• Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18 - Topo
sábado - 21/07/2018 - 11:10h
'União instável'

Sandra Rosado bate de frente com projeto de Rosalba Ciarlini

Vereadora sairá candidata a deputado federal e a sua filha a estadual, em um palanque adversário

O Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB/RN) convoca seus filiados para participarem da sua Convenção Estadual que se realizará na manhã do domingo, dia 29, no Hotel Holiday Inn, situado na Av. Sen. Salgado Filho, 1906 – Lagoa Nova, Natal – RN, a partir das 8h.

Em comunicado oficial à imprensa, o PSDB informa ainda que além do deputado federal Rogério Marinho (PSDB) que tentará a reeleição e outras postulações, a legenda apresentará a ex-deputada federal Sandra Rosado em nova disputa.

Sandra e Rosalba passaram cerca de 30 anos como adversárias e sustentam união instável (Foto: Web)

Acrescenta, que ela “tentará mais um mandato na Câmara. Hoje, vereadora em Mossoró, Sandra já pegou a estrada no Alto, Médio e Oeste Potiguar em buscas de ampliar bases. Em 2014, Sandra conseguiu 52 mil votos e ficou na suplência”.

A posição de Sandra causa estrago na relação política com o grupo da prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP), com quem ela e seu sistema se aliaram em 2016, após cerca de 30 anos de divergência, rivalidade e embates eleitorais diretos.

O rosalbismo ficará em outro palanque (veja AQUI), inclusive indicando o vice do pré-candidato ao governo Carlos Eduardo Alves (PDT), ex-prefeito natalense. Kadu Ciarlini (PP), filho de Rosalba, será esse nome.

Antagônicas

Sandra estará com o governador e pré-candidato à reeleição Robinson Faria (PSD).

Sem apresentar nenhum nome a deputado estadual, a expectativa de Rosalba e seu grupo era de retirada da postulação de Sandra para apoio à reeleição do deputado federal Beto Rosado (PP). Isso não acontecerá, então.

Dessa forma, o rosalbismo não tem obrigação de apoiar a candidatura à reeleição à Assembleia Legislativa de Larissa Rosado (PSDB), filha de Sandra Rosado. A princípio, fica sem qualquer nome a estadual. A princípio.

Enfim, não deve ser surpresa se os Rosados e as primas Rosalba e Sandra estiverem novamente em dois palanques distintos e antagônicos. A ‘união’ delas sempre foi instável mesmo.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quinta-feira - 19/07/2018 - 17:22h
Engenharia

Rosalbismo agora acomodará interesses de Sandra e Larissa


Larissa e Sandra: candidatas em 2014 (Foto: arquivo)

Após deslocar Kadu Ciarlini (PP) da condição de pré-candidato ‘irremovível’ a deputado estadual, para nome a vice do pré-candidato ao governo Carlos Eduardo Alves (PDT), além de viabilizar projeto de reeleição do deputado federal Beto Rosado (PP) – veja AQUI), o rosalbismo tem outras tarefas.

Provavelmente deverá demover a vereadora Sandra Rosado (PSDB) do desejo de ser candidata à Câmara Federal e acomodar a deputada estadual Larissa Rosado (PSDB) como nome do governismo municipal à Assembleia Legislativa.

Vale lembrar apenas um detalhe: as duas fazem parte de um partido já integrado ao palanque adversário do governador e pré-candidato à reeleição Robinson Faria (PSD).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
sexta-feira - 22/06/2018 - 18:24h
Assu

Frente em defesa da Uern se mobiliza para expandir ações


A Frente Parlamentar e Popular em Defesa da Uern realizou encontro em Assu, à tarde desta sexta-feira (22). Reuniu autoridades e pessoas de vários segmentos sociais no auditório do Campus da Universidade do Estado do RN (UERN).

Frente quer se expandir pelo estado (Foto: cedida)

O objetivo foi discutir estratégias de apoio e fortalecimento da instituição. A ideia é formar um núcleo da Frente com representantes do Vale do Açu e seguir o modelo nas outras regiões onde a Uern é representativa.

Participaram do encontro o deputado federal Beto Rosado (PP), deputados estaduais George Soares (PR), Larissa Rosado (PSDB) e Fernando Mineiro (PT).

Mobilização

Também estiveram no evento as vereadoras Sandra Rosado (PSDB), de Mossoró, e Delkiza Alves (PSDC), do Assu. O professor Esdras Marchezan representou a Reitoria da Uern e a diretora do campus, Marlúcia Barros, organizou a mobilização local.

Nascida na Câmara Municipal de Mossoró, a Frente é presidida pelo vereador mossoroense e professor da instituição, Francisco Carlos (PP). Ele conduziu os trabalhos desta tarde.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Gerais / Política
quinta-feira - 21/06/2018 - 21:28h
Eleições

Larissa não vê dificuldades em apoiar Robinson Faria


Em conversa ao pé do ouvido entre a deputada estadual Larissa Rosado (PSDB) e o ex-vereador Jório Nogueira (PSD), à manhã desta quinta-feira (21) em Mossoró, ela sinalizou um caminho pro seu grupo à campanha estadual deste ano.

Mas a princípio, não se trata de uma manifestação de vontade.

A princípio.

- A gente não tem qualquer dificuldade em apoiar Robinson – cochichou Larissa.

Ela e sua mãe, a vereadora e pré-candidata à Câmara Federal, Sandra Rosado (PSDB),, acompanharam parte da agenda administrativa do governador Robinson Faria (PSD) em Mossoró.

Leia também: Robinson ganha elogios e companhia de Rosalba e seu grupo.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Blog / Política
  • Repet
quinta-feira - 21/06/2018 - 20:40h
Mossoró

Robinson ganha elogios e companhia de Rosalba e seu grupo


Em ampla agenda administrativa que cumpriu nesta quinta-feira(21) em Mossoró, o governador Robinson Faria (PSD) foi acompanhado em parte dela pela prefeita Rosalba Ciarlini (PP), vereadora Sandra Rosado (PSDB) e a deputada estadual Larissa Rosado (PSDB).

Na entrega do quarto Restaurante Popular em Mossoró, Robinson foi ladeado por Rosalba e Larissa (Foto: Ivanízio Ramos)

Em tempos de indefinições de quase tudo em termos de candidaturas e alianças, ambas deram mais fermento para alimentar a indústria das especulações.

Rosalba até arriscou alguns elogios pessoais e às realizações do governador, que fora seu vice e a sucedeu no estado. No último dia 2, na abertura do ciclo de eventos do Mossoró Cidade Junina (MCJ) 2018, a prefeita já dedicara atenção ao governador (veja AQUI).

* Os ex-vereadores Jório Nogueira (PSD) e Cícera Nogueira (PSD), além dos atuais vereadores Rondinelli Carlos (PMN) e João Gentil (sem partido), também acompanharam a agenda do governante.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 19/06/2018 - 17:46h
Câmara Municipal

Genivan Vale aguarda contato para assumir vaga


Genivan: à espera (Foto: Edilberto Barros)

“Encontrei-me com a vereadora Sandra Rosado (PSDB) no Aeroporto Dix-sept Rosado (último dia 13). Ela falou que queria conversar comigo, mas não adiantou nada.” Quem reporta esse encontro é o suplente de vereador e ex-vereador Genivan Vale (PDT).

