quarta-feira - 17/04/2019 - 07:24h
Tribunal do Júri

Mandantes de morte de radialista são condenados


Por Jenully Cristiano e Blog Carlos Santos

O comerciante Lailson Lopes e o Pastor Gilson Neudo foram condenados pelo Tribunal do Júri Popular a 14 anos de prisão por serem mandantes da execução do radialista e jornalista F. Gomes, assassinado a tiros em Caicó-RN no dia 18 de outubro de 2010, aos 46 anos.

Julgamento terminou no final da noite dessa terça-feira em Caicó (Foto: Jenully Cristiano)

A sentença foi divulgada às 23h20h desta terça (16), no Fórum Municipal Miguel Seabra Fagundes, em Caicó.

Lailson Lopes ou “Gordo da Rodoviária”, foi defendido pelo Advogado Anesiano Ramos. Lailson poderá recorrer da decisão em liberdade.

Já o pastor Gilson Neudo, que continuará preso, recebeu os trabalhos advocatícios de Serjano Marcos.

Executor

O assassino de Francisco Gomes de Medeiros, o F. Gomes, foi condenado dia 6 de agosto de 2013. Trata-se do mototaxista João Francisco dos Santos, mais conhecido como ‘Dão’. Recebeu pena de 27 anos.

F. Gomes era da Rádio Caicó AM e fazia constantes denúncias que mexeram com interesses dos condenados dessa terça-feira e outros.

Nota do Blog – F.Gomes era um repórter na expressão da palavra. Quando comecei trabalho de expansão do extinto Gazeta do Oeste no Seridó, no início dos anos 90, fui direto no seu nome para representar o jornal. Não errei. Que descanse em paz.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Comunicação / Segurança Pública/Polícia

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.