domingo - 13/09/2020 - 07:48h
Domingo, 13

PT volta a ter nome à prefeitura com Isolda Dantas


Após 16 anos, o Partido dos Trabalhadores de Mossoró lançará candidatura própria ao executivo mossoroense. Nesse domingo (13), a governadora Fátima Bezerra (PT) participará presencialmente da convenção do partido em que será confirmado o nome da deputada estadual Isolda Dantas a prefeita de Mossoró.

Isolda terá companhia da governadora Fátima Bezerra em evento desse domingo (Foto: Wigna Ribeiro)

O evento, que contará também com a presença da deputada federal Natália Bonavides (PT), ocorrerá na Escola Estadual Professor José Nogueira, no bairro Santo Antônio, às 9h.

Além da governadora, os pré candidatos a vereadores que também terão suas candidaturas homologadas, lideranças políticas e partidos aliados PV, PROS e Avante, estarão no local da convenção.

Já a militância acompanhará ao vivo em suas casas através do canal do Youtube do Partido dos Trabalhadores Mossoró.

O nome do vice, segundo Isolda, ainda não está definido. A pré-candidata afirma seguir em diálogo junto aos partidos aliados, mas até o dia da convenção será definido.

* INSCREVA-SE em nosso canal no Youtube (AQUI) para avançarmos projeto jornalístico.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
quarta-feira - 09/09/2020 - 11:48h
Escrevemos em 2019

“Efeito Peixoto” pode tornar muito possível vitória de Rosalba


Em 2012, candidato à reeleição à Prefeitura Municipal do Ceará-Mirim (região da Grande Natal), o delegado da Polícia Civil Antônio Peixoto (PR) conseguiu uma vitória vista como surpreendente por muita gente acostumada à análise política. Porém uma avaliação mais acurada  do quadro sucessório, logo ensejaria ilação de que seria plenamente possível sua vitória.

Apesar de desgaste, como Rosalba, Peixoto foi reeleito graças a fracionamento e soberba da oposição (Fotomontagem BCS)

Apesar de muito mal avaliado politico-administrativamente, Peixoto obteve a reeleição principalmente pelo fracionamento da oposição, quando quatro candidatos consideravam “favas contadas” a vitória pessoal sobre o prefeito, devido sua encorpada rejeição.

Com apenas 31,96% dos votos, o delegado levou a melhor sobre a ex-prefeita Edinólia Melo (MDB), com 30,13%; Júlio César Câmara (PSD), com 23,52%; Doutor Marcílio (PP) tendo empalmado 13,29%, além de  Dedé Luz (PSL) que juntou 1,1% dos votos válidos.

Reprovação

Essa situação do delegado Antônio Peixoto poderá se reproduzir em Mossoró, no próximo ano, quando a prefeita Rosalba Ciarlini (PP) será candidata à reeleição.

Ela vive um dos piores momentos de sua história política, só superada por sua desastrosa passagem pelo governo estadual (2011-2014), quando reprovação popular a tornou a governante com pior julgamento da opinião pública do Brasil à ocasião, dezembro de 2013, segundo o Ibope (veja AQUI).

Em pesquisa divulgada à semana passada pelo Blog do Barreto, realizada pelo Instituto Seta do Natal, Rosalba apareceu com reprovação administrativa de 48,5% e aprovação de 33,8% (veja AQUI).

Na corrida pré-eleitoral, há outra preocupação para ela e seu grupo encastelados no Palácio da Resistência: pelo menos três a quatro nomes na oposição apareceram com vigor instantâneo à disputa (veja AQUI). Somados, ultrapassam com folga suas intenções de votos.

Segundo turno

Em duas simulações, Rosalba pontuou em primeiro lugar com apenas 24,8% e 26%. Já o novato deputado estadual Allyson Bezerra (Solidariedade) cravou segunda posição com 17,5% e 18,3%.

Atrás deles surgiram Jorge do Rosário (PR) com 12,8% numa estimulada e Tião Couto (PR) noutra, com 16,5%.

A deputada estadual estreante Isolda Dantas (PT) totalizou 10,8% 11,3%, respectivamente, nas duas avaliações, ficando em quarto lugar no geral.

Na Estimulada com Rosalba, Allyson, Jorge e Isolda, por exemplo, a soma dos três oposicionista chega a 41,1% contra 24,8% da atual prefeita, uma maioria percentual de 16,3% sobre a governante.

