quinta-feira - 27/06/2013 - 20:11h
AL

Debate focalizará crise no setor aéreo do RN


A Assembleia Legislativa do RN realizará nesta sexta-feira (28) a partir das 9h uma audiência pública para debater sobre ações que estimulem a captação de voos para o Rio Grande do Norte. O principal ponto da discussão será a desoneração tributária do querosene de aviação, ação que já acontece em outros estados do Nordeste, contribuindo para que as empresas aéreas destinem mais voos para tais localidades.

A iniciativa do debate é do deputado estadual Hermano Morais (PMDB) e de instituições e entidades ligadas ao Turismo potiguar.

O assunto se torna ainda mais importante diante dos dados divulgados pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) no início deste mês, que mostraram que o número de passageiros desembarcando no Aeroporto Augusto Severo caiu 13,79% em relação ao mesmo período do ano passado. Isso representa quase 60 mil passageiros a menos.

Representantes

Estarão presentes na audiência pública o presidente da Associação Brasileira das Empresas Aéreas, Eduardo Sanovick; o presidente de Associação Brasileira da Indústria de Hotéis, Enrico Fermi Torquato; o superintendente da Inframerica, Ibernon Martins; além dos secretários estaduais de Desenvolvimento Econômico, Tributação e Turismo: Rogério Marinho, José Airton da Silva e Renato Fernandes, respectivamente.

O debate contará ainda com a participação da Fecomércio, através do presidente da Câmara de Turismo, George Gosson, da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis no RN com o presidente Habib Chalita, e do Sebrae-RN.

Nota do Blog - Interessante colocar na pauta, o desmanche do Aeroporto Dix-sept Rosado em Mossoró. Só continua aberto por força de influência política do deputado federal Henrique Alves (PMDB), pois o Governo do Estado não consegue cumprir exigências técnicas imprescindíveis à segurança de aeronaves em pousos e decolagens.

Categoria(s): Blog

Comentários

  1. Italo Gomes diz:

    A desoneração tributária, por si só, não resolve o problema da queda do fluxo turístico para o RN. Se isso fosse possível, Mossoró já teria encontrado empresa aérea para atuar na região. O governo rosado desmontou o pouco que funcionava de turismo no RN. Esse governo é de uma incompetência tão grande, que desconheço um outro igual na história recente deste país. A Sec Estadual de Turismo foi desalojada do prédio onde funciona por falta de pagamento do aluguel. Um absurdo! Vai funcionar numa salinha do prédio da 1ª Unidade Regional de Tributação, em Natal. Esta é a prova maior de como o turismo é tratado pelo governo rosado. O resto é conversa para boi dormir e beneficiar a empresa do filho de José Agripino; e estamos conversado. Os interesses são menores…

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.