sexta-feira - 18/10/2013 - 09:57h
Mobiliza 2013

Petrobras faz desmanche com retirada em massa de pessoal

Neste mês de outubro, a categoria petroleira está em plena campanha reivindicatória. Mas, nem isso, impediu a Petrobras de lançar o “Mobiliza 2013”.

Trata-se de um programa de Recursos Humanos que tem por objetivo preencher 3.399 vagas, disponibilizadas, em sua maioria, no Sudeste do País. Apesar do nome, o que o Programa promove no Nordeste, ao incentivar a saída da mão-de-obra qualificada da Região, vai, exatamente, na contramão do que sugere.

Graça Foster faz pose com políticos do RN em abril deste ano.

Vem daí o seu novo apelido: “desmobiliza”.

Entre as regras do Programa está a obrigatoriedade das gerências da Estrutura Básica de liberar os candidatos selecionados em, no mínimo, dez por cento, sem que haja reposição. Áreas de produção em terra, como Rio  Grande do Norte e Ceará, são atingidas em cheio.

O efeito econômico-social dessa desmobilização, ou “desmanche”, como o Blog já denominou há muitos meses, já pode ser sentido há bastante tempo.

O quadro é delicado e deverá piorar muito mais, a pesar do blá-blá-blá da classe política, posando ao lado da presidente da Petrobras – Graça Foster – e das promessas da empresa de que continua investindo na região.

Para o Sindicato dos Petroleiros do RN (SINDIPETRO-RN), a medida da companhia é não somente “desrespeitosa, como também ilegal, uma vez que o Acordo Coletivo proíbe a movimentação de pessoal durante o processo de campanha salarial”.

O sindicato avisa que estuda com sua assessoria jurídica, um contra-ataque através de medidas jurídicas que possam conter essa evasão.

De antemão, cabem alguns questionamentos: por que estas vagas não foram preenchidas pelo pessoal do Cadastro de Reserva do último concurso? Partindo do precedente de que a Empresa não prevê reposição dos funcionários transferidos, quem irá ocupar os cargos que foram deixados para trás? Serão simplesmente terceirizados, ignorando a necessidade de concurso público?

Desigualdades

Não é novidade que os campos terrestres do País, concentrados principalmente no Nordeste, vêm sofrendo desmobilização por parte da Petrobras.

O Programa de Aumento da Eficiência Operacional (PROEF) e o Programa de Otimização de Custos Operacionais (PROCOP) já trouxeram essa realidade, promovendo retração de investimentos e movimentação de trabalhadores para o Sudeste.

Agora, o “Desmobiliza” chega para ratificar a orientação de progressivo abandono da exploração do petróleo em continente a fim de arrecadar recursos para investir no Pré-sal.

Assim, na gestão Graça Foster, ao invés de a Petrobras ser um instrumento de apoio ao Estado no combate às desigualdades regionais, passa a ser fator de agravamento.

A classe política, sempre prodigiosa em tirar proveito na promoção pessoal e de grupos, da força e do abundante capital da Petrobras, insiste em fazer barulho e rugir, sem conseguir nada de concreto.

A indústria do petróleo está baseada em exploração e produção. A prioridade da Petrobras é o Pré-Sal, seu Eldorado, espécie de Serra Pelada oceânica.

Os investimentos em terra caem e não devem ser retomados. A riqueza e o progresso de incontáveis comunas estão comprometidos e o “Mobiliza 2013” é um atestado de óbito que contraria qualquer discurso ou retórica da empresa e de políticos.

Qualquer dúvida quanto a essa realidade, é só tomar a própria Mossoró como base. Veja AQUI reportagem especial desta página, sobre o comportamento da arrecadação direta da Prefeitura de Mossoró.

Os royalties do petróleo caem. Numa proporção ainda maior desabam os números do Imposto sobre Serviços (ISS) e a empregabilidade no setor definha com voracidade.

O efeito em cadeia é devastador. E o futuro, então…

Algumas cidades que cresceram com o “ouro negro”, no ciclo do petróleo, tendem a encolher nos próximos anos/décadas. Não aproveitaram o boom… pagarão caro por isso.

Com informações adicionais do Sindipetro/RN.