Na outra Estimulada com Rosalba, Allyson, Tião e Isolda, esse trio da oposição cumulativamente chega a 46,1%, enquanto que a prefeita esbarra em 26%. Maioria da oposição de 20,1%.

Como Mossoró não tem segundo turno (só possível em municípios com eleitorado a partir de 200 mil pessoas), a projeção de pelo menos duas ou três chapas “competitivas” no bloco oposicionista, certamente será um alívio para Rosalba. Com a estrutura da municipalidade e sua conhecida obstinação em campanha, a prefeita pode tornar possível a difícil reeleição.

Por isso que sua pré-campanha começou em duas frentes: trabalha a cizânia e a desconstrução de imagem de potenciais adversários na oposição (principalmente com uso do rádio e redes sociais) e procura vender imagem de vigor e superação de seu governo. O jogo é bruto.

* Texto originalmente publicado no dia 23 de abril de 2019, ou seja, há quase um ano e cinco meses.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
  • Banner Governo do RN - Art&C - 28-10 a 27-11-2020
quarta-feira - 15/07/2020 - 09:22h
Flávio Dino

O caminho presidencial pela via da fusão partidária


O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), sinaliza com forte possibilidade de que tenhamos uma fusão (ou incorporação) partidária após as eleições municipais deste ano, no país.

Costurando e aplainando meios e caminhos para ser candidato à Presidência da República em 2022, Dino sabe que precisará de melhor estrutura partidária, com capilaridade nacional, de modo a fazer sua postulação andar e se infiltrar nos grandes centros e rincões.

Flávio é governador do Maranhão e afirma que não sairá do PCdoB para ser candidato (Foto: Kleyton Amorim/UOL)

O PCdoB não tem esse porte. E ele tem dito que simplesmente não vai mudar de camisa para ser candidato de qualquer jeito.

Um dos primeiros desafios do governador, não é exatamente essa comunhão de forças com um partido com o qual se afina, no mesmo campo ideológico de esquerda. É crescer em meio à polarização entre o bolsonarismo e o petismo, que sustentam esse “Fla x Flu” que é benéfico aos dois lados.

Pouco provável, por exemplo, que se confirmando em 2022 uma candidatura sua, o PT se componha em primeiro turno com o governador. Esse partido é protagonista de eleições presidenciais desde 1989, no início do processo de eleições diretas à Presidência da República, pós-regime militar de 1964.

Lula da Silva, Dilma Rousseff e Fernando Haddad disputaram eleições pelo petismo nesse período e quatro mandatos presidenciais foram obtidos (dois com Lula e dois com Dilma).

Por enquanto, essa é uma aliança distante de se confirmar, porque os interesses se chocam e não estão completamente focados em derrotar o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Apesar de Flávio Dino e Lula, líder petista, terem essa mesma aspiração, não querem a mesma configuração de chapa para 2022.

PCdoB com PSB, e o partido que tende a nascer daí, vão ter candidatura presidencial  (se não ocorrerem maiores sobressaltos). O PT, certamente. No segundo turno é outra história.

* INSCREVA-SE em nosso canal no Youtube (AQUI) para avançarmos projeto jornalístico.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 14/04/2020 - 08:14h
Jean-Paul Prates

Repasses federais precisam sem ampliados, diz senador


Prates: recursos ínfimos (Foto: arquivo)

O Governo do Rio Grande do Norte recebeu um recurso extra no valor de R$ 19,6 milhões para o enfrentamento do coronavírus, conforme Portaria 774/2020 publicada pelo Ministério da Saúde, na semana passada. Também foram contemplados com R$ 38,9 milhões todos os municípios do estado.

Os 167 municípios do Rio Grande do Norte receberam ao todo apenas R$ 38,9 milhões. Dá um total de R$ 58,5 milhões para Estado e municípios. É pouco dinheiro, lamenta o senador Jean-Paul Prates do PT, que cita exemplos até bizarros.

“Ipueiras, por exemplo, recebeu apenas R$ 1.552,14. Com pouco mais de 2 mil habitantes, isso significa que a prefeitura da cidade recebeu menos de 1 real para cada morador. João Dias recebeu apenas R$ 2.434,13 e São Francisco do Oeste, R$ 2358,81″, disse.

