domingo - 29/05/2016 - 08:53h
Polêmica

Policiais civis reagem a declarações do Capitão Styvenson


O Sindicato da Polícia Civil do RN (SINPOL-RN) reagiu às declarações do Capitão Styvenson (veja postagem abaixo), de críticas à policiais civis. Veja abaixo:

O SINPOL-RN vem a público expressar seu total repúdio a recente declaração dada pelo capitão Styvenson Valentim a respeito dos policiais civis do Rio Grande do Norte. Em áudio divulgado nas redes sociais, o oficial da PM potiguar ataca policiais civis dizendo que estes “ganham muito bem para não fazer nada”.

Tal declaração é despropositada e, principalmente, desrespeitosa para com uma categoria que tanto faz pela segurança pública do Rio Grande do Norte. Ao contrário do que pensa e declara o capitão Styvenson, os policiais civis trabalham duro diariamente, mesmo sem muitas vezes disporem de condições e estrutura adequada.

Acontece que, ao contrário do próprio capitão Styvenson, os policiais civis não usam a mídia para promoção pessoal e nem para expor o trabalho que é feito diariamente. Os policiais civis trabalham de maneira silenciosa, usando de inteligência e ferramentas investigativas.

O SINPOL-RN respeita o trabalho desenvolvido pela equipe do capitão Styvenson na Lei Seca, mas ressalta que a opinião dele sobre a categoria policial civil não condiz com a realidade. Reforçamos que se o referido oficial teve qualquer problema com algum integrante da Polícia Civil que procure as esferas competentes para tentar solucionar tal problema, ao invés de usar redes sociais para atacar toda uma classe profissional.

Reiteramos nossa estima a todas as instituições que fazem a Segurança Pública do Rio Grande do Norte com a certeza de que o posicionamento e comportamento do capitão Styvenson não é uma regra dentro da Polícia Militar. Os policiais civis, assim como militares, federais ou rodoviários merecem respeito do capitão Styvenson e de todos os cidadãos.

Por fim, frisamos que em nome de todos os policiais civis iremos tomar medidas cabíveis para exigir, no mínimo, uma retratação por parte do capitão Styvenson.

SINPOL-RN

Categoria(s): Segurança Pública/Polícia

Comentários

  1. Inácio Augusto de Almeida diz:

    Tudo isto gerado pela Zorra Salarial existente. O Brasil precisa urgentemente fazer um realinhamento salarial. Não é aceitável um delegado ganhar 23 mil reais, um juiz mais ainda e um médico ganhar menos de 7 mil reais. O mesmo acontece com os engenheiros dos BEC do Exército. Só para deixar a todos estarrecidos, o soldo de um sargento da FAB, um controlador de voo como aquele que apareceu domingo no FANTÁSTICO no caso dos Discos Voadores, é MENOR do que o salário de um GARI no RJ.
    Isto pode continuar?
    //////////
    OS RECURSOS SAL GROSSO SERÃO JULGADOS A QUALQUER INSTANTE.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.