• Banner Lion Brazil Fim de 2019 - 05-12-19
segunda-feira - 30/08/2010 - 22:00h

Há quatro anos, disputa ao governo era mais acirrada


Há quase quatro anos, na corrida ao Governo do Estado em 2006, qual era o quadro da disputa? O que as pesquisas mostravam?

O Blog do Carlos Santos mergulha no tempo e exuma números, para compará-los com os da atual disputa. O webleitor tem mais elementos à conversa e ao debate sadio, com respeito ao contraditório.

No dia 23 de agosto de 2006, portanto há quase quatro anos, o então senador Garibaldi Filho (PMDB) era favorito ao Governo do Estado, contra a governadora WIlma de Faria (PSB), que buscava a reeleição.

Ele possuía 8% à sua frente, conforme pesquisa Ibope/TV Cabugi, a primeira veiculada pela parceria entre o instituto e essa empresa de comunicação.

Num comparativo com hoje, dia 30 de agosto de 2010, a igual luta eleitoral revela um quadro bem diferente. A senadora Rosalba Ciarlini (DEM) detém 45% de intenções de voto, contra 25% do seu principal adversário, o governador e candidato à reeleição Iberê Ferreira (PSB).

A vantagem de Rosalba em relação a ele é de 20%.

Veja abaixo os números das duas pesquisas, em períodos praticamente semelhantes de campanha, e faça você mesmo suas análises:

 
Governo Estimulada-Ibope (Hoje, 30 de Agosto)

Rosalba Ciarlini (DEM) – 45%
Iberê Ferreira (PSB) – 25% 
Carlos Eduardo (PDT) – 11%
Roberto Ronconi (PTC) – 1%
Brancos/Nulos – 10% 
indecisos 7%.

Governo Estimulada-Ibope (23 de Agosto de 2006)

Garibaldi Filho (PMDB) – 49%
Wilma de Faria (PSB) – 41%
Geraldo Forte (PSL) – 1%
Xeique Humberto (PTC) – 0%
José Bezerra (PCB) – 0%
Marcônio Cruz – 0%.
Indecisos – 3%

Brancos e Nulos – 6%.

* Veja adiante uma análise sobre o atual quadro de disputa ao Governo e ao Senado no RN.

Categoria(s): Sem categoria

Comentários

  1. Dimas Simplicio diz:

    Caro Carlos Santos,

    a eleição de 2006 foi plebiscitária, tínhamos apenas 2 candidatos que guardavam margem considerável de pontos, quais sejam, Garibaldi (PMDB) 49% x Vilma (PSB) 41%. A presente disputa eleitoral tem 3 candidatos com margens consideráveis de pontos, uma do DEM, Rosalba, com 45% e dois candidatos da base do presidente Lula, que são Iberê (PSB) 25% e Carlos Eduardo (PDT) 11%. Algo mais ou menos assim, tendo-se em vista que os votos em Carlos Eduardo mais facilmente migrariam para Iberê, teríamos: Rosalba (DEM) 45% e Iberê (PSB) + Carlos Eduardo (PDT) 36%.

    A diferença de Garibaldi para Vilma em 2006 eram 8 pontos, que o mês de Setembro foi pródigo em mostrar o crescimento de quem era apoiado por Lula, ou será que ninguém lembra do forte discurso do presidente Lula contra as oligarquias, que ecoou em todo o RN rendendo bons resultados à campanha vilmista. Agora em 2010 Rosalba (DEM), pela pesquisa IBOPE divulgada hoje, tem 9 pontos a frente de seus concorrentes (olhe que nem contei com o 1% de Roberto Ronconi, pois então seriam os mesmos 8% de diferença de 2006 que Garibaldi ostentava). Setembro será generoso para qual candidatura? Uma coisa é certa, a campanha está aberta, muita coisa ainda há de acontecer até 3 de outubro. Qual será a história que contaremos após as eleições? Só as urnas nos falarão. Portanto, esperemos um bocadinho ainda.

    Saudações.

    Dimas Simplicio

  2. Rui Nascimento diz:

    Faz muito sentido seu comentário Simplicio. Concordo com você, a eleição está em aberto. Vamos esperar e ver o que Setembro nos reserva. E “se” a eleição para Presidente for decidida no 1º turno, como indicam as pesquisas, e “se” a daqui do RN passar para um eventual 2º turno, então é que o “bicho” vai pegar pra valer! Ou alguém duvida que a dupla Lula/Dilma não terá nenhuma influência, caso decidam “investir” contra o DEM deste canto de Brasil? Aguardemos, pois!

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.