quinta-feira - 18/10/2018 - 23:06h
Eleições 2018

Fátima aguarda avalanche de apoios para essa sexta-feira


Benes: possível apoio (Foto: arquivo)

A expectativa no núcleo da campanha da candidata ao Governo do Estado pela Coligação Do Lado Certo, senadora Fátima Bezerra (PT), é receber uma avalanche de apoios nessa sexta-feira (18).

Extraoficialmente, há informação de que devem anunciar reforço à candidatura dela e do vice Antenor Roberto (PCdoB), os deputados estaduais reeleitos Ezequiel Ferreira (PSDB), Raimundo Fernandes (PSDB) e Galeno Torquato (PSD), além dos novatos Bernardo Amorim (Avante), Eudiane Macedo (PTC) e Ubaldo Fernandes (PTC).

Os deputados federais eleitos Benes Leocádio (PTC) e João Maia (PR) também têm seus nomes comentados nos bastidores, entre outros nomes.

Ezequiel Ferreira, atual presidente da Assembleia Legislativa e do PSDB no RN, foi o mais votado em sua faixa de disputa. Benes Leocádio, também. O primeiro, com 58.221 mil votos; Benes Leocádio, com 125.841 votos.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Política
domingo - 07/10/2018 - 22:40h
RN

Veja quem se elegeu à Câmara Federal neste domingo


Do G1RN

Os eleitores do Rio Grande do Norte definiram, neste domingo (7), os oito representantes do estado na Câmara dos Deputados. O PT foi o único partido a eleger dois deputados. Na eleição, apenas três deputados que cumprem mandato foram reeleitos: Rafael Motta (PSB), Walter Alves (MDB) e Fábio Faria (PSD).

Foram apurados 1.966.450 votos. Destes, 1.609.833 foram votos válidos.

A Câmara Federal recebe cinco novos deputados potiguares: Benes Leocádio (PTC), Natália Bonavides (PT), Mineiro (PT), General Girão (PSL) e João Maia (PR).

O deputado federal mais votado foi Benes Leocádio (PTC), com 125.841 votos (7,82% dos votos válidos).

Rogério Marinho (PSDB) e Beto Rosado (Progressistas) não se reelegeram.

Dos oito deputados federais eleitos em 2014, três não tentaram a reeleição: Zenaide Maia (PHS) e Jácome (Podemos) se candidataram ao senado; e Felipe Maia (DEM) não se candidatou este ano.

  • Benes Leocádio (PTC) - 125.841 (7,82%) – Eleito
  • Natália Bonavides (PT) - 112.998 (7.02%) – Eleito
  • Mineiro (PT) - 98.070 (6,09%) – Eleito
  • João Maia (PR) – 93.505 (5,81%) – Eleito
  • Rafael Motta (PSB) – 82.791 (5,14%) – Reeleito
  • General Eliéser Girão (PSL) - 81.640 (5.07%) – Eleito
  • Walter Alves (MDB) - 79.333 (4,93%) – Reeleito
  • Fábio Faria (PSD) - 70.350 (4,37%) – Reeleito

- 1.609.833 votos válidos (81,86%);
- 109.541 brancos (5,57%);
- 247.076 votos nulos (12,56%);
- 406.098 abstenções (17,12%);
* Quociente eleitoral ficou em 201.229

Ficaram como suplentes: Carla Dickson (PROS) e Rogério Marinho (PSDB), pela “Coligação Trabalho e Superação I”; Caramuru Paiva (PT) e Garibalde Leite (PHS), da coligação “Do Lado Certo”; Beto Rosado (Progressistas), pela coligação “100% RN”, e Lawrence Amorim (SD), pela coligação “Renova RN I”.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
domingo - 07/10/2018 - 08:00h
Números

Veja como foi a eleição ao Governo e Senado no RN em 2014


Veja abaixo, os números finais das eleições do Rio Grande do Norte para Governo do Estado e Senado em 2014.

Houve segundo turno ao Governo entre as chapas Henrique Alves (PMDB)-João Maia (PR)  e Robinson Faria (PSD)-Fábio Dantas (PCdoB). No primeiro turno, vantagem numérica de Henrique-João sobre Robinson-Fábio com o total de 78.582 votos.

No segundo turno, o resultado foi este, com a eleição da chapa encabeçada por Robinson Faria:

- Robinson Faria (PSD) – 54,42%

- Henrique Alves (PMDB) - 45,58%

Quanto ao Senado, a deputada federal Fátima Bezerra (PT) levou a melhor sobre Wilma de Faria (PSB), consagrando-se como eleita.

Sua maioria sobre a contendora foi de 171.159 votos.

