quinta-feira - 17/10/2019 - 08:45h
Poder fragilizado

Disputa por liderança da Câmara acirra racha no PSL


Do Congresso em Foco

O novo cenário da briga que dividiu o PSL é a Câmara dos Deputados. O deputado candidato a embaixador Eduardo Bolsonaro se lançou também candidato a líder do partido na Casa e recolheu, durante o dia, 27 assinaturas para depor o Delegado Waldir (PSL-GO) do posto e então assumi-lo. Seria o suficiente, já que representa mais de a metade dos 53 parlamentares.

Eduardo x Waldyr: governo rachado (Fotomontagem)

O próprio presidente da República fez ligações pedindo participação. À tarde, a ala pró-Luciano Bivar, o presidente nacional da sigla, revidou. Colheu 32 assinaturas para manutenção de Waldir.

Como as listas não são públicas, não é possível saber ainda quem assinou ambas. Já à noite, os bolsonaristas apresentaram nova lista — com 27 nomes, não se sabe se os mesmos da anterior. É decisão de Rodrigo Maia, presidente da Câmara, escolher qual das duas (ou três) valerá.

Os bivaristas, porém, têm o controle do partido e traçam planos de expulsar a deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) e outros leais ao Planalto.

Se concretizado, o plano de Eduardo murcha. E o tamanho da bancada sofre profunda desnutrição.

Nota do Blog – Nunca vi nada parecido em termos de política. O presidente segue gastando energia e verborragia, ao lado dos filhos, em questões que deveriam ser secundárias. A agenda dos grandes temas segue nas mãos do Congresso Nacional,  principalmente do presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM-RJ). É muito desatino. A política da cotovelada costuma provocar o revide de pontapés. E assim continuará.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política

Comentários

  1. Carlos diz:

    Está uma baderna nem eles se entendem !! Ahh mais e o PTÊ ?…

  2. Carlos diz:

    PSL é um partido Kamikaze. “Do pó veio ao pó voltará” !!

  3. François Silvestre diz:

    Acerola continua com mais vitamina “c” do que laranja.

  4. Ronaldo Gurgel diz:

    Enquanto isso: o Queiroz segue “desaparecido” no laranjal

  5. Iris Sousa diz:

    Alguém lembra qual o partido que o presidente vociferava que ia acabar? Creio que confundiu as siglas. Infelizmente não dar pra rir porque a situação é para chorar.

  6. FRANSUELDO VIEIRA DE ARAÚJO diz:

    É isso pessoal, é a nova política que 57 milhões de abestados, efetivamente investiram sob o signo da ignorância, do ódio, da intolerância, do suposto combate à corrupção, não esqueçamos, capitaneados pela nossa classe mérdia, pelo nosso dito sistema de justiça à enxergar pesar como ninguém: Pretos Pobres, Prostitutas e Petistas, bem como pelo dito sistema de comunicação social, aqui chamado de imprensa e demais compartimentos do real poder tupiniquim, daqui e de alhures made USA…..!!!

    AO CONTRÁRIO DO QUE SUPOSTAMENTE INSTRUI O DITO SENSO DITO COMUM, POLÍTICA, RELIGIÃO E FUTEBOL, SE DEBATE SE DISCUTE SIM, SOB PENA DE FICARMOS ALIJADOS DA DISCUSSÃO FUNDAMENTAL ACERCA DOS DESTINOS DA PRÓPRIA SOCIEDADE, SOB A QUAL, COMPORTA NOSSA EXISTÊNCIA COMO SERES HUMANOS POLÍTICOS E SOCIAIS. CLARO, DESDE QUE TENHAMOS UM MÍNIMO DE FORMAÇÃO E INFORMAÇÃO, E, CONSEQUENTEMENTE POSSAMOS ARGUMENTAR COM BASE NO PROCESSO HISTÓRICO E NA REALIDADE FACTUAL QUE NOS ASSISTE.

    Nesse contexto, àqueles que tiveram e têm à seu dispor, mecanismos de informação, de leitura e de análise, por conseguinte a capacidade de discernimento político e social e, ainda assim, optaram pelas facilidades
    do fatalismo, do casuísmo e do oportunismo deslavado, embarcando nessa canoa furada, sem ao menos parar um segundo à reflexão dos seus atos, monstruoso atos políticos malferindo a cidadania e o Estado Democrático de Direito, atualmente em palcos de aranha. MEUS SINCEROS PÊSAMES E O MEU DESPREZO ABSOLUTO….!!!

    Um baraço

    FRANSUÊLDO VIEIRA DE ARAÚJO.
    OAB/RN. 7318.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.