quinta-feira - 14/02/2019 - 04:58h
Nesta quinta-feira

Audiência pública discute impasse na indústria salineira


Allyson Bezerra : meio ambiente e economia (Foto: AL)

A produção e extração de sal no Rio Grande do Norte será tema de audiência pública que acontecerá a partir das 14h desta quinta-feira (14), no auditório Deputado Cortez Pereira, na Assembleia Legislativa, em Natal.

Proposto pelo deputado Allyson Bezerra (Solidariedade), o encontro tem como objetivo discutir as ações judiciais ingressadas pelo Ministério Público Federal (MPF) contra 18 salinas da região Costa Branca potiguar.

Para o deputado estadual, o assunto precisa ser discutido com urgência porque a produção é de fundamental importância para a economia do estado. “É uma questão urgente a ser discutida, acredito que podemos sim chegar a um consenso entre a produção do sal e o respeito ao meio ambiente, vamos juntos encontrar soluções para a questão”, afirmou.

As ações ingressadas pelo MPF apontam que as salinas potiguares estão atuando em Áreas de Preservação Permanente (APP) – protegidas por lei e de uso não regularizado.

A indústria do sal marinho potiguar, responsável por mais de 95% da produção anual no país, contesta a visão do MPF/RN, atestando que a suposta área degradada na verdade faz parte de um ecossistema que o próprio setor tem necessidade de preservar, à sua sobrevivência.

O segmento oferece mais de 15 mil empregos diretos e 60 mil indiretos no estado.

Foram convidados para a audiência pública, membros do MPF, empresários do setor salineiro, especialistas na área, nomes e órgãos que de algum modo estão relacionados ao tema e podem contribuir ao debate.

Com informações da Assembleia Legislativa do RN.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Economia / Política
domingo - 03/02/2019 - 09:00h

Tsunami de lama


Por Odemirton Filho

No Brasil, como se sabe, são diminutas as chances de um terremoto de grandes proporções ou tsunami, como ocorre em alguns países, “haja vista que o território brasileiro e suas áreas circundantes encontram-se em áreas estáveis, no interior geográfico de uma placa tectônica”.

Conquanto serem remotas tragédias naturais desse porte, virou moda, no Brasil, o tsunami de lama, o qual devasta a vegetação, causa um profundo impacto ambiental e ceifa a vida de pessoas e animais.

A Lei ambiental n. 6.938/81 diz que: “sem obstar a aplicação das penalidades previstas neste artigo, é o poluidor obrigado, independentemente da existência de culpa, a indenizar ou reparar os danos causados ao meio ambiente e a terceiros, afetados por sua atividade” (…). Ou seja, a responsabilidade na seara cível daqueles que agridem o meio ambiente é objetiva, sem indagar se tem culpa ou não no evento danoso.

No tocante à responsabilidade penal e administrativa deve se aplicar a Lei n. 9.605/98, apesar da discussão doutrinária e jurisprudencial acerca da teoria da dupla imputação nos crimes ambientais (imputar o crime tanto a pessoa física, como a pessoa jurídica).

Entretanto, desde o ocorrido em Mariana/MG, esperava-se que fato semelhante não ocorresse novamente e que a empresa responsável pelas barragens e os órgãos de licenciamento e fiscalização ambiental evitassem ou, pelo menos, minimizassem eventos dessa natureza, fazendo-se o descomissionamento das barragens (procedimento de eliminação de uma infraestrutura depois de atingir a sua vida útil). Atitude que, somente, após duas tragédias se propuseram a fazer.

Novamente o país presencia o meio ambiente, pessoas e animais sendo soterrados por um tsunami de lama, retirando vidas e destruindo famílias. As cenas de corpos sendo retirados da lama e de animais sendo arrastados, causa profunda tristeza aqueles que tem o mínimo de sentimento.

Com efeito, o bloqueio de valores que foram realizados é fundamental para se iniciar a reparação dos danos e para garantir a futura indenização as famílias das vítimas, pois, como diz o ditado popular, o bolso é a parte mais “sensível” do corpo humano.