Em informação passada em primeira mão nesta terça-feira (19), em seu Twitter (rede social), o jornalista Vonúvio Praxedes reproduziu posição da própria vereadora e ex-deputada federal (veja AQUI), admitindo que poderá se licenciar para concorrer novamente à Câmara Federal.

Se isso acontecer, Genivan Vale ocupará provisoriamente sua cadeira na Câmara Municipal de Mossoró.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18
sábado - 02/06/2018 - 08:30h
Cenário Político

Escândalos em Mossoró não fazem oposição se pronunciar

Blog Carlos Santos disseca pecados administrativos, fala de quadro eleitoral e letargia dos contrários

Nessa quarta-feira (30), o editor do Blog Carlos Santos participou do programa “Cenário Político”, da TV Cabo Mossoró (TCM), Canal 10, às 18h40

O bate-papo sobre diversas questões políticas e administrativas foi com os apresentadores Vonúvio Praxedes e Carol Ribeiro.

Em três vídeos nesta postagem, temos a íntegra do programa para que o webleitor possa acompanhar seu conteúdo. Clicando na seta contida em cada um, é possível ver/ouvir como foi nossa conversa.

Na entrevista aos dois jornalistas do Cenário Político e nas intervenções de telespectadores, tratamos de questões como denúncias contra o pregão do Mossoró Cidade Junina, a Comissão Especial de Investigação (CEI) do Lixo, sucessão estadual, quadro de disputa no estado e no plano nacional.

Também tratamos do papel da oposição em Mossoró, o modelo administrativo no município, questões relacionadas à corrida eleitoral proporcional e outros temas correlatos.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública
quarta-feira - 30/05/2018 - 14:30h
Cadeira vazia

Sandra prefere não se reunir com Carlos Augusto e Rosalba


A vereadora governista Sandra Rosado (PSDB) fez questão de faltar à reunião à tarde de ontem (terça-feira, 29) no Palácio da Resistência, convocada pelo ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado.

Tinha suas razões.

Uma delas é que Carlos e a prefeita Rosalba Ciarlini (PP) reuniram sua bancada para montar estratégia de derrubada de projeto de autoria da própria parlamentar (veja AQUI o resultado).

Outra questão delicada pautada por Carlos e sua mulher-prefeita foi de colocar um fim na Comissão Especial de Inquérito (CEI) do Lixo. Foi criada pela oposição para apurar contratos suspeitos à limpeza urbana do município (veja AQUI).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Blog
  • Repet
quarta-feira - 30/05/2018 - 11:20h
Câmara de Mossoró

Sandra tem projeto derrubado e diz “não ter medo” do poder


A Câmara Municipal de Mossoró manteve veto da prefeita Rosalba Ciarlini (PP) contra projeto de reserva de mercado na indústria da construção civil, da vereadora governista Sandra Rosado (PSDB).

“Eu não tenho poder, eu não tenho poder para pressionar, eu não tenho poder para trocar”, disse Sandra. E avisou ao final da votação, que após seis meses reapresentará o projeto vetado pela prefeita, como permite a legislação. “Eu não tenho medo de poder”, avisou a governista.

"Eu não tenho poder, eu não tenho poder para pressionar, eu não tenho poder para trocar", disse Sandra (Foto: Edilberto Barros)

A sessão teve encerramento de votação há poucos minutos. Foram cinco votos contra o veto da prefeita, nove a favor e três abstenções.

O resultado foi o seguinte:

Contra o veto:

Isolda Dantas (PT)

Sandra Rosado (PSDB)

Aline Couto (PHS)

Alex do Frango (PMN)

Zé Peixeiro (MDB)

A favor do veto:

Francisco Carlos (PP)

Emílio Ferreira (PSD)

Maria das Malhas (PSD)

Flávio Tácito (PPL)

Ricardo de Dodoca (Pros)

Alex Moacir (MDB)

Manoel Bezerra (PRTB)

João Gentil (Sem partido)

Tony Cabelos (PRB)

Abstenções:

Rondinelli Carlos (PMN)

Petras Vinícius (DEM)

Raério Araújo (PRB).

* Didi de Arnor (PRB), Genilson Alves (PMN) e Ozaniel Mesquita (PR) não compareceram à sessão e a presidente Izabel Montenegro (MDB) não votou.

Nas galerias, agressões verbais e vaias marcaram os vereadores que mantiveram o veto da prefeita. No plenário, não faltou bate-boca entre vereadores, provocações indiretas e altercações diretas.

O que diz o projeto? Segundo seu enunciado, empresas do setor de construção civil ficam obrigadas a contratar, prioritariamente, 70% da mão de obra de trabalhadores residentes na cidade, há pelos menos seis meses, e, no mínimo, 15% desse percentual, do sexo feminino.

A proposta engloba, além da construção civil leve e pesada, os segmentos da indústria e produtos de cimento, pré-moldados, cal e gesso, obras de infraestrutura e serviços especializados para construção, parques eólicos e solares com atuação no município de Mossoró.

Por que o veto da prefeita? O Ministério Público do Trabalho (MPT) pediu o veto integral à proposta, por considerá-la inconstitucional. A Consultoria Geral do Município considerou o projeto inconstitucional, “posto que promove desigualdade por critério de origem ou domicílio de pessoa” e também afirma que “compete preventivamente à União legislar sobre direito do trabalho”, seguindo arrazoado do MPT.

Leia tambémCarlos Augusto ordena fim da CEI do Lixo e de projeto de Sandra;

Leia também: Construção civil se rebela contra projeto de reserva de mercado;

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.
Categoria(s): Política
quarta-feira - 30/05/2018 - 09:30h
Hoje

Governo prioriza derrubada de projeto de Sandra Rosado


O presidente da Comissão Especial de Inquérito (CEI) do Lixo da Câmara Municipal de Mossoró, vereador governista Manoel Bezerra (PRTB), foi forçado a retirar de pauta sua “Questão de Ordem”, que tenta encerrar investigação sobre contratos de limpeza urbana da municipalidade.

A prioridade do  governismo na sessão desta quarta-feira (30), é a votação do veto da prefeita Rosalba Ciarlini (PP) ao projeto de reserva de mercado para trabalhadores da construção civil de Mossoró, de autoria da governista Sandra Rosado (PSDB).

O veto da prefeita será mantido, ou seja, derrubando proposição da vereadora de sua bancada.

"Questão de ordem" de Manoel Bezerra foi apresentada na sessão de ontem (Reprodução)

Manoel marcou uma reunião dos membros da CEI – composta por ele, além dos vereadores Emílio Ferreira (PSD) e Alex do Frango (PMN) – para as 13h desta quarta-feira (30), na própria câmara.

Fim de investigação

Dos três membros da CEI, dois são governistas: Manoel e Emílio. Eles devem endossar a questão de ordem apresentada por Manoel na sessão de ontem, que alega existência de falhas legais no pedido da CEI do Lixo, impedindo-a de ter prosseguimento.

