quinta-feira - 26/11/2020 - 22:24h
Apagar das luzes

Rosalba empurra projeto após 3 anos e 11 meses o escondendo

Prefeita joga 'democracia escolar' para o prefeito eleito, agradando um sindicato que sempre ignorou

No apagar das luzes de sua gestão, a prefeita não reeleita Rosalba Ciarlini (PP) encaminha para a Câmara Municipal de Mossoró o Projeto de Lei nº 1243. Ele regulamenta eleições diretas nas escolas municipais para diretores e supervisores, antiga reivindicação sindical.

Eleita em 2016, Rosalba obstruiu projeto; agora, empurra para aprovação (Foto: arquivo)

O estranho na iniciativa da prefeita, é que ela teve três anos e 11 meses para implementar esse dispositivo constante do Plano Municipal de Educação (PME), ainda do ano de 2015, mas só o faz agora.

Com certeza não se trata de um rompante de espírito democrático, mas tentativa de encolher o número de cargos comissionados de livre nomeação do sucessor, o prefeito eleito Allyson Bezerra (Solidariedade).

Rosalba muda de posição

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mossoró (SINDISERPUM) durante todos esses 47 meses cobrou, sem êxito, a implementação das eleições, instrumento sem qualquer valor pedagógico, mas de natureza político-sindical. Entretanto, a prefeita nunca deu respaldo nem se sentiu obrigada a implementá-lo.

No fim do governo Francisco José Júnior, em 2016, a matéria chegou a ser pautada no Legislativo. Todavia, a força política da então prefeita eleita, Rosalba, impediu sua aprovação. Na legislatura em andamento, a bancada da prefeita impediu sua aprovação.

Agora, o inverso: ela quer usar a força que lhe resta para aprová-lo e jogar a “democracia escolar” no colo do sucessor. A mesma democracia que não adotou e lhe causa repulsa. Ou seja, “pimenta no .. dos outros é refresco”.

Paralelamente, Rosalba tem ligado para vereadores de sua bancada para que aprove o projeto. É um presente que quer dar ao Sindiserpum, com quem se digladiou todo esse tempo e sempre se esquivou até de receber seus representantes.

* INSCREVA-SE em nosso canal no Youtube (AQUI) para avançarmos projeto jornalístico.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Política

Comentários

  1. Inácio Augusto de Almeida diz:

    Fácil neutralizar o efeito deste “surto democrático” da derrotada.
    Basta no dia da votação dessa matéria o Allysson se fazer presente na CMM e apelar a todos e todAs vereadores para que votem aprovendo este Projeto de Lei.

  2. Q1naide maria rosado de souza diz:

    Sendo para o bem…
    não importa quando vem…

  3. ADAUMAR VIEIRA DE ARAUJO diz:

    Só quem é formado na área educacional entende que não existe valor pedagógico maior do que ensinar o que é democracia e que esta por sua vez incide diretamente nas decisões da comunidade escolar e em contrapartida na qualidade do ensino.Um repórter afirmar que uma gestão democrática não tem valor pedagógico é no minimo desconhecimento da importância da democracia para a educação.Aff!

  4. Mdm diz:

    lEMBRANDO AOS MENOS INFORMADOS QUE NA EPOCA EM QUE SINDICATO PROPOS CONCURSO PARA DIRETORES DE ESCOLAS A DR. MADAMA PREFEITA FALOU ASSIM: ISSO DEVE SER OBRA DA ESQUERDA COMUNISTA, MARROZISTA E BADERNENTA.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011 - 2021. Todos os Direitos Reservados.