Calamidade

Prates ressalta que as principais ações de combate a pandemia partem do Governo do Estado, mas os municípios também têm ações importantes e não podem ficar desassistidos.

Esclarece que o Congresso Nacional aprovou um decreto de estado de calamidade, que permite que o Executivo gaste mais do que o previsto para custear ações de combate à pandemia no Brasil, sem ter que obedecer às metas fiscais.

Leia também: Governo Federal repassa mais de R$ 5,6 milhões para Mossoró.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política / Saúde
  • Banner Mossoró Oil & Gas de 11 a 26 de novembro de 2020 - Agência Opa!
sexta-feira - 03/04/2020 - 09:26h
Pandemia

Deputado propõe que facções têxteis produzam EPI’s


Francisco: sugestão (Foto: AL)

Pensando em manter os empregos nas confecções do Rio Grande do Norte e proteger os profissionais da saúde, que estão na linha de frente do combate ao Coronavírus , o deputado estadual  Francisco do PT apresentou um requerimento solicitando ao Governo do Estado a contratação das oficinas de confecções do território potiguar, para a fabricação de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para os servidores da saúde.

Além de protocolar o requerimento, o parlamentar tem articulado junto ao Governo, na tentativa de fazer com que a demanda seja atendida com a agilidade necessária.

Emprego

“Muitas famílias no nosso Estado dependem desses empregos. Então a ideia seria fazer com que as confecções continuassem gerando renda, ao mesmo tempo em que contribuem na luta contra o Coronavírus, protegendo os profissionais da saúde”, disse o deputado.

Nota do Blog – Não só no Rio Grande do Norte, com suas facções têxteis, mas a indústria nacional do setor, tem condições de produzir máscaras descartáveis e outros produtos em escala, num rápido espaço de tempo. Falta liderança, falta comando, falta priorização do que interessa em vez de termos que aguentar extremos se digladiando pelo poder.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
quinta-feira - 13/02/2020 - 20:48h
Diretório

PT empossa novos dirigentes nessa sexta-feira


Divaneide é natural de Pedro Avelino (Foto: Saiba Mais)

A vereadora Divaneide Basílio será empossada nesta sexta-feira (14), como presidente do Diretório Municipal de Natal do Partido dos Trabalhadores (PT).

O evento está marcado para as 16 horas, na Assembleia Legislativa do RN.

Tomam posse no novo diretório, além dela, os presidentes eleitos dos quatro Zonais da capital, João Hélio (Sul), Adler Barros (Leste), Jeferson Andrade (Norte) e José Carlos (Oeste).

Divaneide é socióloga e natural de Pedro Avelino, no Sertão Central do RN. Ficou na primeira suplência no pleito de 2016, quando obteve 2.236 votos à Câmara Municipal, mas assumiu a titularidade no início do ano passado, com a eleição de Natália Bonavides (PT) à Câmara Federal.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
  • Banner Governo do RN - Art&C - 28-10 a 27-11-2020
sábado - 08/02/2020 - 23:46h
Política sensata

Fátima Bezerra e Rogério Marinho se afinam pelo RN


A governadora Fátima Bezerra (PT) ligou para o novo ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho (PSDB), parabenizando-o pela nomeação ao cargo. Além disso, já renovou pedido anteriormente encaminhado à pasta, para audiência em Brasília.

Os dois, no diálogo, deixaram claro que mesmo adversários, não podem deixar o RN à mercê de picuinhas.

Veja abaixo o que ela postou em seu Twitter:Nota do Blog – Perfeito, governadora. Não permita que a ala dos babaquaras radicais do seu partido a leve à estupidez do discurso bocó à base do “nós contra eles”.

O RN não suporta mais esse nível de política.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
segunda-feira - 27/01/2020 - 23:46h
Eleições 2020

Vereador afirma que PV vai acompanhar PT


Do Blog Saulo Vale

O Partido Verde (PV) fará parte do arco de alianças de candidatura da deputada estadual Isolda Dantas (PT) à Prefeitura de Mossoró.

Foi o que afirmou o vereador Alex do Frango em entrevista ao Enfoque Político desta segunda-feira (27), programa da Super TV (Canal 173, Brisanet).

O parlamentar ainda está no PMB, mas aguarda o período de janela partidária para se filiar ao PV e assumir a presidência da sigla em Mossoró.

