sábado - 06/03/2021 - 10:52h
Pandemia

Femurn sugere “lei seca” no domingo em vez de “toque de recolher”

13bdacf9-b57b-40e1-9ae8-81f9d95370c6A Federação dos Municípios do RN (FEMURN) emite nota contrária ao recrudescimento da medida de “toque de recolher”. Sugere que seja decretada uma “lei seca” para o domingo, como medida mais radical contra aglomerações na luta contra a Covid-19.

Veja abaixo a nota:

A Femurn reconhece o momento grave que vive o Rio Grande do Norte diante do agravamento da pandemia do COVID-19 e a necessidade da adoção de medidas de distanciamento social, entretanto, sugere ao Governo do Estado que reavalie o “toque de recolher” decretado para domingo.

Além de ter já previsto várias exceções que comprometem a eficácia da medida, o maior objetivo é desestimular o consumo da bebida alcoólica e, consequentemente, aglomeração em bares ou festas privadas, algo possível de ser alcançado – nos próximos dois domingos – através da edição da “lei seca”, algo que ocorre nos períodos eleitorais com boa adesão da população.

Assim sendo, em atenção às atividades econômicas que ocorrem no final de semana e atentos aos protocolos de higiene, máscara e distanciamento social, a Femurn submete ao Governo do Estado a sugestão de reexame da medida anunciada quanto ao “toque de recolher integral” no domingo.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI e Youtube AQUI.

Categoria(s): Política / Saúde

Comentários

  1. Pedro Cardoso diz:

    Quem fez essa nota deve ser uma criança de 12 anos! Não vejo dificuldade alguma seguir este decreto, a lei seca não serviria de nada, as pessoas iam beber em garrafas de água mineral só pelo prazer de driblar o decreto! O que esta proibindo é só o que é dispensável no momento difícil, que ameaça a toda economia. infelizmente auguem tem que perder algo, que seja o que menos da prejuízo….

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011 - 2021. Todos os Direitos Reservados.