 

Categoria(s): Administração Pública / Economia

Comentários

  1. Inácio Augusto de Almeida diz:

    “O sindicato avisa que estuda com sua assessoria jurídica, um contra-ataque através de medidas jurídicas que possam conter essa evasão.”
    Será que a justiça vai DETERMINAR que a Petrobrás mantenha funcionários onde não existe mais petróleo?
    Se o petróleo existisse em grande quantidade, se novos poços estivessem sendo perfurados, não precisava ninguém ir falar nada com a Presidenta da Petrobrás para manter os funcionários em Mossoró. A Petrobrás faria era aumentar o número deles em Mossoró.
    A Petrobrás é uma empresa. E como empresa busca resultados.
    Os acionistas da Petrobrás querem resultados, lucros.
    É preciso entender de uma vez por todas que a era do ouro negro acabou-se em Mossoró.
    Prova disto são os royalties que caem e terminarão por zerar.
    O ISS desaba e Mossoró continua na mesma gastança desenfreada.
    Não precisa pensar muito para entender que a Petrobrás tem que se dedicar de corpo e alma a exploração de reservas que só num campo, LIBRA, tem um potencial de 14 TRILHÕES DE BARRIS DE PETRÓLEO.
    Ficar tentando tirar petróleo com um dedal quando existem vários campos com reservas muito acima de TRILHÕES DE BARRIS, nem o Zé Doidinho é capaz de fazer.
    Os petroleiros tem que aceitar trabalhar onde existe petróleo.
    O resto é conversa de político para engabelar operário apegado ao seu torrão natal.
    Mossoró tem que encarar de frente esta realidade.
    Dura realidade.
    Mas realidade.
    ///
    O UNIFORME ESCOLAR NÃO FOI DISTRIBUÍDO EM MOSSORÓ.
    UMA PROFESSORA DE DANÇA DO MAIS EDUCAÇÃO GANHA 240 REAIS POR MÊS.
    O IPTU AUMENTARÁ EM 2014.

    • Inácio Augusto de Almeida diz:

      Por saber do fim dos royalties, da queda do ISS e de outros impostos e taxas é que a prefeita de Mossoró irá aumentar o IPTU em 2014.
      Manter a arrecadação é o objetivo dela para assim continuar com a gastança em propaganda, festas, doações e altos salários na FOLHA DE PAGAMENTO que teima em esconder, como se não existisse o Art. 31 – 3 da Constituição Federal.
      Acreditam agora que o IPTU irá aumentar em 2014?
      Não acham que já é hora da sociedade começar a se organizar para dizer não a este aumento brutal?
      Aumento que em determinados casos ultrapassará os MIL POR CENTO.
      Cortar despesas ela não corta.
      A única medida de contenção de despesas que a prefeita está pensando adotar é a de não conceder reajuste ao funcionalismo público em 2014.
      Isto foi o que me informou a fonte que tenho na PMM.
      Foi esta mesma fonte que me disse há meses que o IPTU aumentará em 2014.
      Quando eu divulguei esta notícia muita gente riu.
      Estes que riram irão chorar em 2014.
      Se este aumento do IPTU irá resultar em perdas de votos para a Governadora Rosalba Ciarlini, isto pouco está sendo considerado pela prefeita.
      Até porque ela mantém como auxiliares pessoas ligadas umbilicalmente ao Alves.
      Assim, os Alves ganhando, sabe que poderá contar com o apoio do novo Governador em 2016.
      Acorda, Carlos Augusto.
      ///
      O IPTU AUMENTARÁ EM 23014.

    • Claudio diz:

      Concordo com a exposição do colega acima e complemento dizendo que o Mobiliza não vai arrancar nenhum empregado de suas funções. As inscrições são expontâneas e este tipo de programa de mobilidade há muito tempo é desejo dos empregados. Quem se inscreveu o fez porque vontade própria, e se o sindicato contra-atacar a Petrobnras com ações judiciais estará agindo contra o interesse dos trabalhadores.