O foco está mantido: derrubar a CEI, colocando fim a qualquer investigação.

Leia também: Carlos Augusto ordena fim da CEI do Lixo e de projeto de Sandra;

Leia também: Governo Rosalba tenta desesperadamente ‘enterrar’ CEI do Lixo.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18
quarta-feira - 30/05/2018 - 08:50h
Questão fechada

Carlos Augusto ordena fim da CEI do Lixo e de projeto de Sandra


Bancada da prefeita Rosalba Ciarlini (PP) teve reunião decisiva à tarde dessa terça-feira (29), no Palácio da Resistência (sede da municipalidade). Ocorreu logo após tumultuada sessão da Câmara Municipal de Mossoró dia passado: Governo Rosalba tenta desesperadamente ‘enterrar’ CEI do Lixo.

O ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado, marido da prefeita, fechou questão quanto a dois temas delicadíssimos e que incomodam crucialmente o governo municipal:

Rosalba e Carlos: questão fechada (Foto: Canindé Soares)

1 – A ordem é manter o veto da prefeita ao projeto da vereadora governista Sandra Rosado (PSB), que determina que 70% dos trabalhadores da construção civil sejam contratados originários de Mossoró.

2 – Colocar um fim na Comissão Especial de Inquérito (CEI) do Lixo, aprovada por proposição da bancada da oposição no último dia 15, para apurar denúncias de irregularidades em contratos de limpeza urbana em Mossoró, em valores que passam de R$ 52 milhões (abril de 2016 a maio deste ano).

A nova sessão ordinária do Legislativo é agora às 9h.

Nota do Blog – No dia 22 passado, na postagem sob o título Acuados, vereadores evitam plenário e esvaziam sessão, antecipamos:

- “A Comissão Especial de Inquérito não avançará (por medo de governistas e oposicionistas com suas consequências) e o veto da prefeita será mantido”.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 29/05/2018 - 21:22h
Réplica

Sandra avisa que será mesmo candidata a deputado federal


A vereadora e ex-deputada federal Sandra Rosado (PSDB) finca pé: não abre mão da pré-candidatura à Câmara Federal. Sem meio-termo.

Ela, através de sua Assessoria de Imprensa, faz réplica à postagem sob o título Grupos de Rosalba e Sandra podem fechar ‘chapa dos primos’, postada por esta página na seção “Coluna do Herzog” nessa segunda-feira (28).

Sandra: federal (Foto: Edilberto Barros)

Veja abaixo:

Prezado Carlos Santos:

A respeito de postagem intitulada de “Grupos de Rosalba e Sandra podem fechar ‘chapa dos primos’”, a vereadora Sandra Rosado (PSDB) reafirma sua pré-candidatura à Câmara Federal nas eleições de 2018, ao mesmo tempo em que reforça o objetivo de continuar lutando pelo povo do Rio Grande do Norte.

Assessoria de imprensa

Vereadora Sandra Rosado

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
segunda-feira - 28/05/2018 - 13:20h
COLUNA DO HERZOG

Grupos de Rosalba e Sandra podem fechar ‘chapa dos primos’


Por Carlos Santos

O grupo da prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP) está com um sério problema interno: mais um, que se diga. Não tem um nome certo e de sua confiança à Assembleia Legislativa. Pode se ver obrigado a apoiar a deputada estadual Larissa Rosado (PSDB). É algo que particularmente Rosalba não quer, mas seu marido e líder do rosalbismo, Carlos Augusto Rosado, já admite.

A princípio, “o nome da Rosa” seria o de Lorena Ciarlini, filha da prefeita e titular da pasta do Desenvolvimento Social. Tudo ia bem até início do segundo semestre do ano passado, quando Lorena estacou. Avisou que não queria. E ponto final.

Entrou em cena Kadu Ciarlini, também filho de Rosalba.

Ele foi secretário de Gabinete da prefeita por menos de três meses (até 21 de março de 2017), quando pediu exoneração. Depois de um mergulho, reapareceu em outubro (veja AQUI) ao lado da mãe – em programações políticas e sociais.

O nome é Kadu Ciarlini“, antecipou o Blog Carlos Santos em 11 de novembro de 2017. Este ano, Rosalba e Kadu intensificaram presença pública juntos (veja AQUI), principalmente após passar período de desincompatibilização de cargo e Lorena não pedir exoneração.

Porém a postulação de Kadu está sendo repensada nas últimas semanas. Não é mais consenso mesmo entre seus pais. Coisas de família, ressalte-se.

Paralelamente, Larissa e sua mãe e vereadora Sandra Rosado saíram do PSB para o PSDB, liderado pelo presidente da Assembleia Legislativa Ezequiel Ferreira (PSDB). Criaram um embaraço para Rosalba e Carlos, de quem passaram a ser liderados na pré-campanha de 2016, após décadas como adversários.

A solução para manter essa frágil aliança está à mesa: Sandra não será candidata à Câmara Federal, como sustenta há meses, para apoiar a reeleição do deputado federal Beto Rosado (PP), primo de Larissa e sobrinho-afim de Rosalba. Beto e Larissa passam a ser os candidatos dos dois grupos na campanha deste ano.

Assim, as duas alas do clã Rosado caminharão felizes para sempre, até que novo conflito de interesses ameace separá-los.

PRIMEIRA PÁGINA

Caminhoneiros passam por cima de ‘candidatura’ de Lula – O movimento nacional e aparentemente apartidário, dos caminhoneiros do país, acabou eclipsando o “lançamento” da candidatura do ex-presidente Lula (PT) à presidência da República. O evento foi definido para o domingo (27) – veja AQUI, através de atos públicos em diversas cidades do Brasil, mas simplesmente foi atropelado pelo protesto.

Meirelles não foi visto nem foi notado – O ex-ministro e pré-candidato à Presidência da República pelo MDB, Henrique Meirelles, esteve em Natal no sábado (26), em programação política e social. Compareceu à celebração dos 100 anos da Igreja Evangélica Assembleia de Deus do Rio Grande do Norte (IEADERN), no estádio Arena da Dunas, em Natal, que teve mais de 30 mil fieis presentes. O senador Garibaldi Filho (MDB) foi o anfitrião de Meireles no estado.

General trata Temer como o “ainda” presidente – O general Eliéser Girão Monteiro Filho, ex-secretário da Segurança do Estado e da Prefeitura de Mossoró, nas gestões Rosalba Ciarlini (PP), tratou o presidente Michel Temer (MDB) em suas redes sociais na sexta-feira (25) como o “ainda” presidente. Não parou por aí. Disparou outro recado verde-oliva contundente: “Ordens absurdas não serão cumpridas!!!” Um dos nomes de referência do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL-RJ) no RN, inclusive como pré-candidato a governador, Girão vociferou no sábado (26): “Brasileiros, só não viramos uma Venezuela porque o nosso EXÉRCITO SERVE ao ESTADO, e não a esse DesGoverno”. Nesta segunda-feira (28), às 8h07, seguiu loquaz: “Não vamos desenterrar a esquerda”.