“O PV é um dos partidos que dá sustentação ao governo Fátima Bezerra. Isso nos leva a apoiar a candidatura de Isolda à Prefeitura”, afirmou o parlamentar.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
  • Banner Governo do RN - Art&C - 23-11 a 27-11-2020
segunda-feira - 20/01/2020 - 21:20h
Eleições 2020

PSDB de Mossoró tenta reforçar nominata com ‘aval’ de Fátima


Gomes: boa votação local (Foto: TSE)

Candidato à Câmara Federal em 2018 pelo PSC com 7.450 votos (0,46%), o tenente-coronel da Polícia Militar do RN, Alessandro de Oliveira Gomes, o “Coronel Gomes”, pode ser puxado para novamente trabalhar em Mossoró e emplacar agora uma postulação à Câmara Municipal.

O PSDB da vereadora Sandra Rosado, que precisa formar nominata que viabilize a reeleição dela, tem o máximo de interesse no nome de Gomes, que atualmente exerce a função de chefe da 3ª Secção do Estado Maior Geral da PMRN, em Natal.

Figura influente no Governo Fátima Bezerra (PT), o presidente do PSDB do RN e da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira, é o emissário do pleito para atender sua aliada em Mossoró.

Um detalhe: na AL, o  PSDB é aliado da governadora. Em Mossoró, não.

Nas eleições de 2018, Alessandro Gomes obteve 4.833 votos (4,40%) em Mossoró.

Foi o sétimo mais bem votado.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
sexta-feira - 03/01/2020 - 09:00h
Sucessão natalense

Um espaço para o PT em Natal


Um pouquinho lá atrás, houve aceno do prefeito natalense Álvaro Dias (MDB) para contar com o PT em seu arco de apoios.

A própria governadora Fátima Bezerra (PT) não gostou da ideia.

Porém é bom lembrar que existe a possibilidade iminente (quase certa) de segundo turno em Natal. E se não estiver lá, o PT pode fazer uma escolha pelo “mal menor”.

Bom lembrar: o lugar de vice está em aberto à futura chapa à reeleição de Álvaro Dias.

Vice-prefeito não está definido nem existe no atual momento, haja vista que Álvaro era vice de Carlos Eduardo Alves (PDT), que renunciou ano passado para concorrer ao governo estadual.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
  • Banner Mossoró Oil & Gas de 11 a 26 de novembro de 2020 - Agência Opa!
quarta-feira - 18/12/2019 - 08:20h
Decisão

Congresso recua e aprova Fundo Eleitoral menor para 2020


Do Canal Meio

O Congresso recuou — ao aprovar sua proposta para o Orçamento de 2020, deputados e senadores optaram por um Fundo de Financiamento Eleitoral de R$ 2 bilhões, quase metade dos R$ 3,8 bi que chegaram a cogitar. A revisão foi aprovada ontem. É uma vitória do presidente Jair Bolsonaro, que vinha pressionando para diminuir o valor.

A consequência é um aumento de despesas e investimentos em áreas como a saúde, infraestrutura e desenvolvimento regional.

Com o corte no fundo eleitoral, o PSL e o PT, os partidos que mais receberiam com o aumento deixariam de levar R$ 356 milhões. Mesmo assim, o fundo do PSL será superior ao de 2018 em mais de 20 vezes, devido ao crescimento do partido nas urnas. Já o PT perderá mais de R$ 12 milhões. (Globo)

O recuo dos parlamentares não se deu apenas por pressão do Planalto. De acordo com pesquisa Datafolha realizada na primeira semana do mês, 45% dos eleitores reprovam seu trabalho. São dez pontos percentuais a mais do que em agosto.

Apenas 14% aprovam o Congresso Nacional. (Folha)

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
sexta-feira - 06/12/2019 - 08:34h
Política

Natália Bonavides tem agenda em seis municípios


Os municípios de Baraúna, Mossoró, Felipe Guerra, Severiano Melo, Patu e Janduís recebem entre hoje (sexta-feira, 6) e amanhã (sábado, 7), a presença da deputada federal Natália Bonavides (PT). Sua programação é denominada de “Construindo a Diferença”, com pauta regular e especial do seu mandato.

Ela participará de eventos que tratam “sobre as necessidades da região e discutir ações práticas que podem ser realizadas com a contribuição do nosso mandato na Câmara Federal”, justifica, além de pautas político-partidárias.

