sexta-feira - 31/08/2007 - 20:44h

Prefeitura de Mossoró mete a mão em 13o do servidor


A crise financeira da Prefeitura de Mossoró chegou onde mais se temia: no bolso do servidor municipal.

Hoje pela manhã, vários servidores queixaram-se à Secretaria de Recursos Humanos da ausência de pagamento do 13o salário e até do PIS. Desde a era Rosalba Ciarlini (DEM), que o 13o é coberto com base na data de aniversário do servidor, em vez de dezembro.

Os aniversariantes de agosto, na Prefeitura de Mossoró, não têm o crédito estabelecido no contra-cheque. O pagamento é hoje.

Nas datas referentes ao Pasep, novo e também gravíssimo problema. 

O ente público é obrigado a apresentar até março do ano subsequente, relatório sobre ganhos funcionais. Se existe servidor sem direito, é porque a prefeitura não apresentou a informação. E se o fez, suprimindo o pagamento, é procedimento ainda pior.     

Em depoimento a este Blog, dois servidores – irritados - reproduziram que a justificativa do governo é prosaica: à próxima semana seria feito o crédito, numa espécie de folha complementar emergencial.

Será que a prefeitura vai aguardar o FPM (Fundo de Participação dos Municípios) creditado no final de mês, para "completar" a folha?

Comecei a escrever aqui há vários meses que a crise na Prefeitura de Mossoró, era crescente e poderia atingir a folha. Muita gente achou exagero. Fui desdenhado e insultado.

O pior está por vir.

Categoria(s): Sem categoria

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.