Veja os resultados abaixo:

Governo do Estado:

Henrique Eduardo Alves (PMDB) – 47,34% (702.196)
Robinson Faria (PSD) - 42,04% (623.614)
Professor Robério Paulino (PSOL) – 8,74% (129.616)
Simone Dutra (PSTU) – 0,98% (14.549)
Araken Farias (PSL) – 0,90% (13.396)
Votos apurados – 1.935.105
Votos válidos  - 76,66% (1.483.371)
Brancos – 7,05% (136.498)
Nulos – 16,29% (315.236)
Abstenções – 16,83% (391.478)

Senado:

Fátima Bezerra (PT) – 54,84% (808.055)
Wilma de Faria  (PSB) – 43,23% (636.896)
Lailson Almeida (PSOL) – 1,03% (15.164)
Ana Célia (PSTU) – 0,90% (13.253)
Roberto Ronconi (PSL) – 0,00%
Votos apurados – 1.935.105
Votos válidos  - 76,14% (1.473.368)
Brancos – 8,61% (166.542)
Nulos – 15,25% (295.195)
Abstenções – 16,83% (391.478)

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
sexta-feira - 28/09/2018 - 19:07h
Maria Maia

Morre irmã de Zenaide e João Maia


A deputada federal e candidata ao Senado, Zenaide Maia (PHS), cancelou sua agenda desta sexta-feira (28).

Foi em virtude do falecimento de sua irmã, Maria Maia, 69.

Estava internada no Hospital Regional do Seridó, em Caicó.

Maria Maia terá velório e sepultamento em Jardim de Piranhas, onde residia.

Ela era irmã também do ex-deputado federal e novamente candidato João Maia (PR), e do deputado distrital (Brasília) Agaciel Maia (PR).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
sexta-feira - 28/09/2018 - 02:20h
Em 2014

‘Renovação’ à Câmara Federal já chegou a seis deputados


Nas eleições de 2014, seis deputados potiguares não retornaram à Câmara Federal. Um recorde, mas por variados motivos. Dois conseguiram reeleição: Felipe Maia (DEM) e Fábio Faria (PSD).

Eleitos em 2014: Walter, Fábio, Jácome, Zenaide, Beto, Rafael, Felipe e Rogério Marinho (Fotomontagem)

Os mossoroenses e primos Betinho Rosado (PP) e Sandra Rosado (PSB) não vingaram. O primeiro, por ter sido impedido em face de aparecer em lista como “ficha suja”. Acabou colocando o filho Betinho Segundo (que depois adotou o nome parlamentar de “Beto”) como substituto. Sandra não empalmou votos suficientes e ficou na segunda suplência de sua coligação.

João Maia foi candidato a vice-governador na chapa encabeçada por Henrique Alves (PMDB): ambos perderam o pleito.

A deputada Fátima Bezerra (PT) foi candidata eleita ao Senado e o apresentador de TV, Paulo Wagner (PV), desistiu da postulação, apesar de ter feito seu registro.

Reelegeram-se Felipe Maia e Fábio Faria.

Leia também: Chapa de Robinson Faria deverá eleger maioria dos deputados federais;

Leia também: Câmara Federal com emoção e uma baixa – Eleições 2010.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
segunda-feira - 27/08/2018 - 11:32h
RN

Ex-deputado e mais 10 são denunciados por corrupção no Dnit


O Ministério Público Federal (MPF) denunciou o ex-deputado federal João Maia (PR), candidato outra vez à Câmara Federal, na Coligação Trabalhos e Superação. Além dele, mais dez pessoas são denunciadas por envolvimento no esquema de corrupção que reunia (entre os anos de 2009 e 2010) integrantes da Superintendência do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte (DNIT) no RN.

Os 11 foram alvo da Operação Via Trajana, realizada no último dia 31 de julho (veja AQUI) e que é um desdobramento da Operação Via Ápia, deflagrada em 2010.

Leia tambémJoão Maia estranha busca e apreensão em período eleitoral.

“(…) pelos elementos colhidos por meio dos acordos de colaboração celebrados e demais provas coligidas nessa fase da investigação, verificou-se, a bem da verdade, que João da Silva Maia era o verdadeiro chefe-mor de todo o esquema de corrupção operado no Dnit/RN”, destaca a denúncia do MPF.

Envolvidos

Além de João Maia, foram denunciados seu ex-assessor Flávio Giorgi Medeiros Oliveira, o “Flávio Pisca”; a ex-esposa e o ex-sogro do deputado, Fernanda Siqueira Giuberti Nogueira e Fernando Giuberti Nogueira; seu sobrinho Robson Maia Lins; Paulo César Pereira (irmão do ex-ministro dos Transportes Alfredo Nascimento); o engenheiro Alessandro Machado; além de pessoas que ajudaram no recebimento da propina, como Wellington Tavares, Hamlet Gonçalves e a ex-esposa e o irmão de Flávio Pisca, Cláudia Gonçalves Matos Flores e Carlos Giann Medeiros Oliveira.

