quinta-feira - 24/05/2007 - 17:07h

Nosso distante Primeiro Mundo


Na Espanha, o jornal “La Vanguarda” noticiou ontem que está nascendo a “Creapolis”, a Cidade da Criatividade.

Ela estará em funcionamento em 2009, integrada ao campus da Escola de Gestão da Espanha, que ano passado foi apontada como a “número 1 do mundo” pelo Wall Street Journal.

Seus objetivos? "Atrair os melhores para serem os melhores”.

Foco? Empresas inovadoras da Finlândia e Reino Unido dos ramos da publicidade/marketing e mundo audiovisual.

Querem pelo menos 100 empresas num espaço de 20.000 m2, um parque de terceira geração financiado com capital privado e público, dando lugar a empreendedores (empresas embrionárias), tecnólogos e cientistas.

Enquanto isso, um monte de gente transpira sonhando com um novo estádio de futebol na Grande Natal, para a Copa do Mundo de 2014; Mossoró entra em transe querendo forró até de manhã no Cidade Junina e dezenas de cidades do sertão vibram com heróis que puxam rabo de vaca em parques de vaquejada. 

Há até os que pensam estarmos no Primeiro Mundo, só porque deslizamos em escada rolante e comemos "Mac Donald´s".

Não há Primeiro Mundo em ambiente de ignorância. São excludentes. Somos pobres diabos em meio a grupelhos de espertos. Só isso.

Categoria(s): Fred Mercury

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.