Mais do que isso, espera-se, principalmente, a responsabilidade criminal dos envolvidos, na medida da culpabilidade de cada um, evitando-se a impunidade que estimula a reincidência e causa mais descrédito à Justiça brasileira.

Odemirton Filho é bacharel em Direito e oficial de Justiça

Categoria(s): Artigo
  • Repet
domingo - 03/02/2019 - 08:24h
Senado

Renan, não!


Por Carlos Santos

Parte da Grande Imprensa está com dificuldade de explicar o expurgo do todo-poderoso Renan Calheiros (MDB-AL) da presidência do Senado.

Mistura de torcida contrariada com incapacidade, teimosa, de fazer leitura de uma época: ó tempos, ó costumes.

Durante a manhã de sábado (02), clima chegou a ficar ameno entre Davi e Renan; esquentaria à tarde, de novo (Agência Senado)

A eleição de Davi Alcolumbre (DEM-AP) à presidência do Senado não é o triunfo do novo e asséptico. Ele não encarna o que se propaga por aí como a “nova política”.

Nem de longe pode ser caracterizado como personagem deificado e incomum na política brasileira. É o mais do mesmo. Desconhecido por boa parte do público, não passava até bem poucos dias de mero espécime do baixo clero da Alta Câmara.

Como tivemos nas urnas em 2018, ocorreu um voto de exclusão, em vez de uma escolha propriamente dita.

A prioridade foi barrar o velho coronel alagoano e, não, necessariamente eleger Alcolumbre. Não fosse ele, seria outro.

Renan, não!

O senador do Amapá e do DEM não foi ungido por suas eventuais virtudes.

Renan é que terminou rejeitado por suas notórias deformidades.

Seria seu quinto mandato presidencial, um recorde que superaria o maranhense José Sarney.

Fica para a próxima. Em breve, teremos outra eleição interna.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Política
domingo - 27/01/2019 - 06:30h

Uma só Constituição Federal


Por Odemirton Filho

Narram os professores de Harvard, Steven Levitski e Daniel Ziblatt, no livro Como as democracias morrem, que o governador da Louisiana (EUA), Huey Long, nos idos de 1930, perguntado por um deputado de oposição se ele já ouvira falar da Constituição do Estado, respondeu: “ Neste exato momento, eu sou a Constituição”.

Fazendo uma analogia com o momento jurídico que atravessa o Supremo Tribunal Federal (STF), parece-me que a expressão, nada republicana do citado governador, revela-se atual.

Com efeito, não é de hoje que a Constituição da República Federativa do Brasil ganhou onze tentáculos.

Os guardiões da Constituição tomaram para si, não a atividade judicante de dizer o direito e defender a Lei Maior. Ao contrário, criam normas, ao bel prazer de cada um, em um típico voluntarismo. (Voluntarismo é uma doutrina que coloca a vontade sobre o intelecto).

Há muito que, a despeito de interpretar a Constituição, elaboram normas, desautorizam seus comandos e a desrespeitam, tudo ao sabor da conveniência política.

Interpretar, como se sabe, serve para aclarar o sentido de um texto ou de uma norma. Porém, deve o aplicador do direito respeitar, no mínimo, limites semânticos.

Assim, embevecidos de vaidade, discorrem sobre suas decisões através de votos extensos que as tornam, no mais das vezes, incompreensíveis.

Como o órgão maior na estrutura judiciária brasileira, o STF é o último bastião da sociedade, no qual a coletividade deposita a reparação de seus direitos violados.

Quando o STF causa insegurança jurídica, ao não respeitar à Constituição Federal, interpretando-a de forma desarrazoada, tornam instáveis as relações sociais e jurídicas.

Portanto, apesar de não parecer, somente existe um único documento solenemente promulgado por uma Assembleia Nacional Constituinte, a que todos devem respeito, sobretudo o STF, sob pena de fragilizar nossos direitos e garantias fundamentais.