  2. Inácio Augusto de Almeida diz:

    “Petrobras tornou-se uma “bomba-relógio” financeira, diz Financial Times – InfoMoney
    Veja mais em: http://www.infomoney.com.br/petrobras/noticia/3012750/petrobras-tornou-uma-bomba-relogio-financeira-diz-financial-times
    Esta notícia diz bem da situação da Petrobrás.
    Somente com a manutenção do subsídios dado pelo governo no preço dos combustíveis, a fim de evitar um aumento da inflação, a petrobrás de 2009 até hoje viu a destruição de mais de 200 BILHÕES DE REAIS do seu valor, o que acarretou grandes prejuízos aos acionistas e espantou novos possíveis investidores.
    Daí a Presidenta da Petrobrás, Graça Foster estar implantando um corte de custos buscando economizar 34 BILHÕES até 2016.
    Hoje acontece o leilão do Campo de Libra.
    Acontece porque a Petrobrás não tem recursos para sozinha explorar a imensa riqueza que ali está depositada. Ou aceita a participação de empresas estrangeiras, principalmente chinesas, ou o petróleo ficará onde está.
    Com está situação de penúria é incrível como ainda exista quem sonhe com a Petrobrrás brincado de extrair petróleo de áreas onde esta riqueza não mais existe.
    O sonho acabou.
    A hora para Mossoró é de voltar à realidade.
    ///
    UMA PROFESSORA DE DANÇA DO MAIS EDUCAÇÃO GANHA 240 REAIS POR MÊS.

  3. Teodósio diz:

    Carlos, infelizmente a gente já consegue perceber nitidamente os nefastos efeitos econômicos deste desmanche da Petrobras na ruas do comercio central de Mossoró. A pouca movimentação das lojas. Os corretores de imóveis informam que as vendas despencaram, além de outras á

    • Inácio Augusto de Almeida diz:

      Caro Teodósio
      Os corretores estão reclamando que as vendas despencaram?
      A menos que os preços se ajustem à realidade as vendas irão zerar.
      ZERAR.
      Não bastasse a saída da Petrobrás, a seca de 4 anos chegando, o aumento brutal do IPTU que a prefeita quer meter goela abaixo dos mossorenses, ainda existe a bolha imobiliária que irá explodir depois da Copa do Mundo.
      O quadro para o setor imobiliário lembra um filme do Boris Karloff.
      TERROR PURO.
      Os que forem menos teimosos começarão a reduzir os preços dos imóveis, para venda e para aluguel, logo agora, antecipando-se assim ao tsunami que acontecerá neste setor.
      Em Mossoró já dá para se sentir uma queda nos preços dos imóveis e terrenos.
      Como em todo ramo, no imobiliário também existem os inteligentes.
      ///
      UMA PROFESSORA DE DANÇA DO MAIS EDUCAÇÃO GANHA 240 REAIS POR MÊS.
      O SALÁRIO DA PREFEITA DE MOSSORÓ É DE R$ 23.550,00.
      O UNIFORME ESCOLAR NÃO FOI EWNTREGUE EM MOSSORÓ.
      O IPTU AUMENTARÁ EM 2014.

  4. Teodósio diz:

    Carlos, infelizmente a gente já consegue perceber nitidamente os nefastos efeitos econômicos deste desmanche da Petrobras na ruas do comercio central de Mossoró. A pouca movimentação das lojas. Os corretores de imóveis informam que as vendas despencaram, além de outras áreas vitais da nossa economia que já sentem as consequências do referido desmanche. Enquanto isso, a Prefeitura se contenta em ver centenas de pessoas fazendo ginástica e dançando aeróbica na Avenida Rio Branco.

    • Inácio Augusto de Almeida diz:

      Caro Teodósio
      Se a Prefeitura se contentasse apenas em ver uns gatos pingados fazendo ginástica aos domingos na Av. Rio Branco eu ficava calado.
      O diabo é que torra milhares e milhares de reais nesta papagaiada que só está servindo para levar Mossoró para o anedotário nacional.
      A prefeita quer juntar muita gente na Rio Branco?
      Quer?
      Anuncie que no próximo domingo estará divulgando na Av. Rio Branco a FOLHA DE PAGAMENTO da Prefeitura Municipal de Mossoró.
      Se fizer isto vai ter gente da Lojas Insinuante até a Igreja de São João. Da antiga Estação de Ferro até o Vuvo Vuco.
      Mas isto ela não faz.
      Quando se trata de mostrar a FOLHA CABELO DE FREIRA a prefeita pula fora.
      O que tem nesta FOLHA DE PAGAMENTO que ninguém pode ver?
      O Segredo de Fátima?
      ////
      UMA PROFESSORA DE DANÇA DO MAIS EDUCAÇÃO GANHA 240 REAIS POR MÊS.

