sábado - 08/08/2020 - 16:20h
92 anos

Morre em SP o missionário Dom Pedro Casaldáliga


Do G1

Bispo emérito de São Félix do Araguaia (MT), Dom Pedro Casaldáliga morreu neste sábado (8) aos 92 anos. Ele estava internado em Batatais (SP). Teve problemas respiratórios agravados pelo Mal de Parkinson, acrescidos de infecção pulmonar, vindo a óbito por volta de 9h20.

Dom Pedro teve atuação importante em defesa de povos menos favorecidos (Foto: arquivo)

O religioso ficou conhecido por suas posições políticas e pelo trabalho pastoral ligado a causas como a defesa de direitos dos povos indígenas e o combate à violência dos conflitos agrários.

A morte de Casaldáliga foi confirmada pela Prelazia de São Félix do Araguaia, Congregação dos Missionários Filhos do Imaculado Coração de Maria (Claretianos) e a Ordem de Santo Agostinho (Agostinianos).

Espanha

Nascido em 16 de fevereiro de 1928 em Balsareny, na província de Barcelona, mudou-se da Espanha para o Brasil aos 40 anos. Veio como missionário, para trabalhar em São Félix do Araguaia.

Pertencente à congregação dos missionários claretianos, foi o primeiro bispo da Prelazia do município – a nomeação, em 1971, partiu do Papal Paulo VI. Dom Pedro Casaldáliga ocupou o ofício até 2005, quando renunciou.

Além da atuação pastoral, Casaldáliga ficou conhecido pela produção literária, tanto de poesias quanto de manifestos, artigos, cartas circulares e obras com cunho político ou de temas ligados a espiritualidade, publicadas no Brasil e no exterior.

Saiba mais detalhes clicando AQUI.

* INSCREVA-SE em nosso canal no Youtube (AQUI) para avançarmos projeto jornalístico.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Gerais

Comentários

  1. Q1naide maria rosado de souza diz:

    Com certeza o coro de anjos está a sua espera…bem-vindo ao Reino dos Bons!

  2. François Silvestre. diz:

    O catalão mais brasileiro do que muitos aqui nascidos. Uma referência de grandeza humana.

  3. FRANSUÊLDO VIEIRA DE ARAÚJO diz:

    D. Pedro Casaldáliga, honrou sua fé, mais ainda seu oficio como missionário, para, realmente pregar e ao mesmo tempo realizar a mais nobre das ações humanas, levar ensinamentos, esperança e fé, demonstrando aos excluídos, que contra a exclusão, não há sia da senão a união em torno do interesse comum.

    Um baraço
    FRANSUÊLDO VIEIRA DE ARAÚJO.
    OAB/RN. 7318.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.