sexta-feira - 29/03/2013 - 07:26h
Educação no RN

Professor esvazia nota e argumentos sobre salários


Carlos Santos,

Essa nota do Governo do Estado (Veja AQUI) se enquadra naquela situação em que se fala muito e não se diz nada.

Ora, destacar que é difícil encontrar um parâmetro para analisar se um salário é pequeno ou não soa como balela.

Dizer que o fato de as cargas horárias variarem também não convence.

Se existem Estados que a carga horária é de 20, 25, 30 ou 40 horas, não há dificuldade de se mensurar. Basta fazer uma conta proporcional. Pior ainda é afirmar que em alguns Estados estão embutidas algumas vantagens.

Ora, se estão embutidas e se o professor os recebe, também é salário. No caso do Rio Grande do Norte, com “embutimento” ou não, o salário de um professor em início de carreira é R$ 1.644,00. Ou seja, um embuste, já que é este o único valor recebido.

O problema é que o Estado do Rio Grande do Norte se nega a pagar as vantagens a que cada profissional tem direito. Um exemplo: em qualquer empresa ou nível de governo, os seus funcionários ou servidores são remunerados de acordo com a função que desempenham e seguindo-se o que determina o plano de carreira de cada um. Assim, um funcionário ou servidor de nível médio ganha um determinado salário, o de nível superior outro, o especialista outro, e assim sucessivamente.

No caso do Rio Grande do Norte, os professores que concluíram Especialização não recebem, por parte do Governo do Estado, os 20% de diferença salarial pelo título. Em algumas situações, o Estado os “agrada” com a astronômica quantia de R$ 40,00 a R$ 50,00. Em alguns casos, nem isso.

Façamos a conta: se um professor de nível superior ganha R$ 1.644,00, o Especialista deveria receber no mínimo R$ 322,00 a mais. Ou seja, seu salário deveria ser de R$ 1.996,80.

A meu ver, o Estado do Rio Grande do Norte não deveria se vangloriar por supostamente ter encontrado outros Estados que pagam menos que ele, mas encontrar meios para se equiparar àqueles que pagam mais.

Quando ao parâmetro que o Governo do Estado diz não ser possível utilizar, há um meio simples. Basta comparar com outras profissões de nível superior. A grande maioria tem um piso maior de que o de um professor. E todas, com o devido respeito, com um trabalho menos importante o desenvolvido por um docente.

P.S: Não satisfeito em pagar um salário baixíssimo, o Governo do Estado ainda apronta das suas. Ainda não pagou aos concursados o proporcional de férias referente ao ano passado e ontem, último dia útil do mês, também não havia pago o salário de março.

Há parâmetro para medir incompetência?

Há parâmetro para mensurar falta de respeito?

Será que o Estado do Rio Grande do Norte, ao invés de pagar aos profissionais vai apresentar uma desculpa estapafúrdia, como dizer que em outros Estados o atraso é bem maior?

A que ponto chegamos?

Márcio Alexandre – professor

Categoria(s): E-mail do Webleitor / Educação

Comentários

  1. Ramilson diz:

    Pura Verdade! Sou professor Especialista e não ganho por minha Especialização. Continuo com os míseros 1.644,00, salário que a Rosa conta tanta vantagem. Ora, esse é o valor mínimo que um professor pode ganhar, é fato, é lei. O RN não estimula o professor em nada! É uma vergonha! Nem nosso terço de hora-atividade temos direito.

  2. Maria do Céu de Albuquerque diz:

    -Pena que, a nossa Governadora – Dra. Rosalba Ciarlini, estar ha 02 anos e 03 meses,na Chefia do Poder Executivo do nosso Estado (RN) e ainda NÃO teve a COMPETÊNCIA em resolver os Grandes e Drásticos Problemas que afetam todas as áreas da SAÚDE, EDUCAÇÃO E, SEGURANÇA PÚBLICA do nosso Sofrido e Combalido Estado do RIO GRANDE DO NORTE-(SEM SORTE).
    -O Pior de tudo isto é que, a nossa Excelentíssima Governadora Dra. Rosalba Ciarlini, ainda fica tentando se Defender de todas as Mazelas que nos Afligem e, sair pela Tangente, (ou seja), Olhando pelo Retrovisor e com Desculpas sem Nexos e Esfarrapadas, querendo a todo o Custo – Colocar a Culpa em Governos Antecessores ao Grande DESgoverno dela (Dra. Rosalba Ciarlini), do Estado Estado do RN.
    -Com todo o Respeito que,Nós (Norte-Riograndenses) temos por V. Excia: -” VÁ TRABALHAR COM AFINCO E COMPETÊNCIA – GOVERNADORA ROSALBA CIARLINI, EM PROL DO DESENVOLVIMENTO E PROGRESSO DO NOSSO ESTADO-(RN)”.
    -Tenho Dito.
    Muito Obrigada.

  3. Márcio Alexandre diz:

    Caro Carlos Santos,
    Uma pequena retificação. Os 20% sobre o salário de R$ 1.644,00 somam R$ 328,80. Somados aos R$ 1.644,00, dá, então, R$ 1.972,80. É um valor ainda baixo, mas um pouco acima dos R$ 1.644,00. Atentem: R$ 1.972,80 é o salário que um Especialista deveria ganhar no Estado do Rio Grande do Norte, mas, apesar de ínfimo, a atual governadora se nega a pagar.

  4. Rui Nascimento diz:

    Precisa dizer mais alguma coisa?

  5. ZENILMA MARIA A COSTA OLIVEIRA diz:

    Tudo isso é real no RN, sem contar o não pagamento de outros direitos da carreira, como mudança de letra/classe. Tenho 28 anos de serviço prestado a educação do RN, ainda não me aposentei porque não tenho a idade exigida por lei para tal fim, contínuo a vários anos na letra G, quando já devia está na letra/classe J, última letra do plano de cargo e carreira do magistério, desde que completei 25 anos de serviço. Não passei por nenhuma alteração na carreira desde que esse governo rosado assumiu. Não pagar direitos a trabalhadores é parâmetro para esse governo? Era só o que faltava!

  6. Pedro Victor diz:

    Professores mais mau pagos do Brasil, deputados mais bem pagos.

  7. Jocasto diz:

    Não adianta estrebuchar. Mesmo levando rodo na cara e tomando na nuca, esses professores continuam votando na Rosa. Oh povim rinzim, sofredozim , safadim!

  8. CALIBRE 50 diz:

    Jocasto vc disse tudo! É rodo na cara,cuzcuz alegado,sem falar que não recebe o que lhe é de direito,humilhação,corre o risco de agressão e até de morte,quando se aposenta é humilhado quando vai receber os proventos,digo isso pois minha querida genitora que deu muito suor e lágrimas durante mais de 35 anos para quando receber os proventos te ve que ir ao Caixa Eletrônico mais de 03(três) vezes para depois de meio dia receber o que é de direito!
    https://www.facebook.com/photo.php?fbid=549563371749886&set=a.487906481248909.93797756.486543541385203&type=3&theater alunos

  9. anderson diz:

    Lembrando que o sindicato e petista, afinal está defendendo os professores ou a ditadura de Fátima a deputada do sindicato.

  10. FERNANDO fF diz:

    Vem a noticia de Natal, que a prefeitura lá a situação tá pior do que e pode imaginar.Cadê o SINTE? Tá fazendo politica partidadria como sempre.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.