Na manhã de hoje, ela participa de audiência pública na Câmara Municipal de Baraúna programada para as 8h, tratando sobre proposta do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (FUNDEB) Permanente. Em Mossoró, participa no fim da manhã na Escola Estadual Jerônimo Rosado, do Ciclo de Debates sobre o Fundeb Permanente.

Às 14h, em Felipe Guerra, terá reunião política no Sindicato dos Trabalhadores Rurais; às 17h, em Severiano Melo, o encontro será na Câmara Municipal.

Já às 19h30, a deputada visitará o Campus da Universidade do Estado do RN (UERN) em Patu.

No sábado, às 9h, estará presente na posse dos novos dirigentes do partido em Janduís.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
segunda-feira - 25/11/2019 - 06:20h
Incra/RN

Órgão federal abriga negócios estranhos e de grande vulto

Transpiram informações que envolvem empresários, assentados e consórcio de partidos 'adversários'

Pode até demorar, mas deve ser mesmo uma questão de tempo, eclodir no núcleo do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA/RN) um escândalo de repercussão nacional. Ano passado, já pipocou um avant-première (Operação Unlock) de problemas que devem ter dimensão bem maior adiante.

Energias limpas, via Incra/RN, necessariamente podem não estar associadas a negócios republicanos (Foto: Web)

Por lá, negócios que mesclam interesses do PT (isso mesmo), assentados, empresários e políticos ligados direta ou indiretamente ao DEM/PSDB fazem dessa organização pública um puxadinho de negócios vultosos ao arrepio do seu papel institucional.

Os interesses nada republicanos tem como cerne, o crescente mercado de energia eólica em terras potiguares.

Não falta empenho e dinheiro, nem sempre limpos, nesse enredo.

O Sistema de Informações de Projetos de Reforma Agrária (SIPRA), por exemplo, que armazena  todas as informações de beneficiários da Reforma Agrária e assentamentos, é parece ser a pérola dessa engrenagem.

E é bom que se diga: nada é novo por lá. Vem de governo a governo; do petismo ao bolsonarismo, que estranhamente ainda desconhece ou se consorcia indiretamente com vigarices.

Quem sabe?

Saberemos.

Nada mais posso adiantar, apesar da vontade.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
quinta-feira - 14/11/2019 - 23:50h
Lula decide

PT vai lançar nome a prefeito em todas as cidades possíveis

Ex-presidente deixa claro que partido não abre mão de cabeça de chapa nas lutas municipais em 2020

Da IstoÉ e Blog Carlos Santos

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) fez nesta quinta-feira (14), seu primeiro pronunciamento para o partido, durante encontro da Executiva Nacional do PT, em Salvador, na Bahia.

Declaração de Lula ocorre um dia após a deputada estadual Isolda Dantas (PT) dizer em entrevista à FM Agora de Natal (veja AQUI), que “nós do PT vamos trabalhar para unir a oposição em Mossoró”. Entretanto quem manda, preso ou solto, já avisou quais são os termos.

Isolda, Lula e Fátima, é o PT sem margem de diálogo para formação de chapa (Foto: arquivo)

Em meio a discussões de que o PT poderia compor candidaturas de outros partidos de esquerda nas eleições municipais do ano que vem, Lula disse que a legenda “não nasceu para ser partido de apoio” e que deve lançar candidatos em todas as cidades possíveis.

Deverá ser assim em Natal e Mossoró, por exemplo, com a governadora Fátima Bezerra (PT) à frente desse projeto político-eleitoral.

O recado dado às lideranças do partido também foi claro: o PT deve se fortalecer internamente. Segundo ele, o partido tem que apostar na polarização. “Sabe quem polariza? Quem disputa o título. O PT polarizou em 1989, 94, 98, 2002, 2006, 2010, 2014 e 2018, e vai polarizar em 2022”.

Autocrítica, nem pensar

O ex-presidente negou a necessidade de que o partido faça uma autocrítica.

O próprio governador da Bahia, Rui Costa (PT), já declarou que o partido precisa rever sua atuação, em entrevista à revista Veja no último mês de outubro. “Tem companheiro do PT que também fala que tem que fazer autocrítica. Faça você a crítica. Eu não vou fazer o papel de oposição. A oposição existe para isso”, argumentou.