Odemirton Filho é bacharel em Direito e oficial de Justiça

Categoria(s): Artigo
  • Repet
quarta-feira - 23/01/2019 - 09:05h
Política

Campeão de votos deverá mudar de partido


Benes: PTN (Foto: arquivo)

Deputado federal eleito como campeão de votos ano passado, Benes Leocádio (PTC) estuda mudança partidária ainda para este ano.

O PRB deverá ser sua próxima legenda.

O PTC não conseguiu atingir meta da chamada cláusula de barreira (número mínimo de votos/deputados federais eleitos) no pleito do ano passado, sofrendo sanções que devem levá-lo à extinção ou fusão com outras legendas.

Leocádio é ex-prefeito de Lajes e ex-presidente da Federação dos Municípios do RN (FEMURN).

Obteve 125.841 votos (7,82%) à Câmara Federal.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Política
terça-feira - 22/01/2019 - 22:34h
RN

Procon legislativo se torna referência em conciliações


Procon tem excelentes resultados (Foto: AL)

“A eficiência do Procon Legislativo na resolução do problema me surpreendeu”. Essa é a avaliação feita por Daniel Fernandes dos Santos, 32 anos, para o atendimento recebido por ele ao procurar os serviços do Procon da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. Residente, no município de Parnamirim, na Grande Natal, o engenheiro de produção acionou o órgão de defesa ao consumidor do Legislativo Potiguar após sentir-se lesado pela assistência técnica de um aparelho eletrodoméstico.

“Comprei uma televisão que apresentou defeito ainda dentro do prazo de garantia. Enviei à assistência técnica da marca, que levou mais de trinta dias para me devolver o aparelho. Pouco tempo depois a tv voltou a apresentar o problema e a situação na assistência se repetiu. Com isso, resolvi reclamar por meus direitos enquanto consumidor e recorri ao Procon Legislativo, onde, por intermédio do órgão, prontamente resolvi o conflito”, explica Daniel.

Por meio de audiência de conciliação agendada e mediada pelo Procon da Assembleia, o engenheiro chegou a um acordo com a parte reclamada e foi devidamente ressarcido do prejuízo. Satisfeito com o encaminhamento do caso e com o êxito obtido, Daniel não esconde a sua surpresa com a presteza do órgão na condução do caso. “Além do excelente atendimento e encaminhamento dado para o desenrolar da situação, a equipe do Procon ainda me contatou posteriormente para verificar se a outra parte havia mesmo cumprido com o que fora acordado”, ressaltou ele.

Referência

Experiências exitosas como essa têm sido a máxima do Programa de Orientação e Proteção ao Consumidor da Assembleia Legislativa. Em atuação desde 2009, o Procon Legislativo busca assegurar os direitos e garantias do consumidor potiguar. Com uma demanda cada vez maior, o órgão amplia ano a ano os atendimentos gratuitos à população, fazendo da instituição referência em qualidade na prestação de serviços.

As estatísticas da instituição atestam a consolidação do serviço, apontando para um incremento de cerca de 40% no total de atendimentos nos últimos dois anos. A média anual, que em 2016 era de aproximadamente 5 mil atendimentos, saltou para cerca de 7 mil em 2017. Além da maturidade alcançada pelo órgão em quase uma década de atuação, esse crescimento é reflexo também das inovações e melhorias implementadas nos últimos anos.

Com informações da Assembleia Legislativa.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
  • Lion Brazil - 09-01-18 a 09-03-19 - Moda Masculina
terça-feira - 22/01/2019 - 11:22h
Ação e reação

Fátima suspende licença-prêmio e provoca sindicatos


Do Blog Saulo Vale

Está no Diário Oficial do Estado desta terça-feira (22).

A governadora Fátima Bezerra (PT) suspendeu o gozo e pagamento de licença-prêmio até o dia 31 de dezembro deste ano. Exceção apenas para “servidores que tenham implementado os requisitos para aposentadoria voluntária ou que completem os requisitos para aposentadoria compulsória no exercício de 2019″.

