quinta-feira - 29/01/2009 - 15:14h

Suplentes irão a Brasília em defesa de PEC dos Vereadores


Uma delegação de suplentes de vereador do RN vai viajar no domingo (1o) para Brasília. Missão capital.

A tarefa é pressionar a Câmara dos Deputados à promulgação da PEC dos Vereadors, que aumenta o número de vagas para parlamentares municipais em centenas de municípios brasileiros.

O RN deverá enviar cerca de oito representantes do Movimento em Defesa de Vereadores (MODEVE). Serão seis de Natal e dois de Mossoró.

Tomaz Neto (PDT) e Vingt-un Neto (PDT) de Mossoró garantiram presença. Tomaz dirige o Modeve no estado.

A expectativa é que a eleição de Michel Temer para presidente da Câmara Federal, oportunize a promulgação.

Categoria(s): Sem categoria

Comentários

  1. Allison Araújo diz:

    Sugiro que formemos o Movimento em Defesa do Contribuinte (MODECO). O Brasil não precisa de mais vereadores, pelo contrário, quanto menos, melhor. E quanto menos eles receberem pela função melhor também. O Brasil precisa de mais professores, médicos e policiais! São um bando de aproveitadores do povo. Esses suplentes só mostram que agem somente em causa própria. Queria só ver se eles tivessem sido eleitos se iam fazer parte desse vergonhoso movimento! Realmente muito revoltante!!!

  2. JB diz:

    Que tal criarmos o Movimento em Defesa dos eleitores(MODEL), estes sim carentes de alguém que os defendam [senhor livrai-nos mal] do político OPORTUNISTA e RELIGIOSO[ tudo que recebe tira um terço.]

  3. MARIA AUXILIADORA SOUZA OLIVEIRA diz:

    Não está fazendo falta, esses urubus que só pensam em tirar vantagem e surrupiar o dinheiro do povo.Acho que já tem vagabundo demais nessas câmaras ,precisamos de médicos,professores, segurança e não de palhaços, veja quanto ganha um professor com 30h/s e compare com o que ganha um palhaço desse trabalhando um dia por semana?

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.