Mantenho o que disse antes sobre Robinson Faria – Na Coluna do Herzog do dia 18 de fevereiro deste ano, postamos análise política sob esse título: Tratem bem Robinson Faria; vocês podem precisar dele. À porta da campanha sucessória, mantemos o ponto de vista. É pouco provável que o atual governador sendo candidato chegue ao segundo turno, mas pode determinar – num segundo turno – quem não será eleito.

Pesquisa vai avaliar cenário para grupo da “Rosa” - O ex-deputado estadual Carlos Augusto Rosado encomenda nova pesquisa ao Instituto Gama de Fortaleza-CE, que faz trabalhos pro seu grupo, mas não publica números. O levantamento será mais abrangente do que o mais recente que ele recebeu, monitorando inclinação do eleitor quanto a pré-candidaturas diversas e avaliando a gestão da prefeita Rosalba Ciarlini (PP). A “Rosa” precisa se cuidar. Existem sintomas de Silveirização do seu governo, que só não é pior graças à imprensa camarada. O Mossoró Cidade Junina e reforço na propaganda são os remédios do momento para estancar a sangria. Não é tempo de “salto alto” no palácio.

Salto alto, não (Foto: web)

Fátima precisa sair dos guetos para as ruas - A governadorável Fátima Bezerra precisa alargar sua circulação da capital ao interior, indo além dos guetos de esquerdas. Novos nichos eleitorais e da sociedade, da área produtiva às comunidades periféricas, precisarão ser alcançadas nessa pré-campanha da senadora ao governo. Outra questão delicada, é insistir numa pauta nacional, esquivando-se de temas que vão estar na campanha e na ordem do dia do governo que pretende liderar, como dívida previdenciária, déficit público, retomada do desenvolvimento, precarização da saúde, violência desenfreada, falta de recursos para investimentos, relação com o servidor público etc.

“Engorda” do PSDB começa a preocupar deputados – O crescimento superlativo do PSDB na Assembleia Legislativa, que na reta final das mudanças partidárias teve “engorda” para total de oito deputados, é algo que começa a causar calafrios em componentes desse lote. Promessas de “apoios” e “meios” à reeleição provavelmente não vão bater. O mal-estar interno é latente. Diz um ditado popular que “quando a esmola é grande, cego desconfia…”

Fábio Dantas procura uma saída razoável – A aventura da pré-candidatura ao governo, do vice-governador dissidente Fábio Dantas (PSB), está próxima de um desfecho racional. Ele procura uma saída razoável. Pode ser até mesmo composição com o PT de Fátima Bezerra. Pesquisas não param de mostrar sua esqualidez eleitoral. Se demorar, acabará “devendo” intenções de voto. Leia: “Fake” criado por Ezequiel tenta sobreviver à própria piada.

EM PAUTA

Padre Pio – Natal sepultou no domingo o padre holandês Gerard Hubert Hensgens (Padre Pio), 86, que desde 1966 residia e pautava sua vida religiosa na capital potiguar. Era também muito conhecido como torcedor-símbolo do Alecrim. Que descanse em paz.

Curta Caicó – O Centro Cultural Adjuto Dias, equipamento administrado pelo Governo do Estado, através da  Fundação José Augusto (FJA) abriga, de 1° a 3 de junho, o Curta Caicó, mostra que tem com o objetivo preencher uma lacuna no audiovisual, em Caicó e região do Seridó. Mas a abertura é nessa terça-feira (29), às 19h.

Renata Soraya e Mattheus Costa estarão no México (Foto: Guilherme Ricarte)

Bailarinos no México – O Diocecena, grupo de dança do Colégio Diocesano Santa Luzia, teve uma dupla de bailarinos selecionados para intercâmbio de dois meses em cidades do México. Os escolhidos foram Renata Soraya e Mattheus Costa, que receberam os convites após apresentação de destaque no ‘Encontro de Dança – Dança Mundo’, realizado entre 27 de abril e 4 de maio no Teatro Municipal de Mossoró Dix-huit Rosado. O embarque deve acontecer dia 1º de setembro.

Tchê – O Restaurante Tchê, em Mossoró, apressa-se para inaugurar um novo espaço anexo ao seu endereço original no bairro Nova Betânia. Será o “Tchê Hall”. Previsão de funcionar a todo vapor a partir de 12 de junho.

Direito Eleitoral – Será no próximo dia 23 de junho, no auditório do Hotel VillaOeste em Mossoró, o evento “Atualização e Prática em Direito Eleitoral”, tendo entre os palestrantes o juiz Herval Júnior e o professor e advogado Daniel Monteiro. Inscrições neste endereço: www.novoeleitoral.com.

Petroleiros em greve – A Federação Única dos Petroleiros (FUP) e seus sindicatos filiados convocam a categoria petroleira para uma greve nacional de advertência de 72 horas. Os trabalhadores do Sistema Petrobrás iniciarão o movimento a partir do primeiro minuto de quarta-feira, 30 de maio, para baixar os preços do gás de cozinha e dos combustíveis, contra a privatização da empresa e pela saída imediata do presidente Pedro Parente.

Tempero Regina – Principal executivo da indústria de Temperos Regina, forte marca mossoroense que atravessou há tempos as divisas do RN, Adel Diniz resolveu fixar de vez residência na Flórida – Estados Unidos, de onde comanda a empresa.

Engenharia – Imerso na atividade de engenheiro civil, Charles Paiva tem projetos em andamento no Vale do Jaguaribe, no vizinho Ceará. Sucesso, meu caro.

SÓ PRA CONTRARIAR

Muita gente querendo a saída de Michel Temer, sem perceber que o substituto imediato é o presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Ô país sem sorte, Senhor!

GERAIS… GERAIS… GERAIS…

O “Pingo da Mei Dia”, que abrirá o ciclo do Mossoró Cidade Junina (MCJ) 2018 no próximo dia 2, tem intensa concorrência de camarotes para o período. Cada um com atrações próprias, além daquelas do roteiro oficial.

“A Bela e a Fera” será o espetáculo em cartaz no Teatro Riachuelo no Midway Mall em Natal, no próximo dia 2 de junho, a partir das 17h. O musical terá mais de 200 figurinos e 16 atores no palco.

Obrigado à leitura do Nosso BlogJânio Rêgo (Feira de Santana-BA), Hugo Vieira (Mossoró) e Iran Oliveira (Natal).

Veja a Coluna do Herzog da segunda-feira (21/05) passado, clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Coluna do Herzog
quarta-feira - 23/05/2018 - 15:23h
Mossoró

Vereadores barram votação pelo segundo dia consecutivo


Pelo segundo dia consecutivo a Câmara Municipal de Mossoró não conseguiu deliberar nada em plenário.

A razão: falta de quórum.

A maioria dos vereadores ficou em seus gabinetes, barrando o andamento normal da sessão ordinária.