A denúncia é resultado de um trabalho conjunto do MPF com a Polícia Federal (PF)l, Controladoria Geral da União9 CGU), Receita Federal (RF) e Tribunal de Contas da União (TCU), que contribuíram com informações fundamentais para desvendar como funcionava o esquema de corrupção no Dnit/RN.

De acordo com as provas colhidas, João Maia foi o principal beneficiário e atuou desde o princípio, indicando seu sobrinho Gledson Maia para a Chefia de Engenharia da autarquia e Fernando Rocha para a Superintendência. Os dois operavam a “troca de favores” com as empresas.

Confira os crimes atribuídos a cada denunciado:

João da Silva Maia – Peculato (art. 312 do Código Penal), corrupção passiva (art. 317 do Código Penal), associação criminosa (art. 288 do Código Penal), crimes contra licitações (art. 89, 90 e 92, caput, da Lei n.º 8.666/93); e lavagem de dinheiro (art. 1º, V e VII, e § 1º, I, da Lei n.º 9.613/98).

Wellington Tavares – Corrupção passiva, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

Fernanda Siqueira Giuberti Nogueira – Corrupção passiva, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

Fernando Giuberti Nogueira – Corrupção passiva, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

Flávio Giorgi Medeiros de Oliveira – Corrupção passiva, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

Robson Maia Lins – Corrupção passiva, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

Paulo César Pereira – Corrupção passiva e associação criminosa.

Carlos Giann Medeiros Oliveira – Corrupção passiva e associação criminosa.

Hamlet Gonçalves - Corrupção passiva e associação criminosa.

Cláudia Gonçalves Matos Flores - Corrupção passiva, associação criminosa e lavagem de dinheiro.

Alessandro Machado – Corrupção ativa e associação criminosa.

Saiba mais detalhes clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Justiça/Direito/Ministério Público / Política
  • Repet
terça-feira - 21/08/2018 - 13:00h
Operação Via Ápia

Ex-diretor do Dnit é condenado a mais de 13 anos de prisão


Gledson Maia: condenação (FOto: Web)

Em mais um desdobramento da Operação Via Apia (que eclodiu em 2010), como ficou conhecida a denúncia de um suposto esquema de corrupção em obras do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte (DNIT) no RN, o Juiz Federal Eduardo Dantas, da 14ª Vara Federal do RN, condenou duas pessoas, absolveu uma e aplicou o perdão judicial a outra.

Foram condenados Gledson Golbery de Araújo Maia, ex-diretor de Engenharia do Dnit, e o empresário Arlindo Cavalca Filho. No caso de Gledson Golbery, a condenação é de 13 anos, 6 meses e 3 dias de reclusão e ao pagamento de 422 dias-multa, com cada dia-multa no valor de 1/30 do salário mínimo vigente.

Como ele firmou o acordo de colaboração premiada,  a pena dele foi convertida a 4 anos, 6 meses e 1 dia de reclusão, inicialmente, em regime aberto.  Mas a pena de multa se mantém no mesmo valor.

Sobre Arlindo Cavalca a pena foi de 6 anos, 5 meses e 10 dias de reclusão e o pagamento de 194 dias-multa, com cada dia-multa no valor de 1/30 do salário mínimo vigente.

Favorecimento

Luciana Sbaraini foi absolvida no processo. Já Adla Érica de Queiroz Silva Maia recebeu o perdão judicial nos termos da colaboração premiada que firmou com o Ministério Público Federal.

A denúncia do Ministério Público Federal recaiu sobre favorecimento indevido de contratação para empresa Cavalca Construções e Mineração Ltda, da qual Arlindo Cavalca é sócio.

Gledson Maia é sobrinho da deputada federal e candidata ao Senado Zenaide Maia (PHS) e do ex-deputado federal e novamente candidato à Câmara dos Deputados, João Maia (PR).

Leia também: PF e MPF cumpre busca e apreensão sobre corrupção na BR-1101;

Leia também: João Maia estranha busca e apreensão em período eleitoral.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Justiça/Direito/Ministério Público
quinta-feira - 02/08/2018 - 10:24h
PR

Tião e Jorge não seguem decisão de apoio a Robinson Faria


Ex-candidato a prefeito de Mossoró, o empresário Tião Couto (PR) e seu grupo político não vão seguir a decisão partidária de apoio ao projeto de reeleição do governador Robinson Faria (PSD), tomada no dia passado em Natal (veja AQUI).

Tião e Jorge não concordam com posição do PR, mas respeitam (Foto: cedida)

“A gente já sabia o que ia acontecer na reunião de ontem (terça-feira, 1º). Entendemos a posição do presidente do PR, ex-deputado federal João Maia, que mostrou projeções e estudos indicando que a coligação partidária seria a mais viável para nominatas à Câmara Federal e Assembleia Legislativa do nosso partido”, comenta Tião Couto.

