domingo - 31/08/2008 - 09:07h

Assu vive campanha sob intenso conflito de forças


Fátima Moraes (PSB) ou Ivan Júnior (PP)?

A pergunta será respondida sem sofismas no dia 5 de outubro, pelo eleitorado assuense. Mas por enquanto, a campanha sucessória do prefeito Ronaldo Soares (PP) revela nas ruas que os dois concorrentes terão considerável trabalho até a reta final.

A ex-secretária estadual da Articulação com os Municípios Fátima Moraes cobra socorro à governadora e madrinha de sua postulação, Wilma de Faria (PSB). O inverno rigoroso em abril causou danos materiais e financeiros ao município, que foram convertidos em esperanças pelas mãos e palavras de Fátima. Porém o resultado até aqui não foi o esperado.

Aproveitando esse vácuo, o candidato governista Ivan Júnior caiu em campo. Foi ungido pelo prefeito Ronaldo Soares, que aposta numa cara nova. Ivan é ex-secretário de Saúde do município. Porém também enfrenta certo desgaste na imagem do prefeito, sendo seu representante.

A sucessão assuense promete ser emocionante até às urnas. Ivan e Fátima fazem duelo que pode consagrar a ex-secretária ou o ex-secretário.

A vitória de Fátima representaria a construção de uma nova força política, enquanto que Ivan seria a confirmação do seu tutor político, Ronaldo Soares, como o todo-poderoso do lugar, derrotando tudo e todos.

Mesmo com as regras draconianas da legislação eleitoral, Assu é um dos poucos municípios do RN onde a campanha está efervescente, recheada de polêmicas e incidentes. Ao mesmo tempo, correndo na faixa judicial com troca de ações que procuram criar dificuldades para adversários.

Portanto, emoção é o que não falta.

Categoria(s): Sem categoria

Comentários

  1. Erik Ferreira diz:

    Realmente nós assuensses somos muito apaixonados por política, e esse ano não podemos reclamar, a cada dia é uma emoção diferente! A campanha iniciou com um visivel crescimento de Ivan mas, o que vemos hoje é que Fátima está na dianteira! Esperemos até o dia 05/09 muita pode e vai acontecer!

  2. Henrique diz:

    No início da campanha ficou claro e era de se esperar que o candidato da situação subisse nas pesquisa pois nunca esteve exposto, enquanto a candidata Fátima Morais passou 4 anos exposta, ficou evidente a subida, mas que não chega a ameaçar a candidata Fátima Morais. A rejeição ao prefeito Ronaldo Soares é muito grande, e o povo já estar escabriado, pois o Ivan Júnior é um filhote de Ronaldo, e a mesmice o povo já não aguenta mais. Cinco de outubro vem aí e que vença o melhor para o Açu, pois mais quatro anos é muito tempo e tempo é vida.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.