domingo - 15/09/2019 - 09:04h

Ausência


Por Inácio Augusto de Almeida

No homem ao lado
Na criança a brincar
Na música a tocar
Na sombra que desce
Na esperança que existe

Busco a ti
Busco a mim

No cheque que paga
Na moça que vai
No som que vem
Nas dor presente
No riso ausente
Desesperadamente…

Busco a ti
Busco a mim…

Inácio Augusto de Almeida é jornalista e escritor

Categoria(s): Poesia

Comentários

  1. Odemirton Filho diz:

    A beleza está no simples, na leveza dos versos.
    Parabéns, meu caro.

  2. Q1Naide Maria Rosado de Souza diz:

    Que beleza, sr.Inácio! Parabéns!

  3. Amorim diz:

    Nunca ” gostava” de poesia, até ler o Inácio e “A Montanha Pulverizada” C.D.A
    Uma noite saudável a todos.

  4. Claudio diz:

    Versos que o autor de maneira discreta expos os problemas por ele relatados diariamente nas redes sociais

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.