quarta-feira - 11/12/2019 - 23:28h
RN

Policiais penais rejeitam proposta e seguem com protesto


Os policiais penais do Rio Grande do Norte vão continuar com movimento de protesto.

Não aceitaram proposta de melhoria salarial que receberam dia passado (veja AQUI) do governo estadual e insistem em numa reforma estatutária da categoria.

Em Assembleia Geral nesta quarta-feira (11) em Natal, eles resolveram que a mobilização denominada de “Operação Segurança Acima de Tudo” vai prosseguir. Serviços como visitas a presos e transferência de detentos não são realizados.

O governo apresentou índice total de 23% a ser aplicado aos salários conforme o seguinte escalonamento: 2,5% a partir de março de 2020; 2,50% a partir de novembro de 2020; 3,5% a partir de março de 2021; 3,50% a partir de novembro de 2021; 4,5% a partir de março de 2022; e 4,58% a partir de novembro de 2022.

O Sindicato dos Agentes Penitenciários do RN (SINDASP-RN) comando o movimento.

Nota do Blog – Decisão judicial nesta quarta-feira determinou fim do movimento que teve início no último dia 2. Liminar foi concedida pelo desembargador Cornélio Alves, estabelecendo multa diária de R$ 30 mil em caso de desobediência.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Segurança Pública/Polícia

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.