No documento, é justificado “a decretação do estado de calamidade financeira”.

A atitude não agradou os sindicatos.

O Fórum Estadual dos Servidores, que agrega 17 entidades sindicais, convocou uma reunião urgente para logo mais, às 15h, tendo como principal pauta a suspensão das licenças-prêmio. O encontro será na sede do Sindifern, em Natal.

Nota do Blog Carlos Santos – Em vídeo espalhado nas redes sociais, a presidente da Associação dos Docentes da Universidade do Estado do RN (ADUERN), professora Rivânia Moura, já alertou que conjunto de entidades sindicais não aceitará supressão de “um direito a menos”.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
domingo - 20/01/2019 - 22:32h
Fátima Bezerra:

Governadora descarta completamente privatização da Caern

Também garante que conversa com o Governo Federal, mas não é obrigada a acatar todas as sugestões

Por Jenully Cristiano (Rádio Cabugi do Seridó) e Blog Carlos Santos

“Eu não tenho porque pensar em privatização da Caern (Companhia de Águas e Esgotos do RN), por uma razão objetiva: ela é um dos maiores patrimônios que o estado tem.” A declaração foi dada nesse final de semana pela governadora Fátima Bezerra (PT), em Parelhas (região Seridó), onde desembarcou na sexta-feira (18) parra participar de programação social e religiosa do padroeiro São Sebastião.

Governadora esteve acompanhada de Francisco do PT e outros correligionários no Seridó (Foto: Demis Roussos)

“Eu quero fazer com a Caern o que Ricardo Coutinho (PSB, ex-governador paraibano) fez com a CAGEPA (Companhia de Água e Esgotos da Paraíba). Saneou através de uma gestão extremamente profissionalizada e hoje a empresa é um dos maiores parceiros do ponto de vista de investimento do governo da PB”, mostrou.

Segundo a governadora, “nós vamos organizar a Caern através de uma gestão capaz de fazê-la dar lucro, para que esse lucro se transforme em desenvolvimento para o nosso estado”.

Reforma administrativa

Fátima Bezerra também foi inquirida sobre possível reforma administrativa em seu governo.

- Não é reforma, mas já estamos propondo várias mudanças e uma série de medidas para a gente reduzir drasticamente as despesas. Publicamos uma série de decretos. Nós vamos cortar diárias, locação de carros, estamos revendo os contratos terceirizados, vamos fazer mudanças do ponto de vista da estrutura administrativa, ou seja, tudo está sendo feito para economizar para que a gente possa ir trazendo o equilíbrio financeiro para o estado do RN. Eu decretei estado de calamidade financeira não foi no intuito de alarmar a sociedade. Foi para  alertar à sociedade quanto às condições de governabilidade para tirar o RN dessa situação gravíssima – disse.

Admitiu que o Governo Federal tem sugerido uma série de caminhos e feito propostas, “mas eu não sou obrigada a acatar todas as sugestões. Algumas medidas que têm sido sugeridas nós vamos trabalhar em conjunto; outras medidas, não”.

Fátima esteve acompanhada do deputado eleito e ex-prefeito de Parelhas, Francisco Assis Medeiros (“Francisco do PT”), do prefeito de Currais Novos, Odon Júnior (PT); vereadores e vários prefeitos e ex prefeitos da região, além de lideranças políticas locais.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagramAQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Política
  • Lion Brazil - 09-01-18 a 10-03-19 - Moda Masculina
terça-feira - 15/01/2019 - 22:22h
Jornalismo

Tô coçando a língua


Por François Silvestre

Jornalismo é oposição, o resto são secos e molhados. Ensinou Millôr Fernandes.

Tô me coçando pra começar nesse exercício saudável, onde a língua apimentada deixa a vida alheia de lado e cuida de sarrafar o poder público.

Poder público que vive a fazer uso da privada.

Pois bem. Não me surpreende governo ruim. Nem aqui nem no Planalto.

Difícil é governo bom, ou melhor, dificílimo. Ou melhor, raríssimo.

