sábado - 30/08/2008 - 10:40h

Mário Rosado estava certo


Em 2000, entrevistado por mim, o ex-deputado federal Mário Rosado (PMN) soltou algumas frases emblemáticas. O tempo, senhor da verdade, mostra que ele estava certo.

Sobre a Câmara Municipal: “É um câncer que há cinco anos se apropria de fortunas, como o Imposto de Renda que não é recolhido. Precisa ser colocada em seu devido lugar.”

Sobre o clã Rosado: “Os grupos que dominam a política de Mossoró são inferiores aos traficantes do Rio de Janeiro. Os traficantes têm um código de ética e quem o descumpre, morre. Os políticos daqui, não. Aqui eles ficam ricos.”

Desemprego em Mossoró: “Os Rosado acabaram com o desemprego em Mossoró. Não tem um deles nesses grupos que esteja desempregado. Estão todos no serviço público.”

Mário, 68, é filho do falecido prefeito mossoroense Dix-huit Rosado. Ocupou vaga na Câmara Federal, na condição de suplente, em 1995. No último governo do pai (1993-1996), ele foi seu principal interlocutor e chegou a assumir a Secretaria de Serviços Públicos.

Categoria(s): Sem categoria

Comentários

  1. lucia de fatima santos diz:

    Pobre Militância

    Presenciei duas movimentações políticas nestes últimos dias, QUE PENA! Só o que pude observar, se tratar de um bando de miseráveis fracassados que por não terem sucesso em suas profissões, salvam-se nas tetas do Municipio e que de dois em dois anos trocam seu “mundinho”mixuruca para, excitados por seus pseudo líderes se digladiarem como ponta de lança e escudo a fim de defenderem a fortuna , o status e o poder dos vencedores que como abutres em carniça se apoderam do poder esquecendo suas vítimas até a próxima batalha.

  2. Pedro Sérgio Junior diz:

    Mário meu filho ??? Foi o mais destemido candidato na politica Mossoroense. apesar de morar no Rio de janeiro. Fez história na nossa politica tupiniquim. rsrsrs

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.