Segundo Tião, “essa foi a situação eleitoralmente mais aceitável”.

Vice, não

Frisa, ainda, que “todos os pré-candidatos estão liberados para tomada de posições próprias e diferentes, como a nossa em Mossoró e do nosso pré-candidato a deputado estadual Jorge do Rosário (PR)”.

A cúpula do PR conversou com Tião sobre hipótese de ser vice de Robinson. Foi cogitado, sim. “Na verdade, a insistência é do grupo de Robinson; o partido não nos pressiona”, esclarece.

A tese para tentar convencê-lo à assunção à chapa majoritária, é a de que assim criaria uma polarização com o sistema governista representado pela prefeita Rosalba Ciarlini (PP), fortalecendo-o e à oposição.

Desconfiado, Tião avalia sob outra ótica: a candidatura poderia ser uma bigorna a lhe empurrar para baixo.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
quarta-feira - 01/08/2018 - 18:54h
Eleições 2018

PR anuncia aliança e apoio ao governador Robinson


João (centro): luta contra o "não voto" (Foto: cedida)

No encerramento de reunião do Partido da República (PR) no final da manhã desta quarta-feira (1º) no Hotel Maine, em Natal, o presidente estadual da legenda, ex-deputado federal João Maia, anunciou uma aguardada decisão: o PR vai se coligar com o PSD na majoritária.

Mais ponderou: “Eu vou fazer a campanha de reeleição do governador Robinson Faria (PSD), com exceção das cidades onde o partido, por questões locais, tiver posição diferenciada, como forma de respeito”, declarou.

João Maia fez questão de destacar que “a maior derrota que pode acontecer nessa eleição, para nós que acreditamos na política como forma de melhorar a vida das pessoas, é que no dia 7 de outubro o número de abstenções, voto nulo ou em branco seja maioria”.

Nota do Blog – Seguimos com a mesma tese: as maiores dificuldades do candidato este ano serão duas – “convencer o eleitor a sair de casa e a votar em seu nome.”

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 31/07/2018 - 10:22h
Operação Via Trajano

João Maia estranha busca e apreensão em período eleitoral


O presidente estadual do PR, João Maia, emite nota nesta terça-feira (31), sobre a Operação Via Trajano, da Polícia Federal e Ministério Público Federeal (MPF), que ensejou cumprimento de mandado de busca e apreensão em sua residência.

“Avisaram-me, muitas vezes, que a proximidade do processo eleitoral pdoeria ensejar esse tipo de ação (…)”, assinala o dirigente partidário e pré-candidato à Câmara Federal. Veja abaixo:

Nota

À minha família, aos amigos e a todos os conterrâneos do Rio Grande do Norte: Hoje, às seis da manhã, minha família foi acordada com mandado de busca e apreensão. Soube por terceiros, como sempre, que se trata de desdobramento de uma delação sobre um processo que se desenrola desde 2009.

Espero que agora possa saber exatamente se sou acusado e, de que sou, para poder me defender na justiça, em quem acredito e sempre vou acreditar.

Avisaram-me, muitas vezes, que a proximidade do processo eleitoral poderia ensejar esse tipo de ação, não quis acreditar, mas estranhamente aconteceu. Continuo tranquilo, firme nos meus propósitos, com fé em Deus e na Justiça.

João da Silva Maia

Leia também: PF e MPF cumprem mandados de busca e apreensão sobre corrupção em obra da BR-101.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
quinta-feira - 12/07/2018 - 08:30h
Eleições 2018

A “herança” de Tião Couto e a luta de seus “herdeiros”


Cresce desde o final de semana a fila de “herdeiros” do ex-pré-candidato Tião Couto (PR).

Desde que ele declarou oficialmente no sábado (7), em evento estadual do seu partido em Natal, que não seria mais candidato a deputado federal (veja AQUI), não falta quem tente se apropriar de um bem abstrato, vago e de difícil estimativa: seus votos.

Tião Couto só apoia, até aqui, o seu companheiro de chapa em 2016, Jorge do Rosário (Foto: arquivo)

O primeiro a se apresentar como beneficiário foi o próprio presidente do PR no estado, pré-candidato à Câmara Federal João Maia, através de comunicado oficial da legenda, de que Tião iria apoiá-lo.

A prioridade do empresário Tião Couto, como assim afirmou à ocasião e tem sustentado, é tão somente a campanha à Assembleia Legislativa do também empresário Jorge do Rosário (PR), seu companheiro de chapa como vice, na campanha municipal de 2016 em Mossoró.