O “xis” da questão é o veto da prefeita Rosalba Ciarlini (PP) ao projeto da vereadora governista Sandra Rosado (PSB), que determina que 70% dos trabalhadores da construção civil sejam residentes no município (visto como inconstitucional pelo governo).

A própria bancada do governo ficou acantonada nos gabinetes.

Leia também: Acuados, vereadores esvaziam plenário e evitam sessão.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18
terça-feira - 22/05/2018 - 10:46h
Mossoró

Acuados, vereadores evitam plenário e esvaziam sessão


A Câmara Municipal de Mossoró não teve quórum nesta terça-feira (22).

Nada foi discutido ou deliberado.

Duas delicadas questões levaram a ‘Casa do Povo’ a ser esvaziada. Boa parte dos vereadores fugiu do trabalho como o diabo da cruz, bode da chuva e vampiro de bala de prata.

1 – A “CEI do Lixo”, que deve investigar gestões Francisco José Júnior (PSD, hoje sem partido) e Rosalba Ciarlini (PP), devido visíveis irregularidades no serviço de limpeza urbana;

2 – A votação do veto da prefeita ao projeto da vereadora governista Sandra Rosado (PSB), que determina que 70% dos trabalhadores da construção civil sejam residentes no município (visto como inconstitucional pelo governo).

Nota do Blog Carlos Santos – Temos dois palpites: A Comissão Especial de Inquérito não avançará (por medo de governistas e oposicionistas com suas consequências) e o veto da prefeita será mantido.

Bola para frente!

Leia tambémRosalba acerta mais alguns milhões em contratos suspeitos;

Leia tambémGoverno estuda como barrar CEI do Lixo.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
quarta-feira - 16/05/2018 - 23:50h
Mão-de-obra

Construção Civil se rebela contra projeto de reserva de mercado


O presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil de Mossoró (SINDUSCON), Sérgio Freire, tomou para si o comando de uma ‘cruzada’ contra o Projeto de Lei Ordinária do Legislativo (PLOL 22/2018), visto pela categoria como nocivo ao setor.

Sérgio Freire: 'cruzada' (Foto: divulgação)

A matéria é de autoria da vereadora Sandra Rosado (PSDB), dispondo sobre obrigatoriedade de destinar 70% das contratações de mão de obra a profissionais originários de Mossoró.

“Gostaria do apoio das demais instituições acerca desse projeto de lei absurdo da vereadora Sandra Rodado”, conclama ele em mensagem espalhada nas redes sociais.

Insegurança jurídica

“Tal projeto causa insegurança jurídica e cria reserva de mercado que, consequentemente, atingirá todos os demais segmentos da cadeia produtiva e econômica”, antecipa.

A prefeita Rosalba Ciarlini (PP) vetou (veja AQUI) o projeto da vereadora de sua bancada, mas a Câmara Municipal pode derrubar a decisão.

Segundo o texto do PLOL 22/2018, as empresas devem contratar 70% da mão de obra de trabalhadores residentes na cidade, há pelos menos seis meses, e 15% desse percentual de pessoal do sexo feminino.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Economia / Política
  • Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18
segunda-feira - 09/04/2018 - 06:37h
COLUNA DO HERZOG

Populismo e dominação carismática no lulismo encarcerado


Por Carlos Santos

Preso no sábado (7) na Superintendência da Polícia Federal (PF) em Curitiba (PR), onde passou a cumprir pena de de 12 anos e 1 mês de prisão pela condenação no caso do triplex em Guarujá (SP), o ex-presidente Lula da Silva (PT) é uma força política desmedida – solto ou encarcerado.

Ele encarna um papel sem cópia no lulismo, movimento político tipicamente brasileiro que mesmo assim não pode ser caracterizado como original e incomum, quando o tratamos sob a ótica da ciência política e da sociologia, por exemplo.

Mestre da retórica, ou seja, da arte da eloquência, Lula representa o que o filósofo alemão Max Weber trata por força da “dominação carismática”, um poder de “caráter autoritário e imperativo”, irradiado pelo fascínio que exerce sobre a massa-gente.

Como ele, não faltam outros personagens com características parecidas no Brasil e no mundo, através dos tempos. Germinam principalmente em períodos de instabilidades político-sociais e anemia institucional, com essência no populismo, culto à personalidade e messianismo.

Lula tem entre seus eleitores uma multidão de devotos, sequazes e fanáticos, massa comum a esse modelo de relação que caracterizou o “peronismo” na figura de Juan Perón na Argentina, entre 1946 e 1955 e de 1973 a 1974; Getúlio Vargas, e o “getulismo”; Benito Mussolini, na Itália fascista da primeira metade do século XX; Antônio Conselheiro e seu Arraial de Canudos no sertão baiano do século XIX etc.

Todos eles falavam, como Lula, para um universo que era catequizado para ter um guia e não um representante formal. O “povo”, nos discursos demagogos e manipuladores, sempre aparece como uma razão quase divina do líder, regente de sua história.

O “não-povo” é todo aquele que não crê e não o incensa. É todo aquele que se põe longe, fora ou em conflito com essa aura mítica. O Estado é personificado no que pensava o monarca Luís XIV na França imperial: “Sou eu”. Pode tudo em suas mãos.

O lulismo, ou o “lulupetismo” – como se define depreciativamente a era Lula-PT, não vai ser riscado do mapa com o xilindró do líder. Pode até recrudescer mais ainda essa paixão coletiva, alimentada pela vitimização fática ou laboratorial do ex-líder sindical.

Ninguém espere também um substituto para Lula nas urnas ou mais adiante. Ele é espécime raro.

Primeiro, porque nada nasce ou cresce em torno de gente com seu perfil, a ponto de eclipsá-lo. Segundo, porque essa troca não obedece a qualquer alteração formal e ritualística, como se faz numa convenção partidária.

Cada senhor de dominação carismática e populista tem seu tempo e lugar na história; seu legado será sempre discutido e discutível.

PRIMEIRA PÁGINA

Ex-deputado Laíre Rosado tem rotina de apoio a outros detentos – Preso (veja AQUI) desde o dia 22 de março último no Centro de Detenção Provisória (CDP) do Apodi, o ex-deputado federal, bacharel em direito e médico Laíre Rosado tem-se adaptado à rotina prisional e revelado enorme capacidade de convivência com os demais detentos. Revela-se até bastante útil à comunidade carcerária, no exercício de seus conhecimentos de medicina. Ao mesmo tempo, pleiteia sua liberdade através de instrumento de apelação judicial.

Filha de Zenaide Maia seguirá “renovação” da política do RN – Mada Calado Maia, que até bem poucos dias era titular da Secretaria Municipal de Assuntos Extraordinários da Prefeitura de São Gonçalo do Amarante, segue a receita uterina das “mudanças” e “renovação” na política do RN. Será candidata a deputado estadual pelo PT, enquanto sua mãe – deputada federal Zenaide Maia – concorrerá ao Senado pelo PHS. Além disso, seu tio João Maia (PR) tentará voltar à Câmara Federal. Outro tio, Agaciel Maia (PR), é deputado distrital em Brasília.

