sexta-feira - 30/10/2015 - 23:51h

Pensando bem…


“Não creias impossível o que apenas improvável parece.”

Shakespeare

Categoria(s): Pensando bem...

Comentários

  1. Inácio Augusto de Almeida diz:

    ALERTA VERMELHO
    “Dados da Nasa mostram que seca no Brasil é pior do que se pensava. Reuters
    TORONTO, Canadá (Thomson Reuters Foundation) – Novos dados de satélite mostram que a seca no Brasil é pior do que se pensava, com o Sudeste perdendo 56 trilhões de litros de água em cada um dos últimos três anos, disse um cientista da agência espacial dos Estados Unidos (Nasa) nesta sexta-feira.
    A pior seca do país nos últimos 35 anos também tem levado o Nordeste brasileiro, região maior, mas menos povoada, a perder 49 trilhões de litros de água a cada ano nos últimos três anos, comparando com os níveis normais, afirmou o hidrólogo da Nasa, Augusto Getirana. “É muito maior do que eu imaginava”, disse Getirana à Thomson Reuters Foundation. “Com as mudanças climáticas, isso vai acontecer com mais e mais frequência.”
    ////
    A PIOR SECA DO PAÍS NOS ÚLTIMOS 35 ANOS. ISSO VAI ACONTECER COM MAIS E MAIS FREQUÊNCIA.
    Vão agora acreditar que a situação é dramática? Este Augusto Getirana é uma das maiores autoridades do mundo em recursos hídricos. Quando era apenas um comentarista de blog de cidade do interior que dizia isto todos riam. Será que agora vão continuar rindo? Parece que sim, pois o governo do RN não mexe uma palha para tentar minimizar a tragédia anunciada. Providências têm que ser tomadas AGORA! Ou isto é feito ou o Inferno de Dante irá parecer folguedo junino.
    ////
    OS RECURSOS SAL GROSSO SERÃO JULGADOS EM NOVEMBRO? VÃO DEIXAR SAL GROSSO PRESCREVER?
    UM ANO QUE CLAMO PELO JULGAMENTO DOS RECURSOS SAL GROSSO. QUANTO ANOS MAIS CLAMAREI?
    ATÉ QUANDO OS VEREADORES PENSAM MANTER A LEI DA MORDOMIA DOS VEREADORES?

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.