Pelo visto, a “herança” eleitoral dele não está destinada a ninguém. A menos que amanhã declare apoio a alguém, especificamente.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
segunda-feira - 09/07/2018 - 12:20h
COLUNA DO HERZOG

Os bons magistrados podem e devem salvar o Brasil


Por Carlos Santos

Domingo sem futebol, mas com intensas emoções. Nem deu para sentir falta do Brasil na Copa do Mundo da Rússia. O Brasil real é bem mais intenso e emocionante.

A celeuma em torno de um alvará de soltura do ex-presidente Lula da Silva, considerado teratológico (absurdo) por setores e vozes influentes do mundo do Direito, chega a nos assustar. É mais uma prova da insegurança jurídica em que vivemos e o lamaçal em que se meteu o poder que deveria frear os excessos dos outros, arbitrar conflitos, efetivar a justiça. Ser moderador e moderado.

O Judiciário do Brasil está tão podre quanto os demais poderes, com o agravante de que a sociedade não tem meios de depurá-lo pelo voto. Às vezes é obrigada a ficar caladinha, sem estrilar, para não pagar caro a ‘insolência.’

“Política e Justiça não podem se misturar em hipótese alguma. Não há Justiça de direita ou de esquerda. O justo só tem um lado: o do direito”, chegou a asseverar uma Nota Oficial da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) nesse domingo (8) – veja AQUI.

A magistratura é um dos mais belos ofícios que temos. Vejo-o como um apostolado. Mas há uma súcia que a envergonha. O mérito, o notório saber jurídico, a ética, não podem ser substituídos pelo compadrio, pelo escambo, pelo aparelhamento de judicantes e do Judiciário.

Judiciário do Brasil é uma vergonha, com valorosas exceções. A propósito, é desfaçatez querer atribuir a forças estranhas (exógenas) a esse poder, suposta campanha para desmoralizá-lo. Boa parcela de seus membros é responsável por isso. Os bons podem e devem salvá-lo, para salvarem o Brasil.

PRIMEIRA PÁGINA

Mau exemplo vem de cima e contamina todo o Judiciário – “O que me parece lamentável é que isso costuma ocorrer na Justiça. Um sujeito espera um juiz plantonista ideal para impetrar um habeas corpus, um mandado de segurança, e ter a certeza da obtenção de uma liminar. Isso é velho e conhecido na Justiça”. O comentário é do ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Carlos Velloso, 82. Em entrevista esclarecedora (veja AQUI), Velloso diz que os maus exemplos do STF, em que ministros não respeitam decisões do próprio plenário, estimulam os excessos, os abusos, em instâncias inferiores.

Ex-ministro do STF, Carlos Velloso revela preocupação com os rumos do Judiciário brasileiro (Foto: Breno Fortes)

O “não voto” de 2014 caminha para ser maior este ano – Veja esses números do Primeiro Turno das eleições no Rio Grande do Norte, disputa ao governo estadual: 16,83% de Abstenção, 7,05% de Branco e 16,29% foram de voto Nulo. Total: 40,17%. Segundo Turno: 17,66% de Abstenção, 3,07% de votos em Branco, 12,78% de voto Nulo. Total: 33,51%. Do primeiro para o segundo turno, acabou existindo queda no “não voto”, num patamar expressivo. Mesmo assim, o índice de abstenção cresceu 0,83% de um pleito para o outro àquele ano. O cenário pode ser ainda pior num eleitorado de 2.373.092 votantes. Este ano, com o desalento ainda maior em relação a políticos, partidos e à política, faça suas apostas.

Tião não definiu qualquer apoio à Câmara Federal - Textos oficiais do Partido da República (PR) divulgaram no final de semana, que o empresário e ex-candidato a vice-prefeito de Mossoró Tião Couto (PR) apoiaria a pré-candidatura do ex-deputado federal João Maia (PR) à Câmara Federal. “Menas” verdade. Tião anunciou desistência própria (veja AQUI) de postulação a deputado federal, mas sem declarar se apoiará João ou outro nome.

Styvenson ameaça primeiramente Zenaide Maia – Em sua instantânea ascensão como nome ao Senado, o capitão Styvenson Valentim (sem partido), ameaça primeiramente a deputada federal Zenaide Maia (PHS). Ela é o nome mais próximo à subida de Styvenson e não o primeiro colocado até aqui nas pesquisas, senador Garibaldi Filho (MDB). Se formos falar de riscos, com duas vagas em jogo, quem está sob maior ameaça é ela e não “Gari”. As próximas pesquisas dirão com maior realismo o que pode estar por vir na disputa ao Senado. Se Styvenson se confirmar como outsider (nome estranho ao sistema) da campanha, eles dois que se virem à cata da outra vaga.