No caso dos atuais, pra nós daqui, temos uma boa e prazerosa tarefa de baixar o sarrafo. Quem for petista vai cuidar de escrachar Bolsonaro. Anti-petista vai descascar Fátima.

Quem não é petista nem anti-petista, tipo esse locutor que vos fala, vô-lo digo: Tô afiando a língua, ansioso pra não entrar no comércio da cantina. Secos e molhados? Não é meu ramo.

Tomara que acertem.

Se acredito no acerto?

Olha, tem dia que acredito até na mãe-da-lua. Mas ela anda sumida…

Se eu tivesse uma bodega não venderia fiado nem a um lado nem ao outro.

Responderia para os portadores de Bolsonaro ou Fátima: Rasguei a caderneta.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Artigo / Opinião
segunda-feira - 07/01/2019 - 21:46h
Rádio

Blog Carlos Santos fala sobre governos às 7h10


Cavalcante: âncora (Foto: arquivo)

O Blog Carlos Santos vai estar nessa terça-feira (8) a partir das 7h10 no programa “Cidade em Debate”.

Encontro com o âncora Carlos Cavalcante, seus ouvintes e internautas na Rádio Difusora de Mossoró.

Vamos conversar sobre política local, estadual e nacional.

Os primeiros dias das gestões federal e estadual, além de outros temas, serão conversados.

Sintonize 1.170 kHz.

Acompanhe ao vivo AQUI pela Internet.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Comunicação / Comunicado do Blog
  • Repet
domingo - 06/01/2019 - 05:10h

Economia de palitos e uma crise onde falta coragem


Por Gutemberg Dias

A politica tem muitas facetas. E olhe que tem gente que conhece desse riscado há muito tempo e, ainda, comete deslizes que não poderia cometer.

A semana que passou foi marcada pela organização dos estagiários da Prefeitura Municipal de Mossoró (PMM) que se rebelaram contra uma decisão da municipalidade em rescindir os contratos de estágios de cerca de 600 estudantes oriundos de universidades locais (veja AQUI).

Polêmica que poderia nem ter acontecido. A prefeitura, a partir de seu Secretário de Administração, poderia ter feito tudo diferente, mas optou em fazer as coisas de forma brusca e sem nenhum diálogo.Faço uma ressalva em favor da municipalidade no que tange ao direito de decidir por não ter estagiários ou mudar a forma de contratação. Sem dúvida alguma é direito dela.

Mas, lembro a gestão municipal que o estágio tem prerrogativa legal e que tanto a “contratação” quanto a “demissão” do estagiário tem que seguir alguns trâmites, começando pela informação aos beneficiários do estágio.

Não resta dúvida que a Prefeitura de Mossoró, principalmente, a prefeita Rosalba Ciarlini (PP), vacilou nesse episódio com os estagiários. Comprou um desgaste sem precisão que, por sinal, poderia ter sido resolvido com a própria intervenção da prefeita.

Mas, a alcaide preferiu se fechar em copas. Escalou auxiliares e porta-vozes em seu lugar, sem receber ninguém, esquivando-se de ouvir comitiva de estagiários ou apresentar um atenuante à situação.

A ação de rescisão dos contratos dos estagiários tem haver com a redução de custos da máquina administrativa. Faz parte do arrocho que a PMM pretende imprimir a partir de agora. Infelizmente a gestão começou pelo lado mais fraco do cordão.

Na contabilidade final e, pela contrapartida dos serviços prestados pelos estagiários, podemos dizer que será uma economia de palitos de dentes, fazendo alusão a uma feira doméstica.

Quando fui Secretário de Planejamento tive a oportunidade de ser o coordenador do grupo que tratou de redução dos custos operacionais do município. Depois de ver que economia de palito não dá resultado, passei, juntamente com os demais colegas, a mirar nas secretarias de maior envergadura orçamentária.

O resultado de uma das ações foi reduzir a folha de pagamento em mais de 1 (um) milhão de reais só com plantões na área de saúde, ou seja, existem muitas portas e janelas no âmbito da administração que podem ser fechadas. Será que querem fechá-las?

