domingo - 26/05/2019 - 18:14h
Pesquisa Fiern/Consult

Aprovação do Governo Fátima Bezerra chega a 55,35%


Eleita com votação recorde, com mais de 1 milhão de votos, a governadora Fátima Bezerra segue com aprovação alta pela população do estado: 55,35% dos potiguares aprovam a sua gestão. O índice dos que desaprovam a gestão Fátima ficou em 23,18%. Os dados são da Pesquisa Retratos da Sociedade Potiguar 2019, encomendada pela Federação da Indústria do Estado do RN (FIERN) ao Instituto Consult Pesquisa.O levantamento foi feito em 57 municípios, em 12 regiões do Rio Grande do Norte, durante o período de 17 a 20 de maio, com margem de erro de 2,3%.

O índice de aprovação é maior nas regiões Central Cabugi, com 71,7%; Alto Oeste, com 64,3%; e Sertão Apodi, com 62%. Além disso, a governadora é melhor avaliada pelo público feminino, com 56,8%, na faixa etária até 24 anos – 59,3%, e com nível superior completo – 63,6%.

Apesar de ter obtido apenas 39,24% dos votos válidos em Natal, a aprovação da governadora na capital agora é de 58,2%. Na Grande Natal, a aprovação chega a 49,5%.

Pior desempenho é em Mossoró

Enquanto isso, o pior desempenho da governadora concentra-se em Mossoró, com 42,5%, e no Trairi, com 30,7%.

31,47% dos entrevistados avaliam o governo como ótimo ou bom, enquanto 18,11% disseram ser ruim ou péssimo. Nas regiões Central Cabugi/Litoral Norte, Serão Apodi e Alto Oeste a classificação positiva do Governo do Estado ultrapassa os 40 pontos percentuais.

Também foi aferida a confiabilidade na governadora e ela está alta. Pesquisa mostrou que 49,06% dos entrevistados afirmaram confiar na atual gestão estadual, enquanto os que não confiam somam 31,24%.

Apenas 19,71% disseram não saber responder.

Saiba mais detalhes clicando AQUI.

Veja a íntegra da pesquisa clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política

Comentários

  1. João Claudio diz:

    O fato de ainda não ter produzido porra nenhuma em 6 meses de administração(???) e ter alcançado a marca de 55,35% de aprovação, significa dizer que, a continuar no mesmo ritmo (sem fazer porra nenhuma) é provável que em dezembro, após 12 meses se administração, ela ‘dobre a meta’ e alcance 110,75%.

    Tradução:

    O melhor de um governante brasileiro é não fazer nada.

  2. João Claudio diz:

    O fato de ainda não ter produzido porra nenhuma em 6 meses de administração(???) e ter alcançado a marca de 55,35% de aprovação, significa dizer que, a continuar no mesmo ritmo (sem fazer porra nenhuma) é provável que em dezembro, após 12 meses se administração(???) ela ‘dobre a meta’ e alcance 110,75%.

  3. Naide Maria Rosado de Souza diz:

    Como? Houve pagamento dos salários atrasados? Alguma perspectiva? Há novos contratados recebendo em detrimento de outros? Todos os segmentos têm diálogo com a governadora?
    Que povo bonzinho!

  4. FRANSUELDO VIEIRA DE ARAÚJO diz:

    Os Burro Narianos, seus dois neurônios, claro, com seu raciocínio torto e torpe….!!!!

    Ora, ora, as pesquisas só valem e são fidedignas com relação à realidade factual, quando colocam os nazifascistas da extrema direita, supostos combatentes da corrupção, como amados, idolatrados e favoritos em todas os estamentos sociais, por mais que se afigurem e se reafirmem como Timoneiros de uma governança a destroçar o país….!!!???

    Como sempre, as figuras maviosas figuras exalando enxofre, ódio e frustrações….!!!

    Um baraço

    FRANSUÊLDO VIEIRA DE ARAÚJO
    OAB/RN. 7318.

  5. FRANCISCO diz:

    SRA. professora e governadora, agora em junho, a Sra. vai pagar os 40% do décimo terceiro de 2019 ou será o seu “primeiro” atraso ?

  6. M.D.R. diz:

    Gente! O funcionalismo contínua na deriva.

  7. João Claudio diz:

    Aviso aos PTralhas:

    Mourâo já disse que sempre sonhou em governar o país.

    Portanto, façam o que o chefe pediu: tratem bem o Capitão ou ‘te cuidem.’

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.