Mada: em família (Foto: Web)

Deputados podem não viabilizar registro de candidatura – Fiquemos atentos à marcha burocrática das candidaturas à reeleição dos deputados estaduais Ricardo Motta (PSB), Dison Lisboa (PSD) e José Adécio (DEM). Os três têm seriíssimos problemas judiciais que podem gerar comprometimento de registro de candidatura à reeleição. Anote.

Os argumentos e a botija do crescimento do  PSDB/RN – Com oito deputados estaduais, o PSDB do RN experimenta um crescimento exponencial e de difícil compreensão para leigos e até gente conhecedora da política. Tantos candidatos à reeleição estariam apostando em quê? Tem quem diga que o presidente da sigla e da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira, possui muitos argumentos e uma “botija” para convencer políticos tão experientes de que não estão entrando numa furada.

Segundo turno à vista – Com a concorrência de pelo menos três ou quatro chapas ao Governo do RN, com boa capacidade de votos, é mais do que previsível a realização do pleito em dois turnos. Sob essa ótica, é que o governador Robinson Faria (PSD) trabalha, sob a crença de que um nome no segundo turno será o seu. Em 2014, ele perdeu o primeiro para Henrique Alves (MDB), mas levou de arrastão o segundo.

Galeno Torquato x Raimundo Fernandes – Os deputados estaduais Galeno Torquato (PSD) e Raimundo Fernandes (PSDB) fazem duelo à parte na campanha deste ano. Ambos tem São Miguel no Alto Oeste como berço político, mas espraiaram apoios por outras regiões. No pleito de 2014, Galeno estreou na disputa com 63.286 (3,82%) votos, sendo o segundo mais votado. Mas deve ter uma queda expressiva nesses números em 2018. Raimundo empalmou 35.333 (2,13%) votos e foi o 18º mais votados entre os eleitos. Parte para seu nono mandato.

Um vice para Carlos Eduardo Alves – A candidatura ao governo estadual de Carlos Eduardo Alves (PDT), que renunciou ao cargo de prefeito do Natal no final de semana, pode ter um nome indicado pela prefeita Rosalba Ciarlini (PP) a vice. A ideia é fechar chapão com força nos dois maiores colégios eleitorais do estado.

Geraldo Melo é cogitado para lugar de Agripino – Nos bastidores da política, em Natal, já se conversa a possibilidade de deslocamento do senador José Agripino (DEM) para chapa à Câmara Federal. Em seu lugar, entraria o ex-senador Geraldo Melo (PSDB), tendo o empresário Haroldo Azevedo (PSDB) como primeiro suplente. Garibaldi Filho (MDB) seria mantido como candidato à reeleição ao Senado, tendo Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB, pai do presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira Filho-PSDB) como primeiro suplente.

Rosados podem repetir disputa familiar de 2014 – Se em 2014 o clã Rosado se fracionou em três candidaturas à Câmara Federal, para 2018 a corrida eleitoral na família talvez aconteça num patamar mais abaixo: Assembleia Legislativa. Larissa Rosado (PSDB), Kadu Ciarlini (PP) e Fafá Rosado (PSB) podem concorrer a uma vaga no parlamento estadual. Em 2014, Fafá, Sandra Rosado (PSB, hoje no PSDB) e Beto Rosado (PP) disputaram espaço na Câmara Federal, mas só esse último se elegeu.

Três pré-candidatos ao governo e um destino – Os três primeiros pré-candidatos ao governo do RN que surgiram ano passado não prosperaram as intempéries da pré-campanha: desembargador Cláudio Santos (sem partido), empresário Tião Couto (PR) e vereadora grossense Clorisa Linhares (Solidariedade) figuram nessa lista.

EM PAUTA

Sérgio Oliveira – O jornalista Sérgio Oliveira mergulha de vez no universo forense. Está instalado com escritório no Oásis Center, Avenida Alberto Maranhão, Centro de Mossoró, Sala 79-B, no 1º andar. Bom demais, Serginho. Depois apareço por aí.

Sérgio: advocacia (Foto: Web)

Simpósio – O Campus Avançado Professora Maria Elisa de Albuquerque da Universidade do Estado do RN (UERN), em Pau dos Ferros, vai sediar entre 17 e 19 de abril, o Simpósio Internacional de Ensino e Culturas Afro-brasileiras e Lusitanas (I SINAFRO).

Instituto Oral Clínica – Será nessa terça-feira (10), às 19h, a inauguração do Instituto de Ensino e Pesquisa Oral Clínica, com realização de workshop sobre Gestão e Mercado em Saúde, seguida de um coquetel. Ocorrerá na Rua Doutor João Marcelino, 450, Santo Antônio, Mossoró. O objetivo da instituição é a qualificação profissional de excelência para as diferentes áreas da saúde, sobretudo a nível de pós-graduação, iniciativa dos odontólogos Ney Robson e Kátia Maia.

Reeleição – A professora Marlúcia Barros Cabral foi reeleita para direção do Campus da Universidade do Estado do RN (UERN), em Assu, na sexta-feira (7).

Voos – A Azul Linhas Aéreas, após inspeção no Aeroporto de Mossoró à semana passada, conclui relatório sobre condições para uso comercial desse equipamento. Intenção é de promover pelo menos três voos semanais (segunda, quarta e sexta-feira), no horário vespertino. Isso poderá acontecer a partir de junho.

Casa Centelha – A tradicional empresa Casa Centelha de Mossoró abriu seu show-room recentemente no Santo Antônio, próximo ao Serviço Social do Comércio (SESC). Mas evitou qualquer evento de inauguração.

SÓ PRA CONTRARIAR

O verde-oliva voltou a ser uma cor presente em Brasília.

GERAIS… GERAIS… GERAIS

Anote aí o fone e email do “Palhaço Pitanga”, que nos garante: é atração perfeita para aniversários infantis em Mossoró: migo38a@hotmail.com e (84) 9.8638-3389. Recado dado.

Chuvas nos últimos dias tem fortalecido sobremodo a crença no inverno no estado. Regiões mais castigadas do RN como Oeste e Seridó estão com excelentes chuvas e as imagens se multiplicam na Internet, como a sangria do Açude Público de Riacho da Cruz.

Obrigado à leitura do Nosso BlogJoel Canela (Felipe Guerra), Wilana Dantas (Caicó) e Magnólia Maria da Rocha Melo (Mossoró).

Veja a Coluna do Herzog da segunda-feira (02/04) passado, clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Coluna do Herzog
quarta-feira - 04/04/2018 - 13:02h
Mossoró

PSB trata de mudanças após saída de Sandra e Larissa


Converso com porta-voz do PSB no Rio Grande do Norte e tenho confirmação de que o partido em Mossoró passará por mudanças.

Mas o prazo para que isso comece a ser tratado oficialmente é pós-dia 7 próximo (sábado), quando termina o prazo para mudanças partidárias.

A saída do grupo da vereadora Sandra Rosado e da deputada estadual Larissa Rosado para o PSDB, esta semana, é ponto de partida para novas conversas e negociações.

