terça-feira - 14/01/2020 - 21:20h
Melão

China pode proporcionar 40 mil novos empregos no RN


Melão é produto visado por China (Foto: autor desconhecido)

Do Blog Carol Ribeiro

Mossoró está recebendo nesta semana uma comitiva de técnicos chineses e membros do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). O objetivo é a realização de uma inspeção in loco do plantio do melão, para que essa seja a primeira fruta a ser exportada do Brasil para a China.

A área livre da mosca do melão é o ponto que está sendo observado. Edilene Cambraia, coordenadora de fiscalização e certificação fitossanitária internacional do departamento de sanidade vegetal do MAPA explica: “Com a conclusão desta missão para a aprovação da área livre, nós vamos abrir o mercado para a China da primeira fruta brasileira. Esperamos que esta seja a primeira de muitas”.

“Eles vão fazer todo um acompanhamento junto ao COEX, universidades, produtores, município e estado, para que tenham uma segurança de que o nosso melão pode ser mandado para China sem oferecer risco para eles. Após a visita às fazendas, eles retornam e o compromisso é que em dez dias, caso esteja todo dentro do esperado, eles já liberem para que façamos os primeiros embarques para a China”, diz o presidente do Comitê Executivo de Fruticultura do Rio Grande do Norte (COEX), Luiz Roberto Barcelos.

Produção triplicada

Em maio de 2019 uma missão esteve na China com a finalidade de abertura do mercado Chinês para o melão brasileiro, que é produzido unicamente no Rio Grande do Norte. Na época, a expectativa, segundo Barcellos, era triplicar a produção do RN e gerar cerca de 40 mil empregos com o acordo comercial.

“Se o estado conseguir atingir 10% do mercado chinês durante o inverno asiático, quando eles não conseguem produzir o melão, o estado conseguiriam triplicar sua produção, passando dos atuais 20 mil hectares para 60 mil”, disse.

*Com informações da Prefeitura de Mossoró e G1

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Economia

Comentários

  1. FRANSUELDO VIEIRA DE ARAÚJO diz:

    CENTENAS DE CONTRATOS VIABILIZADOS COM PEQUENAS EMPRESAS VINCULADA Á AGRICULTURA FAMILIAR PARA FORNECIMENTO DE PRODUTOS NATURAIS PARA MERENDA ESCOLAR, DENTRE OUTRAS DEZENAS DE MEDIDAS PARA AQUECIMENTO DA ECONOMIA DOMÉSTICA, AGORA VERIFICA-SE ABERTURA DE REAIS PERSPECTIVAS DE EXPORTAÇÃO DE MELÃO PRA CHINA E OUTROS PAÍSES DITOS COMUNISTAS EM QUE SEUS COMANDANTES E LÍDERES SÃO CONHECIDOS COMO DITADORES SANGUINÁRIOS, À PARTIR DO MAVIOSO PROCESSO DE DE INFORMAÇÃO E DESINFORMAÇÃO PAUTADO PELA NOSSA DITA GRANDE MÍDIA…!!!

    IMAGINA SE A GOVERNADORA FÁTIMA BEZERRA DO PARTIDO DOS TRABALHADORES, ALARDEASSE AOS QUATRO CANTOS DO MUNDO ,E , FOSSE EFETIVAMENTE GOVERNAR O RIO GRANDE DO NORTE SEM O SUPOSTO E FAMOSO “VIÉS” IDEOLÓGICO PROMOVIDO PELA CAVALGADURA MOR: JAIR MESSIAS ASCO NARO…!!!

    ENTÃO, RESPEITOSAMENTE INDAGA-SE, , COMO ESTARIA A SITUAÇÃO DO NOSSO ESTADO POTIGUAR, E, PRINCIPALMENTE COMO ESTARIA SE PORTANDO A NOSSA SUPOSTAMENTE ISENTA, IMPARCIAL E DEMOCRÁTICA IMPRENSA…!!!???

    Um baraço

    FRANSUÊLDO VIEIRA DE ARAÚJO.
    OAB/RN. 7318.

  2. Q1naide maria rosado de souza diz:

    Excelente notícia. RN escancarando portas para o desenvolvimento! Salve!

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.