quocientes eleitoral e partidário”.

Por fim, assinalou: “Ante o exposto, concedo a liminar para suspender os efeitos do aresto do TRE/AL (*na verdade, TRE/RN) no RCAND 0600778-27 quanto ao recálculo dos quocientes eleitoral e partidário, mantendo a cadeira da legenda a que filiado o candidato, até o julgamento de eventual recurso interposto perante esta Corte”.

História

Por três votos a dois, o TRE/RN indeferiu em julgamento concluído no dia 22 de janeiro desse ano, o registro de candidatura a deputado federal de Kéricles Alves Ribeiro (PDT), conhecido por Kerinho. Ele concorreu a Câmara dos Deputados nas eleições de 2018, em que foi reeleito o deputado Beto Rosado (PP) – Coligação 100% RN I -, da qual ele fazia parte.

A decisão favoreceu Fernando Mineiro (PT), que foi candidato mais votado que Beto, mas não foi empossado porque a soma dos votos (8.990) de Kerinho acabou concorrendo no somatório à vitória do parlamentar mossoroense.

“Ele deveria comprovar a devida exoneração, pois estava em um cargo comissionado. Não é suficiente para comprovar a exoneração um mero requerimento”, explicou Carlos Wagner, juiz componente da corte.

Diplomação sem posse

Fernando Mineiro chegou a ser empossado pelo TRE/RN (veja AQUI) no dia 29 de janeiro. Antes, contudo, teve publicada sua exoneração como secretário Extraordinário para Gestão de Projetos e Metas de Governo e Relações Institucionais, depois revista.

Já em Brasília, a Câmara dos Deputados abriu prazo para Beto se defender sobre perda de mandato (veja AQUI), sem que decisão do TRE/RN fosse cumprida.

O parlamentar e a coligação ganharam tempo para questionarem no âmbito dessa corte a decisão e diplomação de mineiro, até conseguirem liminar no TSE.

Veja AQUI, links para mais de 30 matérias sobre esse assunto, mostrando todo o desenrolar dos acontecimentos políticos e processuais do chamado “Caso Kerinho”.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política
quarta-feira - 17/03/2021 - 18:52h
Política

Rosados podem ficar sem Progressistas em nome da sobrevivência

Sombras, foto em preto e branco, sobrevivência política, passos, perfis, transeuntes, populares,Do Blog Tio Colorau

As lideranças estaduais do PSDB querem migrar para o PP (Progressistas).

Para tanto, desejam o comando da sigla, atualmente com os Rosados.

Nas tratativas, o PP nacional ajuda o deputado federal Beto Rosado a salvar o mandato e, em troca, o comando vai para o novo grupo.

Nota do Blog – Sem a Prefeitura de Mossoró e mandatos seguros a duras penas, os Rosados terão que se desdobrar para nova etapa de sobrevivência ou sobrevida política. Estão seriamente avariados após as eleições de 2018 e as municipais do ano passado.

Hoje, apenas possuem um mandato de vereador em Mossoró (Larissa Rosado-PSDB) e o federal com Beto. Mas, não se pode afirmar que estejam unidos e uníssonos. Não estão e podem estar em palanques diferentes em 2022, mais uma vez. E dependem de outras forças políticas, pois estão com fôlego rarefeito.

Depois trataremos desse tema. Aguarde.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011 - 2021. Todos os Direitos Reservados.