sábado - 08/06/2019 - 16:26h
'Prisidente'

Moeda de latão


Por François Silvestre

Vejo nas folhas que nem o mercado nem o Congresso levam a sério esse estrupício de moeda comum entre o néscio Bolsonaro e o desmoralizado Macri.

Bolsonaro e Macri: Peso Real (Foto: Agustin Marcarian)

Um é o outro em tempos diferentes. Bolsonaro é Macri amanhã.

A pergunta é: O que danado pode ser levado a sério nesse “guverno”. Canclomo, coclomo quem possa responder.

O prisidente acaba de nomear embaixadora do Brasil na Venezuela indicada por Guaidó. Cadê Guaidó? Bolsonaro, o conclomante, guardou?

Fez uma zoada de tambor e mostrou ação de cuíca. Mesmo com Maduro caindo de podre. Sumiu nas mentiras de Trump e Bolsonaro, que lhe garantiram apoio e mijaram na rabichola.

Sem fazer nada, absolutamente nada, até agora, o néscio quer resolver os problemas da Argentina à custa da grana escassa dos brasileiros. Misturar o real, moeda ainda respeitada, com o peso argentino, completamente desmoralizada.

Só um ministro de economia, discípulo filosófico de Olavo de Carvalho, poderia inventar tamanha estupidez. Tudo para mascarar e iludir a realidade da sua incompetência.

Cantado em verso e prosa como salvador da economia, agora diz que tudo depende do Congresso. Ora, se tudo dependo do Congresso qualquer um poderia ser ministro da economia. Até um dos filhos do prisidente.

Em resposta à Dilma, que queria ser chamada de presidenta, Bolsonaro se diz prisidente, pois presidente significa antes do dente. Ou dente presado.

Eita que chafurdo na falta de Stanislaw Ponte Preta.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Artigo

Comentários

  1. Pedro Rodrigues diz:

    Antes, era só afastar Dilma que a economia melhorava.
    Depois, se saísse o impeachment a economia bombava.
    Aí, era só aprovar a reforma trabalhista que a economia ia disparar.
    Depois, era só prender Lula que tudo ia mudar.
    Então, era só Bolsonaro ganhar que irianos virar a Suíça.
    Depois, tinha que esperar os 100 dias.
    Agora, tem que aprovar a reforma da previdência pra poder a gente bombar.

    E ainda tem besta sendo enrolado. Até quando vão ficar se enganando?

    • Francisco César. diz:

      Amigo é como se a hipnose da eleição de 2018, ainda estivesse fazendo efeitos. E esses efeitos da hipnose da enganação, parece que só vai passar quando essas desastrosas e maléficas decisões do governo bater a porta dessas pessoas. Ai já ferrou tudo.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.