O marketing político-eleitoral contido no alvará de soltura de Lula – É-me profundamente estúpido debater e discutir, sob o viés do Direito, a celeuma em torno da decisão monocrática do desembargador federal Rogério Favreto, que ontem assinou três despachos consecutivos para ensejar a liberdade do ex-presidente Lula da Silva (PT). Sou analfabeto jurídico. Não sei fazer uma petição, imagine tratar dessa polêmica tecnicamente. Mas sob o ângulo político e do marketing eleitoral, atrevo-me a opinar e falar. Sou do ramo. Uma tese palatável é de que o PT apostava realmente na soltura do seu principal ícone, mesmo que por algumas horas ou dias, para criar um fato político grandiloquente, capaz de produzir círculos concêntricos que amplificassem a imagem de Lula. Organizou previamente sua militância para um domingão legal em todo o país. Assim, daria outra injeção de ânimo nela, potencializando a influência populista do ex-presidente em favor de um candidato próprio à presidência da República e outras postulações nos estados. A estratégia foi bastante engenhosa, contando com o destemor de um antigo militante no Tribunal Regional Federal da 4ª Região para despachar a decisão judicial. Contudo outro judicante com perfil parcial, Sérgio Moro, estava no meio do caminho. Melou.

PCdoB endossa escolha de Antenor Roberto a vice e união com PT e PHS – Em sua sede no bairro Tirol em Natal, nesse domingo (8), o PCdoB realizou reunião ordinária do Comitê Estadual e referendou escolha do seu presidente, Antenor Roberto, como vice da senadora Fátima Bezerra (PT), pré-candidata ao governo estadual. Mas houve críticas pela forma de divulgação do nome pelo PT, no fim de semana (veja AQUI). Sigla foca agora sua luta, também, nas chapas proporcionais.

Robinson Faria não segue a lição que passou a “Francisco” - No dia 9 de outubro de 2016, uma semana após as eleições municipais daquele ano, o governador Robinson Faria (PSD) disse ao programa “Diógenes Dantas Entrevista”, da TV Tropical (veja AQUI), o porquê de não ter apoiado o projeto de reeleição à Prefeitura Municipal de Mossoró, do então prefeito e aliado Francisco José Júnior (PSD, hoje sem partido). ”Eu disse a ele, aqui, que o nome dele não tinha nenhuma viabilidade para reeleição”, destacou o governador, relembrando reunião no primeiro semestre de 2016, com Francisco. “Falei que ele pensasse, tivesse humildade, que as pesquisas mostravam que ele não tinha nenhuma chance de reeleição. E depois ele desapareceu, lançou-se candidato, sem conversar comigo (…), botou o bloco nas ruas – relatou Robinson. Dois anos depois, são as pesquisas em patamares parecidos com os atingidos por “Francisco”, que dizem para Robinson não tentar a reeleição. A mais recente sondagem apontou que 74,35% dos eleitores desaprovam seu governo. Mas ele será candidato. Francisco foi e desistiu no meio da campanha. Com Robinson há um diferencial, que não permite sua desistência: precisa ter um palanque para reeleição do filho e deputado federal Fábio Faria (PSD), além de firmar uma bancada mínima na Assembleia Legislativa.

Agaciel defende que PR não dê apoio a qualquer chapa majoritária – Nome sempre ouvido pelo irmão e ex-deputado federal João Maia (PR), o deputado distrital (Brasília) Agaciel Maia defende que a legenda no RN não dê apoio a qualquer chapa majoritária no primeiro turno. Internamente, o PR admite que possa marchar em faixa própria, apenas formalizando coligações proporcionais.

EM PAUTA

Carnapau – Foi um sucesso retumbante no último final de semana, a versão 2018 do Carnapau. O carnaval fora de época de Pau dos Ferros atraiu grande público da região e estados vizinhos (Paraíba e Ceará).

Luís Gomes – População de Luís Gomes (a 195 quilômetros de Mossoró e 442 de Natal) ainda não está sendo abastecida com água potável do sistema da Caern, como esperava. Apesar do inverno razoável que restabeleceu boa parte da capacidade do seu reservatório, o Açude Dona Lulu Pinto, os moradores (10.211 habitantes do município) seguem usando carros-pipa e outras alternativas. Governo precisa se pronunciar.

Voo livre - A rampa do voo livre (Parapente) que fica na Serra de Patu está consolidada como uma referência no país e no mundo para o esporte. Pilotos dos Estados Unidos, Portugal, Alemanha, Áustria, França e Suécia já decolaram de sua rampa, além de brasileiros de várias partes do país. Algo que precisa ser melhor potencializado pela indústria do turismo do RN. Recordes brasileiros e internacionais já foram batidos lá.

Sangue – Fim de semana sangrento em Mossoró. Município alcançou total de 138 homicídios este ano, caminhando para novo recorde. Pelo menos oito pessoas foram mortas entre sexta-feira e domingo, além de outras que saíram feridas à bala em tentativas de homicídio.

Paula Fernandes – A cantora e compositora Paula Fernandes estará no Teatro Riachuelo no dia 8 de setembro. Há tempos a artista não se apresenta na capital.

