quinta-feira - 31/12/2020 - 10:26h
Anote, por favor

Podridão do Afim aguarda o próximo prefeito de Mossoró

Novo governo deve reavaliar Afim (Foto: De Fato/Arquivo)

O Abatedouro Frigorífico Industrial de Mossoró (AFIM) deverá ter uma atenção especial do prefeito eleito e diplomado de Mossoró, deputado estadual Allyson Bezerra (Solidariedade).

Criado pelo então prefeito Dix-huit Rosado em meados dos anos 80, essa sociedade de economia mista até hoje é rebotalho na estrutura pública da municipalidade, mas de altos lucros para algumas pessoas, incluindo políticos.

A propósito, Dix-huit cunhou uma frase que ecoa até hoje, associando o Afim às diferenças político-pessoais com setores de sua família: “No meu abatedouro, o que primeiro apodrece é o sangue!”

Rachadinhas salariais, venda não contabilizada de subprodutos, empreguismo e outras situações abertamente ilegais estão lá, tão podres quanto o esterco (ótimo negócio) dos animais que passam pelo lugar. É o que se comenta à boca miúda.

O Afim entrou em processo de liquidação durante o governo da então prefeita Fafá Rosado (DEM, hoje no PSB) – veja AQUI, AQUI, graças à Lei Complementar 28 em seu artigo 69. Mas essa esse processo não avançou. Descobriram que era mais ‘negócio’ mantê-lo assim.

O novo prefeito vai se deparar também com passivos sociais consideráveis e custo mensal estranho.

Prepare-se, “Menino”!

INSCREVA-SE em nosso canal no Youtube (AQUI) para avançarmos projeto jornalístico.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUIYoutube AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política

Comentários

  1. Inácio Augusto de Almeida diz:

    Só esta podridão aguarda o prefeito?
    A faxina tem que ser completa.
    Salários absurdos pagos a funcionários não concursados, reformas feitas em prédios privados com dinheiro público etc.
    Tem muita cosa para apurar.

  2. Inácio Augusto de Almeida diz:

    Um telefone para o povo fazer denúncias é necessário.

  3. Marcos diz:

    Passando pra lembrar que amanhã os rosados estarão demitidos,o povo colocou a oligarquia na rua….rua!! Amanhã rosalba só será prefeita na mente. A derrotada e rejeitada pelo povo aceita que dói menos.

  4. Paulo diz:

    Se esse menino pobrezinho tiver coragem, e pra isso ganhou meu voto, vai mexer em todo sistema publico municipal. É claro que vai comprar brigando.ericas com alguns setores, mas se não o fizer perderá o bonse da historia.
    Chegou o momento e a hora já tarda.

  5. FRANSUÊLDO VIEIRA DE ARAÚJO diz:

    Ora ora, o que queres como resultante administrativa de uma Monarquia Absolutista Rosadiana, no poder e no exercício da escravocracia há quase um século…!!!???

    Conheço pessoas que trabalharam no AFIM EM CARGOS DE CONFIANÇA, e foram sumariamente demitidas por não se submeterem assinar ordem de serviço, liberando semanalmente, a “bagatela” de 500 quilos de carne de primeira para os Churrascos das Campanhas Eleitorais da dita Monarquia …!!!

    Essa, não por caso, é apenas e tão somente a ponta do Iceberg putrefato Iceberg do $angue Ro$adiano…!!!

    Um baraço
    FRANSUÊLDO VIEIRA DE ARAÚJO.
    OAB/RN. 7318.

  6. Inácio Augusto de Almeida diz:

    Tudo tem que ser apurado.
    Investigar de forma seletiva termina gerando mais injustiça do que nada apurar. Resulta sempre num borrão, longe de um passar a limpo.
    Não podemos aceitar a troca de um Ravengar por um Rasputin.
    O mossoroense está cansado de faz DE conta.

  7. Nilvan Costa diz:

    Fora os salários super faturados de alguns, desmandos e perseguição de funcionários, utilização de empregos para ganhos de votos, aposentados trabalhando, nepotismo, se o menino abrir uma auditoria e investigar tudo encontrará vários atos ilícitos.

  8. Q1naide maria rosado de souza diz:

    O AFIM tinha tudo para ser glorioso. Pode o novo prefeito ressuscitá-lo em sua proposta inicial.
    Quanto ao apodrecimento do sangue ser o primeiro, é verdade. Há momentos em que citamos exemplos que podem condizer com situações da época. Todavia, logo no início do ano, é preciso ressaltarmos o amor à família. A família célula mãe. Sem ela nada iria para frente. Portanto, cabe lembrar o amor dos números 18, 13 e outros, até o final da vida.
    Há pessoas, aqui, que me afrontam. Não têm a menor ideia da minha coragem. Soube, pois não leio mais o autor das catilinárias, que ele continua a provocar com a história da monarquia. Pois bem: é mais fácil ele arrancar a coroa da rainha Elizabeth, da Inglaterra, do que a que carrego no meu coração Rosado!

Deixe uma resposta para Q1naide maria rosado de souza Cancelar resposta

*


Current day month ye@r *

Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011 - 2021. Todos os Direitos Reservados.