quarta-feira - 09/10/2019 - 17:02h
Juiz afirma:

Sentença sobre Apamim vai sair até o fim deste ano


Do Blog Saulo Vale

O juiz federal Orlan Donato Rocha, da 8ª Vara da Justiça Federal (Mossoró), deverá sentenciar, até o final deste ano, o processo sobre a intervenção judicial na Associação de Assistência e Proteção à Maternidade e a Infância de Mossoró (APAMIM), que administra o Hospital Maternidade Almeida Castro (HMAC).

Juiz federal Orlan Dantas é responsável direta por verdadeira revolução no HMAC (Foto: BSV)

A unidade está sob intervenção da Justiça desde 2014.

“É um processo complexo, que envolve Estado, Município, União, cooperativas médicas, funcionários, outras esferas da Justiça. Por isso, há esse tempo (longo) de intervenção (no hospital). Eu pretendo sentenciá-lo até o final do ano”, afirmou em entrevista ao Jornal da Tarde (Rádio Rural de Mossoró) desta quarta-feira (9).

Direção permanente

Nesse caso, com a sentença, ficará definida a situação da gestão do Hospital Maternidade Almeida Castro. “Sairia a [atual] administração provisória, através de uma Junta Interventora, e se permitiria que pessoas, através de um edital, se habilitasse para compor a diretoria e o conselho dessa entidade”, explica.

Ele ressalta que “o edital veda que antigos gestores ou parentes de até terceiro grau possam participar da diretoria ou dos respectivos conselhos da administração ou fiscal da Apamim”.

Nota do Blog – Impressiona a realidade atual do HMAC. É diametralmente oposta à anterior. Seus feitos seriam ainda mais exponenciais em prol da saúde pública de milhares de pessoas em Mossoró e vastíssima região, se não fosse nitidamente sabotada politicamente.

E esse êxito em boa parte se deve à coragem desse magistrado e à equipe interventora.

Aplausos, muitos aplausos.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Justiça/Direito/Ministério Público / Saúde

Comentários

  1. Amorim diz:

    Por motivos aletatórios, há alguns dias “passei” pela dita Maternidade e vi uma ruma de velinhas no chão e a o lado havia uma porta; como bom curioso abri e me deparei-me com uma sala, na penubra se formava um circulo de Senhoras que ouviam e as vezes falavam, ressalto que o ambiente inspirava uma traquilidade, quase que Sidartiana.
    Emocionei sem saber o porque.
    Mas que era coisa boa, era.
    Uma boa noite.

  2. João Claudio diz:

    Ainda está havendo muito ‘penteado’ por lá?

    O departamento de compras é a botija de ouro e a menina dos olhos de um administrador corrupto.

    Pensando bem, esse departamento é o oposto de um cemitério: Quem tá fora quer entrar e quem tá dentro não quer sair.

    P.S – Amanhã (10) será divulgada mais uma parcial da disputa ao título ‘The Choco 2019′.

    Aguardeeeeem…!

  3. FRANSUELDO VIEIRA DE ARAÚJO diz:

    Antigamente, víamos suposta divisão da monarquia Rosadius, atualmente observamos grupo da ex-deputada Sandra Rosado, se esgueirar e se ajoelhar permanentemente na busca da sobrevivência política, quando dos acenos vergonhosos acenos para receber esmolas do grupo do Ex-Deptuado e atual Cacique, Manda-chuva/coronel da atual quadra política do País de mossoró, o Sr. CARLUS AUGUSTUS ROSADOS.

    Oportuno lembara que, a realidade anterior lembrada pleo Jornalista Carlos Santos, dista no minimo vinte seguidos anos antes do ano 2014, QUANDO O HMAC, VIVIA EM PERMANENTE ESTADO DE GREVE, EM FUNÇÃO DA DESLAVADA E ATÉ ENTÃO, JAMIS INVESTIGADA CORRUPÇÃO NA FAMOSA APAMIM. QUANDO NÃO, ABSOLUTAMENTE SEM CONDIÇÕES DE PRESTAR EFETIVA ASSISTÊNCIA MEDICO HOSPITALAR ÀS MILHARES DE MÃES QUE LÁ ACORRIAM DE DIVERSAS CIDADES DO ALTO OESTE POTIGUAR, SEM FALAR NAS MÃES DE MOSSORÓ.

    Esses fato ocorriam de maneira reiterada, não obstante milhões de reais tivessem sido normalmente repassados port todos os governos federais até o ano de 2014. Porém, conforme se depreende dos fatos públicos e notórios, a maviosa administração da Monarquia Rosadus, mormente de parte do grupo da deputada Sandra Rosado, jamais houve por partilhar um minimo de razoabilidade e muito menos honestidade no trato da administração do r. HMAC.

    No que diz respeito ao grupo do deputado CARLUS AGUSUTO ROSADO, tendo, institucionalmente à frente a Sra ROSALBA CIARLINE, na medida das alternâncias de poder no dito Palácio da Resistência ocorria, sabidamente operacionalizavam-se negócios, negociatas e chantagens de parte à parte, mormente quando das inúmeras oportunidades em que verbas eram recebidas do governo federal e automaticamente retidas pela governança figadal de Carlus Augustus rosadus junto á Prefeitura Municipal de Mossoró.

    Essa realidade, benfazeja realidade atual que perpassa os berços, as enfermarias e os corredores da HMAC e que beneficia o povo do RN., desde o ano de 2014, diretamente às mães, bem como à sociedade mossoroense do alto oeste potiguar como um todo, deveras está sendo tentada torpedear reiteradamente, através das ações político administrativas da mui honesta e maquiadora de praças de nome ROSALBA CIARLINE ROSADUS, laranja podre do Sr. CARLUS AUGUSTUS ROSADUS.

    Em Mossoró, TERRA QUE DIZEM COMBATEU LAMPÍÃO, mais ainda, PASME!…. LIBERTOU SEUS ESCRAVOS, até o mundo mineral sabe desse fato. Todavia, jamais ouviu-se bater de panelas e (ou) quaisquer manifestação séria e resolutiva de parte da dita população e dos mui educados e civilizados eleitores/munícipes da famosa terra da liberdade….!!!

    A propósito do secular atraso e do manifesto escravismo vigente , haja vista o tratamento junto à população pobre do PAÍS DE MOSSORÓ de parte da Monarquia Rosadus, me vem uma indagação, simples indagação… LIBERDADE DE QUEM… ÔOOO CARA PÁLIDA….!!!???

    Um baraço

    FRANSUÊLDO VIEIRA DE ARAÚJO.
    OAB/RN. 7318.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.