sexta-feira - 31/07/2015 - 09:00h
Prefeitura de Mossoró

O medo mais presente do atraso salarial


É de inquietação o clima nos intramuros do círculo fechado do poder na Prefeitura de Mossoró.

Além de aspectos políticos, a questão financeira pressiona o governismo.

Pagar a folha tem sido um drama mensal e tende a se agravar.

O atraso salarial não está descartado.

O interesse do Blog não é “tocar terror”, como se diz na gíria do submundo, mas essa é uma hipótese cada dia mais possível.

Ouvi essa apreensão de fontes credenciadas do Governo Francisco José Júnior (PSD).

Aperte os cintos!

Categoria(s): Administração Pública

Comentários

  1. Inácio Augusto de Almeida diz:

    Sempre ouvi da minha queria avozinha Tila, quantas saudades, que DE ONTEM SE TIRA E NÃO SE BOTA ACABAR PODE. Há mais de seis meses eu venho escrevendo neste blog que os salários dos funcionários vão atrasar. É um rasga rasga de dinheiro nunca antes visto na administração pública de Mossoró.
    Doações para todo tipo de associações. Gastos estratosféricos com propaganda. Gastos com festas que nenhum retorno dão em termos econômicos. Viagens desnecessárias etc. Com a crise instalada insistem na manutenção da LEI DA MORDOMIA DOS VEREADORES. Só para exemplificar rasga rasga de dinheiro:
    “editado em 03/02/2015 às 11:37
    Custo com carnaval em Mossoró pode ultrapassar R$ 800 mil”
    Gazeta do Oeste.
    Some a tudo isto TRANSPARÊNCIA ZERO, conforme atestou a CGU.
    Que os funcionários públicos se preparem para dias de enormes dificuldades.
    FALTA DE AVISO NÃO FOI.
    //////
    BREVE, MUITO EM BREVE, OS RECURSOS SAL GROSSO SERÃO JULGADOS.
    EM QUE FICOU O CASO DA INSULINA/OXIGÊNIO DENUNCIADO PELO PREFEITO SILVERA JR.?
    PROCESSO JÁ CONCLUÍDO, OPERAÇÃO VULCANO AGURDA JULGAMENTO

  2. Antonio Augusto de Sousa diz:

    O melhor que Silveira faria nesse momento era renunciar.

    Ninguém aguenta mais tanto desatino. O cara só faz merda!

    Entregue a Luís Carlos prefeito. Desocupe à “moita”!

  3. Inácio Augusto de Almeida diz:

    BELO EXEMPLO
    EM SANTANA DO CARIRI, PREFEITA REDUZ PRÓPRIO SALÁRIO E DE SEU SECRETARIADO
    “Publicado em 30 de julho de 2015 por granjahoje
    A prefeita deste município, localizado na Região do Cariri, Daniele de Abreu Machado, baixou um Decreto Municipal, no dia 23 de julho de 2015, visando a adotar medidas para a redução orçamentária, mediante as dificuldades financeiras que o Município atravessa. O Decreto N° 2406001/2015 visa estabelecer o equilíbrio da gestão financeira, devido à crise econômica nacional e à redução de recursos advindos do governo federal. A medida tem como principais metas reduzir em 20% as despesas de água e energia elétrica e em 30% as despesas de telefonia fixa. A partir de agora, ficam reduzidos os vencimentos da prefeita, vice-prefeito e secretários municipais em 25 %.”
    DUVIDO EM MOSSORÓ O PREFEITO FAZER ISTO. DUVIDO.
    Aqui em Mossoró não acabam nem com as mordomias. Prova disto são as viagens desnecessárias e a LEI DA MORDOMIA DOS VEREADORES, que ignorando a crise, funciona a pleno.
    O povo? O povo que se lixe.
    /////
    BREVE, MUITO EM BREVE, OS RECURSOS SAL GROSSO SERÃO JULGADOS.
    POR QUE TOMAZ NETO NÃO MOSTRA NEM A PAU A CÓPIA DO RELATÓRIO DA AUDITORIA?

  4. João Paulo diz:

    Mas Carlos, pra esse bando de ‘babão’ que se encontra dentro ou fora do da máquina executiva municipal, qualquer crítica, por menor que seja, é “tocar terror”. Mas enfim, essa bomba caiu nos colos do prefeitinho ‘Silveirinha’. Já tinha caído nos colos de Cláudia Regina. O desajuste nas contas do erário municipal começou na gestão Fafá-Gustavo. Onde houve aumento da receita, mas um aumento ainda maior das despesas. A conta receita-despesa na gestão dos ‘brothers’ não fechou. A sorte dos dois foi que saíram antes da situação se tornar insustentável. E sendo realista, não vejo capacidade do prefeitinho ‘Silveirinha’ conseguir resolver essa situação. Mas isso que já acontece aqui em nossa urbe com atrasos de pagamentos da prefeitura com terceirizadas e por consequência com os respectivos funcionários dessas empresas, é o retrato da falta de planejamento e responsabilidade que sempre assolou o estado brasileiro. É a cultura da incompetência. Da negligência. Tornando o nosso estado uma instituição falida. Que não consegue muitas das vezes sequer garantir serviços que são o básico do básico.

  5. Zé Maria diz:

    Dentro dos orgãos municipais se gritarem, corre quem for de Rosalba, não fica um!
    Andando pelos corredores desses orgãos da pra perceber o descaramento do povo. Um sorriso sínico, assim como o do próprio Prefeito. O povo não ver a hora de Silveirinha sair do governo e a resposta pela ótima administração ele vai ter na próxima eleição.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.