sexta-feira - 23/02/2018 - 22:17h
Poder sem pudor

Guamaré deverá passar por novas eleições municipais


Do Mossoró Hoje

Um ano e quatro meses após o prefeito Hélio Willamy de Miranda Fonseca (MDB), o “Hélio de Mundinho”, ser irregularmente reeleito em Guamaré, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) derrubou a liminar do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE), que o mantinha no cargo. A decisão teve publicação nessa quinta-feira (22) vai provocar novas eleições a prefeito e vice.

"Lula" (Foto: TSE)

O presidente da Câmara Municipal, vereador Emilson de Borba Cunha (PR), conhecido por Lula, deve assumir o cargo interinamente. A Justiça Eleitoral definirá ainda o calendário eleitoral.

A situação jurídica em Guamaré é muito complicada. A administração municipal desde 2003 que vem sendo alvo de investigações que apontam desvios de recursos públicos na casa das dezenas de milhões e seus gestores terminam afastados de seus cargos.

O primeiro a ser afastado foi João Pedro Filho e seus aliados. Terminaram condenados a penas brandas, entre eles o próprio filho Mozaniel Rodrigues. Após afastado do cargo em 2003, assumiu presidente da Câmara e depois o vice-prefeito, que também terminaram afastados.

Renúncia

Dedé Câmara, eleito, assumiu em 2005, também terminou afastado. Em 2008, o então prefeito eleito, Mozaniel Rodrigues, isto mesmo, aquele filho de João Pedro Filho condenado por desvios de dezenas de milhões, foi eleito, porém terminou cassado na Justiça Eleitoral.

O prefeito que assumiu foi Auricélio Teixeira (cunhado de Hélio Willamy, que na época presidente da Câmara), que não chegou ao final do mandato. Renunciou. O vice prefeito também.

Quem assumiu foi Hélio Willamy, de sua família. Hélio, com a caneta na mão, conseguiu se reeleger. Ficou no cargo até 2016. A Justiça em primeira instância negou registro para se candidatar a reeleição, justificando que Auricélio era de sua família.

Nota do Blog Carlos Santos – Um consórcio de vigaristas mantém há muitos anos o movimento dessa gangorra de poder em Guamaré. A riqueza do município, advinda em especial do petróleo, atrai a cobiça e o vale-tudo de nativos e aventureiros. E assim vai continuar. A população fica a mercê dos espertos locais e outros tantos no labirinto dos poderes.

Conheça os índices sociais e econômicos de Guamaré AQUI. É para ficar estarrecido. O município de 15.309 habitantes tem a 21ª posição entre os 5.570 municípios do país, no quesito salário médio mensal (4,8 salários mínimos) e 1º no estado. Seu PIB per capita (por pessoa) chega a R$ 85.163,34 (64º entre 5.570 municípios do país e o 1º do estado).

Seu adversário Mozaniel Rodrigues, também teve o registro negado em primeira e segunda instância. No caso de Hélio Willamy, o TRE, mesmo diante de uma quantidade enorme de provas, concedeu uma liminar para concorrer a eleição e terminou vencendo.

O processo terminou em Brasília, onde demorou mais de um ano para ser julgado, o que terminou acontecendo no dia 19, com o acordão sendo publicado no dia 23 de fevereiro no Diário Oficial, com os ministros decidindo por derrubar a liminar do TRE do RN e afastar Hélio Willamy da Prefeitura de Guamaré.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Política

Comentários

  1. Elves Alves diz:

    Os poderes em Guamaré se revelaram um verdadeiro valhacouto de ladrões. É no que resulta, desde os primórdios de Pindorama, uma terra ser rica em recursos naturais – renováveis ou não.

  2. João Claudio diz:

    A brisa do mar parece incentivar os prefeitos a trilhar o caminho da corrupção.

    Já aconteceu com Tibau, Areia Branca, Macau, Touros, Guamaré e outras cidades banhadas pelo oceano.

    NOTICIA DE ÚLTIMA HORA.

    E atenção:

    Os pacientes que entregaram a requisição para realização de exame de Endoscopia Digestiva em 2016 nos postos de saúde de NATAL, estão sendo convocados para realizar os referidos exames. Um pouco atrasado, mas é assim mesmo. Se melhorar estraga.

    Atenção 2:

    Só deve se apresentar ao posto quem deu entrada no exame em 2016. Quem entregou a requisição em 2017, aguarde ser chamado não sei quando. Que deu entrada em 2017, nem Deus sabe.

    Atenção 3: o paciente que morreu nesse período por falta de Endoscopia Digestiva está isento do comparecimento e não será penalizado(a).

    - Próximo…!

    Atenção 3:

    O prefeitão de Natal gastou uma dinheirama para financiar o Carnaval 2016, 2017 e 2018. Fato, fato e fato.

    Atenção 4:

    As eleições vem aí. O carnaval 2019, também.

    Atenção 5:

    E viva o país tupiniquim onde o ‘circo’ está acima de tudo.

    Atenção 6:

    No brasil, quem não presta é o povo. Fato, fato e fato.

    Atenção 7:

    João Claudio: tolerância zero. ‘Fatão’.

    LEIA-SE – PUBLIQUE-SE – CUMPRA-SE OU GANHE DINHEIRO PARA FAZER O EXAME EM CLÍNICAS PARTICULARES.

  3. João Claudio diz:

    Ops! Quem deu entrada em 2018, nem Deus sabe.

  4. Naide Maria Rosado de Souza diz:

    Não dá nem para peneirar.

  5. MARIA DA GUIA DANTAS diz:

    Minha opinião é que o segundo colocado deveria assumir, pois evitaria gastos com uma nova eleição, mas se não pode… então que faça uma nova eleição, pois esse pleito foi injusto. Esse prefeito tem de sair urgente!

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.