Em seu pronunciamento, voltou a vociferar contra o presidente Jair Bolsonaro  e o ex-juiz e atual ministro da Justiça Sérgio Moro. Associou o presidente a milicianos que supostamente seriam responsáveis pela morte da vereadora carioca Marielle Franco (Psol) e tratou Moro por “canalha”.

Saiba mais detalhes clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
  • Banner Governo do RN - Art&C - 23-11 a 27-11-2020
quinta-feira - 14/11/2019 - 23:30h
Descida do Alto de São Manoel

“Lula Livre” tem pouca expressividade em Mossoró


Acabou sendo de pouca expressividade a mobilização “Lula Livre” em Mossoró à noite desta quarta-feira (14), com a “Descida do Alto de São Manoel”.

A movimentação partidária comemorou a liberdade do ex-presidente Lula da Silva (PT), que estava preso na carceragem da Polícia Federal em Curitiba-PR. Sexta-feira (8) ele foi autorizado a sair (veja AQUI).

Mobilização foi à noite, com uso de trio-elétrico e participação de militantes e gente de movimentos sociais (Foto: Web)

O evento foi organizado pelo Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores (PT).

Um trio-elétrico, militantes petistas e integrantes de movimentos sociais participaram do movimento, que contou com a presença da deputada estadual Isolda Dantas (PT).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
quarta-feira - 13/11/2019 - 19:20h
Sucessão municipal

Para deputada, “uma boa parte” da oposição estará unida


Isolda Dantas diz que mudança começou ano passado com ela e Allyson (Foto: reprodução BCS)

“Nós do PT vamos trabalhar para unir a oposição em Mossoró”.

A declaração acima foi dada e, repetida pela deputada estadual Isolda Dantas (PT), à tarde desta quarta-feira (13) em entrevista à FM Agora de Natal (97,9).

Segundo ela, ninguém na oposição trabalha com a hipótese de “unir 100%” dos partidos e forças contrários à estrutura governista. Mas “uma boa parte, sim”, estará no mesmo palanque.

Página virada

Em sua ótica, o eleitor mossoroense já sinalizou na campanha estadual do ano passado que aspira mudanças:

- Mossoró já indicou que quer virar essa página quando elegeu a mim e ao deputado Allyson Bezerra (Solidariedade) à Assembleia Legislativa em 2018, duas pessoas que não vêm de famílias tradicionais.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
quarta-feira - 13/11/2019 - 18:02h
Governo Fátima

Deputado cobra “pelo menos” liberação de emendas


Tomba: cobrança (Foto: Eduardo Maia)

O deputado estadual Tomba Farias (PSDB) avaliou, nesta quarta-feira (13), durante a sessão plenária da Assembleia Legislativa, os 11 primeiros meses de gestão da governadora do Estado Fátima Bezerra (PT).

Segundo ele, os serviços são mal prestados e nem mesmo o pagamento das emendas parlamentares está sendo respeitado.

“O Governo precisa cumprir com as suas obrigações e respeitar, pelo menos, as obras e as ações oriundas de emendas nossas. Queremos um calendário, queremos saber quando elas serão empenhadas e posteriormente pagas”, pronunciou-se.

Chegou a pedir a intervenção do secretário de Gestão de Projetos e Articulação Institucional (SEGAI), ex-deputado estadual Fernando Mineiro (PT), que relatou o Orçamento 2019.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 12/11/2019 - 11:12h
Quinta-feira, 14

“Lula Livre” fará “Descida do Alto de São Manoel”


Está definida para a próxima quinta-feira (14) em Mossoró, a partir das 18h, movimentação para comemorar a liberdade do ex-presidente Lula da Silva (PT).

Será a “Descida do Alto de São Manoel – Lula Livre”, percurso tradicionalmente utilizado em campanhas eleitorais em Mossoró, que percorre uma de suas principais avenidas, a Presidente Dutra.A concentração será ao lado da Igreja de São Manoel na mesma artéria, seguindo até o centro da cidade, Rua Juvenal Lamartine, 1912, próximo à Praça da Convivência. É o local onde está instalado o Comitê Lula Livre – inaugurado dia 1º de junho deste ano.

A mobilização é organiza pelo Diretório Municipal do PT, com participação da deputada estadual Isolda Dantas.