      ////

  5. Francy Granjeiro diz:

    Já se sabe que petróleo não é fonte renovável, que um dia ia se acabar…e esgotou.Acabou a matéria orgânica e ponto.
    Aaahhh, só não falta pra guerra.

  6. fernando FF diz:

    Quando era candidata ao senado, a senhora governadora prometeu lutar por uma refinaria para Mossoró.Cadê. Dizia ele que a refinaria só não veio para a cidade por incompetência de Vilma e Fernando Bezerra.

  7. Inácio Augusto de Almeida diz:

    Leilão deve ter só uma proposta feita por Petrobras e chineses
    Lobão diz que licitação será realizada mesmo com apenas um consórcio
    BRUNO ROSA
    CRISTIANE BONFANTI
    DANIELLE NOGUEIRA
    Publicado:19/10/13 – 21h57
    RIO E BRASÍLIA — O leilão da área de Libra deve contar com apenas um consórcio, dizem fontes a par das negociações e do governo. De acordo com um executivo que acompanha o processo, o consórcio será formado com a Petrobras e as chinesas CNPC e CNOOC e não terá as cinco empresas — número máximo permitido pelo edital. Já uma fonte do governo lembra ainda que a anglo-holandesa Shell e a francesa Total — que não teria depositado as garantias financeiras — ainda estão no jogo e podem participar do consórcio, no qual a Petrobras terá a maior fatia.
    A fonte do governo destacou ainda que a Petrobras deverá ter um percentual maior que os 30% estabelecidos em lei. Segundo ele, a recomendação é que a estatal brasileira tenha a maior fatia do consórcio.
    — Será um leilão de um envelope com empresas grandes. Eu diria que é a Petrobras associada a empresas chinesas, Shell e Total — disse a fonte do governo.
    Ontem, o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, veio a público reforçar que a licitação é “uma grande revolução econômica para o bem do Brasil”. O ministro garantiu que, mesmo que apenas um consórcio participe, a licitação será realizada na segunda-feira.
    — Não sabemos dizer quantos consórcios vão participar desse leilão. Isso importa pouco. O importante é que haja participante, um ou mais de um. Como disse um grande líder chinês, não importa a cor do gato. O importante é que ele cace o rato — disse. — De qualquer maneira ocorrerá o leilão — completou, considerando positiva a vinda de empresas estrangeiras para o país.
    ///
    LEILÃO COM APENAS UM CONSÓRCIO…
    Agora dá para entender a razão dos protestos contra a realização deste leilão.
    Protestos que estão imaginando serem tão grandiosos que convocaram o Exército a Força Nacional e a Polícia Federal para garantir a realização deste leilão.
    “— Será um leilão de um envelope com empresas grandes.
    LEILÃO COM APENAS UM ENVELOPE.
    Leiam esta declaração do Ministro de Minas e Energia:.
    “Ontem, o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, veio a público reforçar que a licitação é “uma grande revolução econômica para o bem do Brasil”. O ministro garantiu que, mesmo que apenas um consórcio participe, a licitação será realizada na segunda-feira.”
    MESMO QUE APENAS UM CONSÓRCIO PARTICIPE, A LICITAÇÃO SERÁ REALIZADA NESTA SEGUNDA-FEIRA.
    Com certeza teremos protestos no Rio de Janeiro com o povo nas ruas.
    Tanto eles sabem disto que não confiaram a segurança do leilão a PM do RJ, preferindo convocar o Exército, Força Nacional e PF.
    Se estão fazendo a coisa certa e para o bem do Brasil, só o tempo dirá.
    O certo é que dezenas de engenheiros aposentados da Petrobrás já ingressaram na justiça para anular a realização deste leilão.
    O dia de amanhã promete.
    ////
    O UNIFORME ESCOLAR NÃO FOI DISTRIBUÍDO EM MOSSORÓ.
    O MATERIAL DIDÁTICO NÃO FOI DISTRIBUÍDO EM MOSSORÓ.
    ÛMA PROFESSORA DO MAIS EDUCAÇÃO GANHA 240 REAIS POR MÊS.
    VOCÊ LEU O JORNAL DO MUNICÍPIO HOJE?

Trackbacks

  1. […] O novo cargo vai de encontro à política da própria empresa, que começou sorrateiramente uma desmobilização de pessoal na região de produção terrestre, para investimento dessa mão-de-obra especializada no Pré-sal (veja AQUI). […]

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011 - 2021. Todos os Direitos Reservados.