• Banner Lion Brazil Fim de 2019 - 05-12-19
sexta-feira - 19/07/2019 - 14:26h
Projeto de resolução

TCE reajusta para R$ 35,4 mil subsídios de conselheiros


Resolução publicada (Reprodução)

Os conselheiros do Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) reajustaram seus subsídios. O projeto de resolução foi publicado nesta sexta-feira (19).

Com a resolução, os vencimentos dos conselheiros e procuradores chegam a R$ 35.462,22 (correspondente a 90,25% do subsídio de um ministro do Supremo Tribunal Federal-STF).

O conselheiro substituto passa a receber R$ 33.689,11.

O acréscimo é de 16,38%.

Na quarta-feira (17), projeto de lei do TCE/RN com esse fim foi retirado de pauta na Assembleia Legislativa, onde seria votado, após várias semanas de tramitação. Virou matéria de decisão interna nesse órgão técnico auxiliar do próprio legislativo, através de projeto de resolução.

O TCE tem seis conselheiros, um ouvidor e três conselheiros substitutos. Foi criado oficialmente em 12 de janeiro de 1961, no final do Governo de Dinarte Mariz.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política

Comentários

  1. Inácio Augusto de Almeida diz:

    Só?

  2. Hermiro filho diz:

    Pois é. Enquanto no meu contra-cheque expedido pelo governo do RN já se vai quase dez anos sem nenhum aumento.
    Essa cambada de conselheiros deveriam ser instintos porque foram todos nomeados por políticos e fossem nomeados através de concursos públicos.
    Vão todos para os quintos dos infernos.

  3. Amorim diz:

    Monento cultural:
    Quandio Oscar projetou Brasilia ele já sabia, sem comunista declarado, nadda contra, colocou no congresso um Vaso Sanitário virado prá cima e outro de cabeça pra baixo.
    A interpretação caba a vcs.
    Um bom dia, supostamente se possíve.

Deixe uma resposta para Amorim Cancelar resposta

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.