Na sexta-feira (8), data da libertação (veja AQUI) do ex-presidente que estava preso na carceragem da Polícia Federal em Curitiba-PR, já ocorrera uma movimentação local espontânea.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
  • Banner Mossoró Oil & Gas de 11 a 26 de novembro de 2020 - Agência Opa!
segunda-feira - 11/11/2019 - 23:48h
Economia

Grupo hoteleiro vai investir cerca de R$ 100 milhões no RN


A rede hoteleira potiguar irá ganhar um reforço de peso para as próximas temporadas.

O grupo SERHS irá construir um novo hotel na Via Costeira, em um investimento aproximado de R$ 100 milhões no terreno ao lado do empreendimento já instalado na região. A confirmação do investimento foi dada por executivos do grupo durante reunião com a governadora Fátima Bezerra (PT) e o vice-governador Antenor Roberto (PCdoB) nesta segunda-feira (11).

Representantes do Serhs foram recebidos por Fátima Bezerra e o seu vice Antenor Roberto (Foto: Demis Rousos)

A expectativa é de que o empreendimento gere 500 empregos diretos na construção e mais 300 na fase de operação.

“Essa é uma das melhores notícias deste fim de ano. Vamos dar toda atenção e trabalhar com zelo para dar segurança jurídica ao investimento e garantir os empregos. A iniciativa do grupo SERHS está alinhada com o que o Governo pensa e mostra que a nossa tomada de iniciativa está gerando resultados”, afirmou a governadora.

O SERHS é originário da Catalunha, na Espanha. O diretor geral do SERHS Natal Grand Hotel, Willian Lass, disse que tinha estudos mostrando viabilidade do investimento. Não tem dúvidas quanto ao negócio.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Economia
segunda-feira - 04/11/2019 - 12:08h
Oposição

PSL justifica presença em Encontro Regional do Solidariedade


Daniel Sampaio do PSL esteve ao lado de Gutemberg, do PCdoB, no Encontro Regional: civilidade (Foto: Facebook)

Em postagem em suas redes sociais, o presidente do PSL mossoroense e pré-candidato a prefeito Daniel Sampaio justificou sua presença no Encontro Regional do Solidariedade (veja AQUI), em Mossoró, na última sexta-feira (1º).

“Esclareço que não há nenhuma possibilidade de aliança política com partidos de esquerda e de oposição ao nosso presidente”, simplificou ele.

“Recebi o convite do deputado Alysson Bezerra (Solidariedade) para prestigiar o evento, assim como ele prestigiou o nosso encontro Regional do PSL, no último dia 25. Algo semelhante aconteceu durante encontro do PL, onde fomos convidados pelo empresário Jorge do Rosário”, relatou.

Mudanças

“Entendemos que Mossoró exige mudanças. Essas mudanças se darão a partir de um entendimento entre parte desse grupo de oposição”, apontou.

Nota do Blog - No próprio estatuto do PSL está posto restrição à aliança com partidos de esquerda. Nem por isso, Daniel foi deselegante ao convite nem em sua oratória no evento.

“Mossoró não vai mudar porque alguém aqui quer ser prefeito, vai mudar porque a paciência do povo esgotou”, disparou ele em discurso no evento, em que estavam nomes como o ex-candidato a prefeito Gutemberg Dias (PCdoB) e a deputada estadual Isolda Dantas (PT).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
  • Banner Governo do RN - Art&C - 28-10 a 27-11-2020
sábado - 02/11/2019 - 23:48h
Encontro Regional

Solidariedade junta aliança oposicionista em evento expressivo


O Encontro Regional do Solidariedade em Mossoró conseguiu o feito de lotar o maior auditório do Hotel VillaOeste, em plena sexta-feira (1º) à noite. Isso, a um ano do pleito sucessório de 2020. O evento aberto à presença de representantes de outras siglas reforçou costura para montagem de um arco de alianças no campo oposicionista local.

Os discursos exaltaram a necessidade de união e mudança no modelo de gestão e mentalidade política.

Mesa do Encontro Regional reuniu representantes de mais de oito partidos da oposição (Foto: divulgação)

Presidente do Solidariedade em Mossoró, o deputado estadual Allyson Bezerra foi o último orador da noite. “Nós temos que construir a mudança que a gente quer pra Mossoró. Estamos aqui hoje com lideranças políticas da nossa cidade e estado (…), porque política a gente não constrói sozinho (…). Mossoró vai mudar”, afirmou.

