sexta-feira - 08/06/2018 - 03:54h
Reincidência

Rosalba repete desastre de 2017 no “Cidade Junina” 2018


O início conturbado do Mossoró Cidade Junina (MCJ) 2018 não é novidade ou fato isolado na gestão Rosalba Ciarlini (PP).

Os acontecimentos dos últimos dias e horas se assemelham ao ano passado. Tudo é feito no improviso, numa corrida contra o relógio, sem um pingo de respeito ao dinheiro público e a vidas humanas.

Um dos acidentes ano passado causou ferimentos (Foto: arquivo)

Em 2017, o MCJ foi lastimável, principalmente em termos de organização. Leia: O pior Mossoró Cidade Junina de todos os tempos.

Se em 2018 o desmoronamento (veja AQUI) de um camarote privado marca a abertura do ciclo de shows, ano passado não foi diferente.

O pórtico de acesso à Estação das Artes Elizeu Ventania desabou, mas não feriu ninguém, no dia 16 de junho de 2017.

Ferimentos

Na mesma tarde, um pouco mais cedo, mureta de proteção/contenção do Camarote Institucional caiu sobre dois veículos (um carro e uma moto), chegando a causar danos materiais e ferimentos leves num casal (veja AQUI).

Porém muitos outros problemas foram registrados.

Portanto o caso não é de azar ou simples imprevisto etc. É prova reiterada de despreparo, desleixo, falta de planejamento, desorganização e incompetência.

Como em 2017, este ano também existe o aspecto legal que exala forte odor. Algumas empresas que cuidam das estruturas, claramente não têm condições de atender às exigências constantes do Termo de Referência licitado. E daí?

Vamos aguardar o surgimento de algum cadáver, ou será que finalmente essa bandalheira será tratada com rigor por quem tem o dever de fazer valer a lei? Sim, porque essa culpa não cabe apenas aos caríssimos ocupantes do Palácio da Resistência.

Entende?

Leia também: Cidade Junina começa marcado outra vez pela desorganização.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Gerais

Comentários

  1. Rocha Neto diz:

    Você nunca foi e jamais será um bruxo…mais os anos de vida e experiência profissional o credencia para prever o óbvio que todos os anos estar se repetindo no cidade junina. Culpa exclusiva da prefeitura que tem feito o evento com remendos e irresponsabilidade. Tem de janeiro a maio p tomar as precauções, coisa q só faz nas últimas horas p o início do evento.

    Também tem culpa total e irrestrita os peritos do corpo de bombeiros. ..que qualidade de vistoria fizeram? ???? Tem muito caroço neste angu…não adianta apuração! ! Nós já sabemos do resultado. ..nada aconteceu! ! Toca cidade junina pra frente…que lástima amigo, mas é, e continua sendo a real história. Infelizmente.

  2. Inácio Augusto de Almeida diz:

    Se a repetição do desastre fosse somente no MCJ…
    Na EDUCAÇÃO a tragédia agigantou-se.
    Na SAÚDE nem se fala.
    Na SEGURANÇA é dispensável qualquer comentário, por mais diminuto que seja.
    Mossoró mergulhou no caos.
    Incrível é ainda não ter o povo realizado manifestações públicas.
    ////
    OS RECURSOS SAL GROSSO SERÁ JULGADOS NO SÉCULO XXII?
    O ARRASTÃO DA FREI MIGUELINHO SERÁ ELUCIDADO PELA POLÍCIA DO RN APÓS A PASSAGEM DO SÉCULO?
    O EX-PROCURADOR DA CÂMARA MUNICIPAL DE MOSSORÓ, KENNEDY SALVADOR, PUBLICOU NAS REDES SOCIAIS QUE O ARRASTÃO DA FREI MIGUELINHO NA VERDADE FOI UMA FARSA E QUE TEM AS PROVAS.
    POR QUE A POLÍCIA NÃO TOMA O DEPOIMENTO DO ADVOGADO KENNEDY SALVADOR?

  3. fonseca diz:

    bom dia Carlos, e diga-se passagem mossoró tem dois prefeitos, o de fato e o de direito, então pra mim dupla incompetência.
    mais Carlos nos vivemos no pais de mossoró, onde tudo pode.

  4. João Claudio diz:

    Todos jogando a culpa na prefeita, mas esquecem que, no caso do camarote, quem dá o OK final é o Corpo de Bombeiros.

    Alto lá! Eu não estou defendendo a prefeita. Acho que o Corpo de Bombeiros deve assumir a culpa sozinho e punir quem autorizou o ‘gado’ a subir em um poleiro que não suportava sequer o peso de um bode.

    • Carlos Santos diz:

      NOTA DO BLOG – Ano passado, a PMM conseguiu autorização judicial para liberar um camarote, apesar de parece contrário dos Bombeiros.

      Sò para lembrar.

      Quem manda em Mossoró não é Corpo de Bombeiros. Os donos da cidade são outros.

      Abraços

      • João Claudio diz:

        Ahhhhhhhhh!!! Aí são outros 500. Né não?

        Mesmo assim, o Corpo de Bombeiros deve explicações sobre o porquê da liberação do camarote. Com ou sem os 500.

        Lembrando que, se as estruturas do evento não estão de acordo com as normas de segurança impostas pelos Bombeiros, o evento é interditado. Fato, fato e fato.

        Se libera o evento e uma das estruturas vem abaixo, quem é o culpado?

        - A greve dos caminhoneiros.

        - Ah, tá.

  5. RAMIREZ FERNANDES - Advogado diz:

    Situação muito séria e flagrante desrespeito ao Código de Defesa do Consumidor, em virtude na falha na prestação de serviços, assim como, colocando em risco a vida de várias pessoas. As vítimas devem buscar a reparação incondicional dos seus direitos.

Deixe uma resposta para João Claudio Cancelar resposta

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.