• Banner Lion Brazil Fim de 2019 - 05-12-19
domingo - 01/12/2019 - 09:46h

A tragédia anunciada


Por Inácio Augusto de Almeida

Dizer o quê? Que só nos resta rezar pela salvação das nossas almas?

Ou, quem sabe, conscientemente, perder a razão?

Meio paradoxal, mas talvez a única saída inteligente que nos é permitida.

Hemingway e Nava fizeram outra opção. Faltou-lhes a paciência de Jó.Dotados que eram de uma aguçada percepção, pressentiam, anteviam, sem serem pitonisas, baseando-se apenas em análises lógicas, em deduções, para eles simples, o que fatalmente sucederia no amanhã. E, consequentemente, sofriam mais, sofriam duas vezes.

O saber, antecipadamente, sem nada poder fazer para evitar o mal a caminho, gerava nos seus espíritos uma sensação de impotência. O assistir à tragédia, passivamente, enchia as suas almas de uma angústia aniquiladora.

Nada é mais destruidor do que a sensação de impotência.

Quando não se tem vocação para o cinismo, caso em que o compartilhamento social se torna difícil sob todos os aspectos, a vida passa a se assemelhar a um exercício de sobrevivência.

O sentir-se parte de uma massa sem conseguir a ela nivelar-se, sem idiotizar-se e passar a acreditar em tudo, é algo terrificante.

Mas, afora concluir que Nava e Hemingway estavam certos, dizer o quê?

Dizer que Deus resolveu entrar no gozo de uma longa e merecidas férias?

Ou que Ele, cansado de tanta sodomorrice, resolveu tal qual Pilatos, lavar as mãos?

Aonde encontrar a chance derradeira de se fugir à tragédia maior?

Aonde encontrar-se consigo mesmo e ter o direito de ser eu mesmo?

Tornar-se imbecil?

Então, dizer o quê? Que só nos resta rezar pela salvação das nossas almas?

Inácio Augusto de Almeida é escritor e jornalista

Categoria(s): Crônica

Comentários

  1. Odemirton Filho diz:

    “Nada é mais destruidor do que a sensação de impotência”. Diante da realidade política atual, recheada de
    desmandos e corrupção, parece-me, sim, uma luta inglória, meu caro.
    Abraços.

  2. Q1naide maria rosado de souza diz:

    Excelente, Sr Inácio.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.