O partido é presidido no estado pelo deputado federal Rafael Motta.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18
terça-feira - 03/04/2018 - 07:18h
Filiação

Geraldo Melo volta ao PSDB com “medo” de ser governador


Principal nome filiado ao PSDB do RN, em evento ocorrido na tarde dessa segunda-feira (2) no auditório do Hotel Arituba em Natal, o ex-senador (pelo próprio PSDB) e ex-governador do RN (pelo MDB) Geraldo Melo admitiu um temor: ser lançado como candidato a governador.

Sua prioridade, destacou em discurso, é o Senado.

Geraldo (centro), tem filiação abonada pelo presidente do PSDB/RN, deputado Ezequiel Ferreira (Foto: PSDB)

“Sinceramente, já que tem gente que está disposta a disputar o governo, que dispute e ganhe. Eu tenho muito medo desse negócio de governo, porque o candidato corre dois riscos. Primeiro, de perder, como todo candidato. Ninguém quer. O segundo, o risco de ganhar. Se ganhar vai ter que governar o RN e não vai ser fácil”, assinalou.

Senado

“Então, se vocês poderem me mandar pro Senado, eu agradeço muito”, emendou.

Segundo o orador, “tenho muito a dar ainda ao meu estado e ao meu país.”

A ficha de filiação de Geraldo Melo foi abonada (sobre um tamborete, símbolo do ex-senador e ex-governador em suas campanhas) pelo presidente estadual do partido, deputado estadual Ezequiel Ferreira de Souza.

Na mesma ocasião foram filiados outros nomes, como a deputada estadual Larissa Rosado, sua mãe e vereadora Sandra Rosado, além do empresário Haroldo Azevedo, entre outros.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 03/04/2018 - 05:56h
Em Mossoró

Importantes partidos passam por mudança de comando


PSDB, PSD e PSB, três importantes partidos da vida política do Rio Grande do Norte e do país, vão sofrer alterações de comando em Mossoró.

Tudo devido a dança das cadeiras, ao jogo político, as articulações com vistas às eleições deste ano.

O PSDB será comandado pelo grupo da vereadora e ex-deputada federal Sandra Rosado, que saiu com família, aliados, patinho de borracha, criado-mudo, pinguim da geladeira etc. do PSB (veja AQUI).

Antes, o PSDB tinha o controle local do grupo do empresário e ex-candidato a prefeito Tião Couto, que vai aportar noutra sigla.

No PSD do governador Robinson Faria, as reformulações são necessárias desde que o ex-prefeito Francisco José Júnior largou a legenda em 2017.

Quanto ao PSB, após ser “desovado” num canto qualquer pelo rosadismo, terá novos inquilinos ainda a serem definidos por sua Executiva Estadual.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
segunda-feira - 02/04/2018 - 13:08h
COLUNA DO HERZOG

Eleições não devem ‘parir’ nada de novo ou diferenciado


Por Carlos Santos

Até o momento, não há nada que sinalize como alternativo, novo, diferente ou “outsider” (expressão inglesa que significa aquele que não se enquadra na sociedade, que foge ao comum) na política do Rio Grande do Norte.

Em relação à política nacional, rumo às urnas de outubro, o cenário é o mesmo. Os nomes são velhos conhecidos, alguns inclusive pela ficha corrida.

Profissionais da política que há muito tempo (décadas até) estão em cena mudando de cores, ajustando discursos, disfarçando o próprio nome e trocando de companhias, seguem protagonistas.

Qualquer pesquisa de opinião pública feita na era da “Lava Jato” aponta para uma aspiração a mudanças. Há objeção e repulsa à política, aos políticos e aos partidos, mas ninguém até aqui surgiu para ser alternativo, novo, diferente ou outsider ao gosto popular.

Esse fenômeno da política brasileira se explica, em parte, pelo próprio sistema político-partidário-eleitoral mantido para não permitir qualquer mexida no status quo e por nosso analfabetismo político como cidadãos em todos os estamentos sociais.

Há tempos comentamos que tudo continuará como dantes, com uma ou outra mudança de nomes. Mas nem as novidades serão garantia de avanços. É preciso ser assinalado ainda, que também existe a espécie do bom político, merecedor de voto ou reeleição.

Enquanto cá embaixo muitos continuarem detestando a política, ignorando seu papel como cidadão, o castigo será o mesmo à maioria: “ser governado pelos maus” (Platão).

PRIMEIRA PÁGINA

Desistência misteriosa em meio à empolgação -  A desistência do empresário paulistano Luiz Roberto Maldonado Barcelos de ingresso na campanha eleitoral 2018 no RN, como candidato ao Senado, enseja algumas especulações. Nada ficou muito claro. Tem caroço nesse angu. A decisão foi justificada sem qualquer registro oficial, pelo fato da empresa da qual é um dos executivos (Agrícola Famosa) “precisar muito dele”. Dias antes, plantou na imprensa que tinha pesquisa qualitativa atestando que o eleitor queria novos nomes ao Senado, se mostrando empolgado. Pouco depois, desistiu. Estranho, muito estranho.

Sandra Rosado empareda os primos Carlos e Rosalba – A decisão da ex-deputada federal e atual vereadora Sandra Rosado de levar seu grupo do PSB para o PSDB, numa manobra para tentar salvar a espécie, empareda e peita os primos Carlos Augusto Rosado-prefeita Rosalba Ciarlini (PP). A posição dela é isolada e alheia à vontade dos dois, seus ‘líderes’ políticos desde 2016, quando fizeram composição após mais de 30 anos de prélios eleitorais e pessoais ásperos. É possível que as eleições de 2018 os coloquem em palanques diferentes, de novo.

Semana é decisiva para desincompatibilizações - Quem pretende concorrer aos cargos eletivos no pleito do próximo ano deve se filiar a um partido político até o dia 7 de abril (sábado), ou seja, seis meses antes da data das eleições. O mesmo prazo é dado para obtenção junto à Justiça Eleitoral do registro dos estatutos dos partidos políticos que pretendem entrar na disputa.

Quem dá as cartas no PSB/RN - Apesar de ter sido apresentado como “pré-candidato” a governador e nova “estrela” do PSB do Rio Grande do Norte, o vice-governador dissidente Fábio Dantas vive período de trevas na nova sigla. Praticamente não apita nada por lá e não conseguiu sequer manter na legenda o grupo da deputada estadual Larissa Rosado, cooptada pelo PSDB. O deputado federal Rafael Motta e seu pai, deputado estadual Ricardo Motta, seguem dando as cartas no PSB/RN.

Rafael e o pai Ricardo: sob controle (Foto: arquivo)

Disputa de duas vagas caminha para envolver três nomes – A corrida eleitoral ao Senado no RN, com duas vagas disponíveis, caminha para ficar entre três nomes: os atuais senadores José Agripino (DEM) e Garibaldi Filho (MDB) e a deputada federal Zenaide Maia (PHS). Outros aventados foram saindo de cena ou sequer apareceram com o mínimo de “sustância”. Mas quem pode surgir como “novidade” é o ex-senador Geraldo Melo (de novo no PSDB). O “movimento dos empresários” até aqui se mostrou um fiasco, como previsto por este Blog sem precisar consultar qualquer cartomante ou bola de cristal.

