terça-feira - 18/02/2020 - 15:44h
Câmara Municipal de Mossoró

Parecer contra ex-prefeito acaba não sendo votado


Do Blog Saulo Vale

Estava pautada para a sessão ordinária desta terça-feira (18) a votação do parecer do Tribunal de Contas do Estado (TCE), que recomenda a reprovação das contas do ex-prefeito Francisco José Júnior (sem partido), referentes ao ano de 2016.

Aline Couto (à mesa) tem parecer que acerta em cheio o ex-prefeito Francisco José Júnior (Foto: cedida)

Estava.

Um grupo de vereadores esvaziou a sessão e não houve quórum suficiente para colocar a matéria em pauta. Estavam presentes, no momento da contagem, 11 vereadores, mas eram necessários 14.

“A quem interessa o esvaziamento dessa sessão?”, criticou a vereadora Sandra Rosado (PSDB) sobre a retirada de parlamentares do plenário, para não votar a matéria.

Relatoria

O parecer da relatora do caso na Câmara, vereadora Aline Couto (Avante), é pela reprovação das contas do ex-prefeito. Caso a Câmara aprove a recomendação da relatora, o ex-prefeito torna-se inelegível, o que seria uma ação inédita na história do legislativo mossoroense.

Ele precisa de 14 votos para reverter a reprovação de suas contas.

O caso deve retornar à pauta da Câmara amanhã (quarta-feira, 19).

Presentes, ausentes e fugas do plenário

No momento da contagem estavam presentes os seguintes vereadores: Aline Couto (Avante), Manoel Bezerra (PRTB), Flávio Tácito (PCdoB), Petras Vinícius (DEM), Alex Moacir (MDB), Alex do Frango (PMB), Ozaniel Mesquita (PL), Sandra Rosado (PSDB), Francisco Carlos (Progressista), Raério Araújo (sem partido) e Ricardo de Dodoca (Pros).

Zé Peixeiro (PTC), a presidente Izabel Montenegro (MDB) e Tony Cabelos (PSD) estavam ausentes da sessão.

João Gentil (REDE), Rondinelli Carlos (PMN) e Gilberto Diógenes (PT) abandonaram o plenário justamente na hora da contagem.

Emílio Ferreira (PSD), Genilson Alves (PMN) e Didi de Arnor (PRB) não estavam presentes no plenário, apesar de terem nome assinalado como presente no painel de votação que fica no plenário.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política

Comentários

  1. Inácio Augusto de Almeida diz:

    Eu não quero nem pensar se o Silveirinha resolver tudo contar.

  2. Raniele Costa diz:

    O ex prefeito Francisco José ainda têm influência na câmara municipal de Mossoró ? Ele está mexendo os pauzinhos para não votarem na sua inejibilidade ? Será em ? Será ?

  3. Q1naide maria rosado de souza diz:

    Qual o motivo da corrida?

  4. FRANSUELDO VIEIRA DE ARAÚJO diz:

    POR FALAR EM COERÊNCIA, AÍ O CONJUNTO DA NOSSA MAVIOSA CÂMARA MUNICIPAL DE MOSSORÓ,MAIS UMA VEZ\ MOSTRANDO COERÊNCIA….!!!

    POIS SE NÃO DEVE E NÃO PODE BATER EM CHICO…CARLUS..ROSA LARANJA PODRE ROSADO, TAMBÉM NÃO DEVE E NÃO PODE BATER EM CHICO SILVEIRA JUNIOR…!!!

    Esse é o jogo jogado desde 1.500, e só quem não foi aceito no jogo foi o Partido dos Trabalhadores, não por ser mais ou menos corrupto e sim, por aclarar arrestas estruturais que, ponto futuro , pudessem de alguma forma mudar as Estruturas de Poder da Terra de Pindorama….!!!

    O mais é um cadinho mastodôntico de ignorância, má fé bazófias e outras quinquilharias dos teleguiados, alienados e bitolados de sempre pela nossa dita grade comunicacional aqui denominada imprensa…!!!

    Um baraço
    FRANSUÊLDO VIEIRA DE ARAÚJO.
    OAB/RN. 7318.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.