Gostoso – Vem aí a 5ª Mostra de Cinema de Gostoso, em São Miguel do Gostoso, de 23 a 28 de novembro deste ano. Serão seis sessões por dia, em telão na Praia do Maceió, nesse endereço litorâneo potiguar conhecido em todo o mundo. Alguns lançamentos nacionais serão apresentados.

SÓ PRA CONTRARIAR

Pesquisa para consumo interno já circula de mão em mão, por aí, apontando que teremos fortes emoções adiante na luta ao Senado. Anote, por favor.

GERAIS… GERAIS… GERAIS…

Receita Federal liberou nesta segunda-feira (9) as consultas ao segundo lote de restituição do Imposto de Renda 2018. Consulte AQUI.

Obrigado à leitura do Nosso BlogRose Oliveira (Natal), Gilson Cardoso (Mossoró) e Nilton Figueiredo (Pau dos Ferros).

Veja a edição anterior da Coluna do Herzog (02/07) clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Coluna do Herzog
  • Repet
sábado - 07/07/2018 - 09:10h
Em Natal

PR realiza último encontro regional neste sábado


João: líder (Foto: Arquivo)

O Partido da República (PR) realiza agora (sábado, 07), o seu “Grande Encontro” estadual.

Acontece no Espaço América Futebol Clube, no Tiro, em Natal.

Reúne lideranças de Natal, Grande Natal e todo o Rio Grande do Norte.

Gaudêncio Torquato, professor titular da Universidade de São Paulo (USP), jornalista, consultor e analista político, é o palestrante convidado, para abordar o tema “Momento político atual”.

O evento fecha ciclo de encontros regionais promovidos pelo partido nos últimos meses, que abrangeu todas as regiões do estado, sob o comando do seu presidente, pré-candidato a deputado federal João Maia.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 03/07/2018 - 07:38h
Reforços

Robinson aguarda, para esta semana, chegada de PR e PP


Do Blog Saulo Vale

Em conversa com o Blog Saulo Vale sobre conjuntura política e eleições, o governador Robinson Faria (PSD) garantiu que trabalha para atrair mais partidos ao arco de alianças que costura para seu projeto de reeleição.

Foi durante sua passagem a Mossoró neste fim de semana.

“Essa semana devemos receber mais apoios, dentre eles o PR e o PP”, afirmou.

Nota do Blog Carlos Santos - Só para esclarecer: o PR é comandado no estado pelo ex-deputado estadual João Maia.

O PP é presidido pelo ex-deputado federal Betinho Rosado, sigla da qual faz parte a prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini e o deputado federal Beto Rosado.

Até o momento, nenhuma das duas legendas antecipou quem apoiará à sucessão estadual.

Contagem regressiva

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
sábado - 30/06/2018 - 04:24h
Eleições 2018

PR procura afinar posição para disputa eleitoral


O presidente do Partido da República (PR) no RN, ex-deputado federal João Maia, recebe neste sábado em Messias Targino (região Oeste) dois importantes partidários.

Os ex-candidatos a prefeito e vice de Mossoró em 2016 Tião Couto e Jorge do Rosário vão estar com ele na cidade, que é governada por Shirley Targino (PR), mulher de João.

A conversa é para alinhar posição deles e do partido em relação à campanha e pleito deste ano. Tião é pré-candidato à Câmara Federal e Jorge à Assembleia Legislativa.

Até o momento, o PR não definiu quem apoiará ao governo e nomes ao Senado.

Pode adotar equidistância e neutralidade.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
quinta-feira - 28/06/2018 - 09:50h
Jorge do Rosário

Pré-candidato do PR vê quadro político “muito nebuloso”


Jorge e João (Foto: arquivo)

“Está tudo muito nebuloso, ao meu ver. Temos uma eleição onde a disputa mais importante para os partidos é a de deputado federal, devido a cláusula de desempenho”.

O comentário acima é do empresário e ex-candidato a vice-prefeito de Mossoró em 2016 Jorge do Rosário (PR).

Ele é pré-candidato a deputado estadual.

“Nao se discute nada além de viabilidade eleitoral”, lamenta.

Seu partido ainda não divulgou formalmente que posição adotará na campanha deste ano.

“Nosso presidente João Maia está conversando com todos”, comenta.

Leia também: Cláusula de Desempenho prioriza disputa à Câmara Federal;

Leia também: PR estuda posição de neutralidade em disputa majoritária.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
quarta-feira - 27/06/2018 - 09:06h
Eleições 2018

PR estuda posição de neutralidade em disputas majoritárias


O Partido da República (PR) do ex-deputado federal João Maia, pré-candidato novamente à Câmara Federal, pode abdicar de apoio a qualquer chapa majoritária (Governo e Senado) nas eleições 2018 do RN.