A campanha eleitoral mais difícil de todos os tempos - Novatos e experimentados políticos marcham para a mais difícil campanha de todos os tempos no RN. É uma luta pela sobrevivência ou apenas subsistência. É difícil que ocorra uma extrema renovação na Assembleia Legislativa e Câmara Federal, da mesma forma que é difícil que tenhamos qualquer grande surpresa nas chapas majoritárias, mas é nítida a tensão da capital ao interior entre os políticos e seus próceres.

Dois campeões de rejeição e dois destinos – Em 2014, mesmo com reprovação que passou dos 82% no estado e 90% na capital, a então governadora Rosalba Ciarlini (DEM, hoje no PP), ainda sonhou em candidatura à reeleição, mas foi barrada por seu partido, sob o comando do senador José Agripino. Este ano, situação semelhante é vivida por seu sucessor, Robinson Faria (PSD). A diferença é que ele é dono do PSD e vai mesmo à campanha à reeleição, mesmo que tudo indique seu fracasso nas urnas.

Chapas e coligações à Câmara Federal podem decidir eleição – Como será montada chapa partidária à Câmara Federal e coligações pode decidir quadro de eleitos este ano no RN. A disputa coloca em risco o projeto de reeleição da maioria dos atuais deputados. Existe muita rejeição a alianças com eles. Pouca gente se propõe a ser “esteira”. A angústia é grande. São apenas oito vagas nesse “bonde” e uma chapa/coligação frágil pode determinar a derrota.

Saúde delicada preocupa amigos e aliados de Garibaldi Filho – A saúde do senador Garibaldi Filho (MDB) é uma preocupação de amigos e familiares, para a jornada que se aproxima. Por isso que o noticiário que especula possível desistência dele, da corrida senatória, tem alguma razão de ser. Desde a prisão do primo Henrique Alves (MDB) em junho do ano passado, que “Gari” está seriamente abalado. Com razão, que se diga. Razões pessoais e políticas, sublinhe-se.

Cotação de apoio em dinheiro pode crescer na campanha – Já tem candidato a deputado estadual oferecendo até R$ 100 mil por apoio de ex-vereador no interior do estado. A cotação e os numerários podem subir mais um pouco, dependendo do grau de desespero e dificuldade na campanha que chega já. A luta eleitoral segue aquela rotina de sempre, apesar das restrições legais e dos sustos provocados por prisões de figurões da política.

EM PAUTA

Arte popular - Está confirmado para o dia 6 próximo (sexta-feira), às 20 horas, no Cajaranas Bar ((Avenida Felipe Camarão, próximo ao aeroporto de Mossoró), apresentação dos cantadores Valdir Teles e Jonas Bezerra. A “Grande Cantoria” terá ainda a atração-mirim Moésio Marinho.

Grupos de caboclos mostraram evoluções e figurinos que encantaram o público em Major Sales (Fotos: Blog CS)

Festival de Caboclos – Assisti apresentação da 28ª Edição do Festival de Caboclos de Major Sales (região Oeste do RN, 427 quilômetros do Natal) no Sábado de Aleluia (31 de Março). Um evento encantador, cultura nativa única, que merece aplausos.

Atores potiguares - Pedro Fasanaro, Ênio Cavalcante, Quitéria Kelly e Titina Medeiros. Estes serão os novos representantes do teatro norte-rio-grandense na telinha. A partir de 23 de abril, poderemos nos deparar com rostos já conhecidos no cenário artístico potiguar na série “Onde nascem os fortes”, da Rede Globo de Televisão. Veja AQUI.

Cidade em Debate – Atendendo convite de Carlos Cavalcante, estaremos na quarta-feira (4), às 19h, na TV Terra do Sal de Mossoró, pelo sistema cabo da Brisanet, Canal 173. Confirmado. Obrigado pelo convite.

Novo livro de Cefas Carvalho (Foto: Reprodução)

Cefas Carvalho – O jornalista Cefas Carvalho, do portal Potiguar Notícias, está com nova edição do seu mais recente livro à mão. “Olhos salgados” (romance) pode ser adquirido com ele mesmo, no Bardallos Comida & Arte, através da Editora Penalux (veja AQUI) ou na Cooperativa Cultural Universitária em Natal. Sucesso, meu caro.

Fessin – Depois do atacante Matheus que foi negociado com o Corínthians, o meia Fessin – também do ABC – é o novo foco de clubes de outros estados, inclusive da Série A. Ele tem apenas 19 anos.

Exposição – “Narrativas do silêncio” é o tema da exposição fotográfica a ser apresentada na Pinacoteca do Estado em Natal, a partir de quinta-feira (5), a partir das 19 horas e com entrada gratuita. Irá até o dia 27 e apresenta trabalho de 27 pessoas surdas. Evento é viabilizado pela Lei Câmara Cascudo.

Morte certa – Impressiona o quantitativo de execuções de ex-presidiários e gente em condicional. Esse é um detalhe que merece pauta especial da imprensa, com estatísticas. Se no interior de presídios a vida não vale nada, fora parece que vale menos ainda.

SÓ PRA CONTRARIAR

O Brasil tem um enorme passado pela frente. Pode anotar.

GERAIS… GERAIS… GERAIS…

Dois times mossoroenses vão participar da Segunda Divisão do Campeonato Estadual de Futebol 2018: Baraúnas e Mossoró Esporte Clube. Apenas um sobe.

Obrigado à leitura do Nosso BlogGeraldo Américo (Natal), Francisco Oliveira (Caicó) e Wagner Sanches (Mossoró).

Veja a Coluna do Herzog do domingo (26/03) passado, clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Coluna do Herzog
segunda-feira - 02/04/2018 - 11:32h
Constrangimento

PSDB espera saída, rápida, do ex-governadorável Tião Couto


Tião e Diego: adversários se aproximam (Foto: Web)

O ex-candidato a prefeito de Mossoró Tião Couto (PSDB) tem que correr para arrumar as gavetas e sair do partido com sua trupe. Logo.

Desde o dia 13 de maio do ano passado que ele assumiu o comando partidário em Mossoró, com a posse do seu filho e também empresário Diego Couto na presidência da Comissão Provisória da legenda, no município.

Mas com o desembarque do grupo da adversária, vereadora e ex-deputada federal Sandra Rosado na legenda (veja AQUI), a pressa agora é amiga da perfeição e evitará mais constrangimentos.

Tião foi apresentado como provável nome do PSDB ao governo ou Senado, em 2017, mas foi paulatinamente isolado pela cúpula partidária, até chegar a esse extremo.

Como não pediu desfiliação antes do anúncio da chegada dos novos filiados, é obrigado a passar por mais esse vexame.

Leia também: Cúpula do PSDB isola e escanteia ex-candidato.

P.S (18h27) – Assessoria de Tião Couto informa que ele pediu desligamento da sigla, protocolando decisão na Justiça Eleitoral e Diretório Municipal, logo após saber que o rosadismo ocuparia a legenda. Foi nessa terça-feira (24)

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.