domingo - 28/12/2008 - 20:33h

A linguagem da “mufunfa”


Nos intramuros da Câmara de Mossoró, outra vez é possível se ouvir o tilintar de certos argumentos. Que pena!

O jogo bruto para se conquistar a presidência da Casa reaquece a linguagem da mufunfa. Tem gente nova que chega, já experimentando velhos hábitos.

Quem se vende, sobretudo para perpetuar antigos costumes, vale bem menos do que recebe.

O Ministério Público deve ter muito trabalho nos próximos dias. Talvez ainda mais com a próxima legislatura, a ter início em janeiro. Resquícios desta que ainda não terminou.

Que pena!

Categoria(s): Sem categoria

Comentários

  1. Daniel Dantas diz:

    Carlos:
    Onde a corruptos há os corruptores, basta o Ministério Público investigar o que esta na cara.

  2. Lúcia de Fátima Santos diz:

    Com RARISSIMA EXCEÇÂO, os novatos ainda são piores, pois sabem o caminho e também querem sentir o saborzinho da mufunfa da Camara

  3. Valtércio diz:

    Menos por admirar e conhecer um pouco, e mais por custar a acreditar, não consigo acreditar e certamente jamais acreditarei que a Sra. Vice-Prefeita, Dra. Cláudia Regina esteja envolvida nesta costumeira podridâo do Legislativo Mossoroense.
    Conheço bem o várias vezes, Vereador Claudionor, nunca, nunca, nunca mesmo, ouví falar em algo que denegrisse a imagem e a honra do mesmo.
    Que o processo sucessório da presidência da Câmara, seja o passo inicial para a moralização da mesma que hoje, lamentavelmente se encontra muito combalida, talvez até, moribunda.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.