domingo - 30/06/2019 - 16:32h

A maçã e seus três paraísos


Por François Silvestre

As mulecas estranharam quando eu disse que vim a conhecer a maçã, pessoalmente, com dezoito anos de idade. Fins dos anos Sessenta, em Natal. É a mais pura verdade.

Eu vinha de três paraísos, no que se refere à maçã, onde essa fruta era proibida. Pelo menos para mim e meus irmãos.

Em Viçosa, só pelas notícias da Bíblia. Em Martins, tão farta de frutas na época, a maçã não fazia falta. Em Caicó, imperava o umbu, ou imbu, e a fenomenal umbuzada.

O Diocesano nunca ousou apresenta a maçã. Éramos adões forçados.

Lembro da primeira maçã. Foi no Mercado da Cidade Alta, aquele que pegou fogo, onde hoje há uma agência bancária. Aquela beleza que eu conhecia por retrato, em livros do primário, ali na minha frente. Era um alumbramento, vinda da Argentina.

Não deu outra. Como tudo que vem das plagas portenhas.

Ao abocanhar na primeira dentada, a decepção. Aquela massa porosa e sem gosto, que lembrava o sabor neutro dos bagos do ingá.

Ainda hoje, prefiro o gosta das frutas dos meus “paraísos” miseráveis. O juá da Viçosa, a jaca do Martins e o umbu de Caicó.

François Silvestre é escritor

Categoria(s): Crônica

Comentários

  1. Q1Naide Maria Rosado de Souza diz:

    Jaca sensacional! A rainha soberana , para mim , é a manga. Pobre maçã, também não me atrai.

  2. Lsv diz:

    E eu também , desapegado nordestino.

  3. Alcimar Antônio de Souza diz:

    Há muita verdade no retrato social pintado com poesia por François Silvestre no texto. Disse muito não apenas da vida dele, mas da vida de muitos sertanejos. François escreve bem sobre tudo, mesmo quando discordamos dele. Quando se propõe a fazer crônicas, então, agiganta-se nas palavras. Belíssimo texto.

  4. Q1Naide Maria Rosado de Souza diz:

    Alcimar, é verdade. François “agiganta-se nas palavras”. Ele é capaz de traçar com perfeição um acontecimento, mesmo o ruim, e descrever, com beleza, a mais rude pedra.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.