O assunto é discutido internamente, com forte possibilidade de se consumar.

Portanto, é forte a tendência de equidistância da disputa majoritária, com seus candidatos à Câmara Federal e à Assembleia Legislativa sendo liberados à neutralidade ou qualquer opção pessoal.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
segunda-feira - 25/06/2018 - 22:50h
Eleições 2018

Partidos podem fechar apoio a Robinson


PP da prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini;

PSB do deputado federal Rafael Motta;

PR do ex-deputado federal João Maia.

Todos podem se juntar a outras tantas siglas que já estão ou acenaram com apoio à reeleição do governador Robinson Faria (PSD).

O PSDB esta praticamente negociado, que se diga.

Ouvido ao chão como bom índio Sioux, Comanche, Cherokee, Navajo, Apache ou Cheyenne.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
sábado - 23/06/2018 - 08:30h
Eleições 2018

PT e PR conversam sobre possível aliança no RN


Partido dos Trabalhadores (PT) e Partido da República (PR) conversam sobre entendimento político-eleitoral no Rio Grande do Norte.

O PT da senadora Fátima Bezerra e o PR do ex-deputado federal João Maia têm alimentado a hipótese de coligação.

Uma aliança que não seria estranha, pois afinidades existem até no plano nacional.

Os próximos dias serão decisivos à sua confirmação ou não.

Traremos mais detalhes. Aguarde.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 12/06/2018 - 05:00h
Política

Dois nomes de 2016 que podem afinar sintonia para 2020


Candidatos a prefeito de Mossoró em 2016, com expressivas votações, Tião Couto (PR) e Gutemberg Dias (PCdoB) encontraram-se no sábado (9).

Cada um participava de evento político de seu partido, no mesmo endereço – mas em espaços distintos, no Hotel VillaOeste em Mossoró.

Tião e Gutemberg somaram votações expressivas em 2016; João, líder do PR (Foto: BCS)

Numa brecha entre os respectivos compromissos, os dois conversaram amenidades e sobre política, sob o testemunho do ex-deputado federal João Maia (PR).

Janela aberta para diálogo que pode chegar às eleições municipais de 2020.

Faz sentido.

Se a oposição sair fracionada, praticamente dará de “bandeja” a vitória ao governismo.

Os números do último pleito mostram isso.

Rosalba Ciarlini (PP) venceu o pleito com maioria de 2.362 votos sobre o cumulativo dos concorrentes (Tião, Gutemberg, Josué Moreira do PSDB, e o que foi computado para o desistente prefeito Francisco José Júnior).

Leia também: Voto se revela um ativo de alto risco na política de Mossoró.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
sexta-feira - 08/06/2018 - 17:20h
Que fique claro

Tião Couto não dividirá palanque com Rosalba Ciarlini


Do Blog Saulo Vale

Tião (de amarelo): distância (Foto: cedida)

O ex-candidato a prefeito de Mossoró e empresário Tião Couto (PR) deu um ultimato ao seu partido: se a legenda se unir ao grupo da adversária e prefeita mossoroense Rosalba Ciarlini (PP), ele retira sua pré-candidatura a deputado federal.

Segundo Tião, não há clima para subir no mesmo palanque de Rosalba.

“Eu tenho o livre arbítrio para não aceitar esse tipo de união. Eu só vou para uma candidatura se for para servir e ter liberdade em tomar decisões. Eu não preciso me alinhar a pessoas que não concordo com elas. Se isso vier a acontecer [o PR se alinhar a Rosalba], eu vou ficar calmo e esperar 2020, quando será uma disputa direta”, adiantou o empresário em entrevista ao Jornal da Tarde (Rádio Rural de Mossoró) desta quinta-feira (7).

Ele afirmou ainda que já fez esse comunicado ao presidente estadual do PR, ex-deputado federal João Maia.

O empresário defendeu ainda que a sigla apoie a candidatura do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves (PDT).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
sexta-feira - 18/05/2018 - 10:56h
PR

Briga paroquial em Mossoró atrapalha Carlos Eduardo


Carlos e João: dificuldade (Foto: montagem)

Do Blog da Chris

O ex-prefeito de Natal e pré-candidato ao governo do Estado, Carlos Eduardo (PDT), tem encontrado muitas pedras no caminho para ter o apoio do Rosalbismo.

O empecilho passou a ser o PR, comandado no RN pelo ex-deputado e pré-candidato a deputado federal, João Maia.

João Maia não esconde a vontade de fechar com Carlos Eduardo Alves, que por sua vez quer por demais o apoio do PR. Partido este, que hoje abriga o ex-candidato a prefeito de Mossoró e também pré-candidato a deputado Federal, Tião Couto, inimigo político do casal Carlos Augusto e Rosalba Ciarlini (PP).

O casal não aceita dividir o mesmo palanque com o empresário mossoroense.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.