Num ambiente com atmosfera de convenção partidária, em que não faltaram apitaço, balões coloridos, bandeirolas, cartazes, confetes, palavras de ordem, gritos de guerra e jingles, representantes do Solidariedade na região e delegação com lideranças estaduais e de Natal prestigiaram o Encontro Regional. Deputados estaduais Kelps Lima e Cristiane Dantas, ex-candidata ao Senado Magnólia Figueiredo e o ex-candidato a governador Brenno Queiroga fizeram parte desse grupo.

Jorge do Rosário

“Estamos aqui para discutir, fazer um projeto sustentável de desenvolvimento econômico e social para nossa cidade, porque como foi dito neste evento, Mossoró é uma cidade rica e que não tem um projeto de desenvolvimento. Nós sequer estamos discutindo, por exemplo, nosso plano diretor”, mostrou Jorge do Rosário, ex-candidato a vice-prefeito em 2016 e presidente do Partido Liberal (PL) em Mossoró.

Evento foi bastante expressivo (Foto: divulgação)

A deputada estadual Isolda fez um discurso didático e desmistificador: “Muitos apostam que a oposição não vai se unir, mas a cada encontro que tem a gente prova que tem divergência; e é pra ter mesmo porque na política tem que ter. Mas nós que estamos aqui sabemos a necessidade de Mossoró. E Mossoró tem que mudar”.

Tião Couto

“Nosso propósito é mudar essa cidade para que tenhamos um novo ciclo de desenvolvimento econômico e social. O recado está dado: vamos juntos até o fim, até outubro para ganharmos as eleições”, sinalizou Tião Couto (PL), ex-candidato a prefeito em 2016.

Já o presidente do PSL mossoroense, médico e ex-candidato a deputado federal Daniel Sampaio, também amparou sua fala nas discussões entre siglas e forças divergentes no lado oposicionistas. Para ele, esse é um caminho natural. “Mossoró não vai mudar porque alguém aqui quer ser prefeito, vai mudar porque a paciência do povo esgotou”, disparou.

Entre os vereadores locais, cinco dos seis parlamentares da oposição prestigiaram a mobilização do Solidariedade: Alex do Frango (PMB), Genilson Alves (PMN), Petras Vinícius (DEM), Raério Araújo (sem partido) e Ozaniel Mesquita (PL). O ex-candidato a prefeito Gutemberg Dias (PCdoB) foi outro nome presente.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 29/10/2019 - 20:22h
Saúde

Deputados de Mossoró apontam falta de pagamento a hospitais


Durante a sessão plenária desta terça-feira (29), os deputados de Mossoró Allyson Bezerra (SDD) e Isolda Dantas (PT) debateram a situação dos repasses para as unidades de saúde em Mossoró. O deputado Allyson criticou os atrasos nos repassas financeiros, enquanto Isolda afirmou que muitas vezes o governo estadual faz o repasse mas a prefeitura atrasa a transferência para as unidades.

Allysson cobrou regularização; Isolda apontou que prefeitura recebe e não repassa (Foto: João Gilberto)

“Como mossoroense é lamentável ver o maior hospital de Mossoró ter que suspender suas cirurgias eletivas ortopédicas, que são de suma importância para a população. E fizeram essa suspensão num momento em que o governo e prefeitura estão atrasando mais de 18 meses os repasses para a saúde pública em Mossoró”, criticou o parlamentar.

Allyson Bezerra citou problemas de atraso para unidades importantes como a Liga de Combate ao Câncer, além de hospitais particulares e filantrópicos. “É falta de sensibilidade com quem está em casa acamado e não pode fazer a sua cirurgia”, preocupou-se Allyson.

Prefeitura recebe e não paga

Também se reportando ao mesmo tema em pronunciamento, a deputada Isolda Dantas afirmou que no caso do hospital particular Wilson Rosado, contratado pela prefeitura, o governo estadual é responsável por 60% e a prefeitura por 40%, sendo que o Estado repassou recursos da ordem de R$ 1 milhão, que não foram repassados pela prefeitura ao hospital.

“A prefeitura deve em torno de 17 meses ao hospital. É preciso que a população entenda a responsabilidade da prefeitura de Mossoró com a paralisação dos serviços do hospital Wilson Rosado. Bastar visitar uma Unidade Básica de Saúde (UBS) que logo se vê a precariedade nos materiais. E as urgências contam com apenas um médico para atendimento”, alertou a parlamentar.

Com informações da Assembleia Legislativa.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política / Saúde
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.