• Expofruit - Teaser - 20-07-18 a 21-08-18 - Topo
quarta-feira - 16/05/2018 - 23:50h
Mão-de-obra

Construção Civil se rebela contra projeto de reserva de mercado


O presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil de Mossoró (SINDUSCON), Sérgio Freire, tomou para si o comando de uma ‘cruzada’ contra o Projeto de Lei Ordinária do Legislativo (PLOL 22/2018), visto pela categoria como nocivo ao setor.

Sérgio Freire: 'cruzada' (Foto: divulgação)

A matéria é de autoria da vereadora Sandra Rosado (PSDB), dispondo sobre obrigatoriedade de destinar 70% das contratações de mão de obra a profissionais originários de Mossoró.

“Gostaria do apoio das demais instituições acerca desse projeto de lei absurdo da vereadora Sandra Rodado”, conclama ele em mensagem espalhada nas redes sociais.

Insegurança jurídica

“Tal projeto causa insegurança jurídica e cria reserva de mercado que, consequentemente, atingirá todos os demais segmentos da cadeia produtiva e econômica”, antecipa.

A prefeita Rosalba Ciarlini (PP) vetou (veja AQUI) o projeto da vereadora de sua bancada, mas a Câmara Municipal pode derrubar a decisão.

Segundo o texto do PLOL 22/2018, as empresas devem contratar 70% da mão de obra de trabalhadores residentes na cidade, há pelos menos seis meses, e 15% desse percentual de pessoal do sexo feminino.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo Twitter clicando AQUI e o Instagram clicando AQUI.

Categoria(s): Economia / Política

Comentários

  1. paulo martins diz:

    POR FAVOR, NÃO PUBLIQUE ISTO. Só para lembra que “mão de obra” perdeu os hífens, na última reforma ortográfica. Assim como “dia a dia”.

    • Carlos Santos diz:

      NOTA DO BLOG – Bom dia, Paulo.

      Obrigado pelo reparo. Farei retificação.

      Não há problema algum em publicar sua colaboração. Quanto mais gente contribuir à boa produção dessa página, melhor.

      Abraços.

Faça um Comentário

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.