Uma simples revisão e renegociação de contratos quanto à aluguel de imóveis, veículos, máquinas e contratação de serviços, com certeza proporcionariam cortes mais eficazes nos custos da máquina municipal.

O corte pela metade ou mais ainda do total de cargos comissionados, também. A gestão começou até com essa promessa, mas logo recuou e passou a promover contratações em larga escala, sendo difícil sabermos quantos são hoje.

Infelizmente, a miopia ou as conveniências políticas, não tiram as vendas dos olhos daqueles que administram a coisa pública em Mossoró. Sei que não é fácil, já estive do lado de lá.

Mas, também, sei que não é impossível alterar o rumo dos acontecimentos no âmbito da gestão.

Nesse contexto é preciso ter coragem, diálogo e ação para resolver os pequenos e os grandes problemas.

Gutemberg Dias é professor da Uern, empresário e Conselheiro da Fundação Nacional da Qualidade

* Foto: cedida, publicada originalmente no Blog do Barreto.

Categoria(s): Artigo
quinta-feira - 03/01/2019 - 10:27h
Estado

Itep de Pau dos Ferros começa a funcionar efetivamente


Inaugurado no dia 17 de dezembro de 2018 pelo então governador Robinson Faria (PSD), o Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP) de Pau dos Ferros efetivamente começou a funcionar. Ocorreu nesse último dia 2 de janeiro (ontem, quarta-feira).

Parte da equipe lotada na unidade do Itep de Pau dos Ferros que desafoga em muito a estrutura de Mossoró (Foto: cedida)

Com a chegada da médica legista Marina Cavalcante Gurgel Carlos foi realizada a primeira autópsia.

A unidade do Itep de Pau dos Ferros é formada por cinco médicos legista, cinco peritos criminais, seis agentes de necrópsia e três agentes técnicos forenses.

O Itep funciona 24 h/dia e o contato é feito pelo fone (84) 3315-5582.

De acordo com informações do Governo do Estado, a obra contou com investimento de cerca de R$ 500 mil de recursos próprios do Instituto, que passa a dispor de uma estrutura ampla e moderna. Os atendimentos serão realizados pelos servidores nomeados no concurso público realizado na atual gestão do Governo, após 18 anos de espera.

Antes dessa unidade, o Itep de Mossoró era obrigado a cobrir também essa região, numa área que atingia 67 municípios. Além de Pau dos Ferros e Mossoró, o Itep tem estruturas em Natal e Caicó para cobertura dos 167 municípios do estado.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Segurança Pública/Polícia
  • Repet
quinta-feira - 03/01/2019 - 09:42h
Urgente

Governo publica medidas para ajuste fiscal do Estado do RN


O Diário Oficial do Estado (DOE) desta quinta-feira (3) já saiu com publicação de decretos, exonerações, nomeações e outras decisões administrativas do Governo Fátima Bezerra (PT). São  medidas para um ajuste fiscal do Estado do RN.

Fátima fez anúncio das medidas no dia passado e deixou claro o cenário financeiro aterrador (Foto: Elisa Elsie)

As medidas foram anunciadas ontem (veja AQUIAQUI), dentro do Plano Estadual de Recuperação Fiscal. O ajuste fiscal do governo estadual, logo nesse início de gestão Fátima Bezerra, propõe-se “a construir condições de governabilidade”.

Conheça abaixo cada uma delas na íntegra e através de documentação oficial, trabalho exclusivo do Blog Carlos Santos:

Veja AQUI, decreto que trata do Estado de Calamidade Financeira;

Veja AQUI, o que cria o Comitê de Gestão e Eficiência no âmbito do Poder Executivo;

Veja AQUI, o que cria o Comitê de Negociação Coletiva com os Servidores Públicos Estaduais;

Veja AQUI, o que estabelece o Horário Excepcional de Expediente;

Veja AQUI, o decreto que trata de providências para Revisão de Despesas;

Veja AQUI, o decreto que dispõe sobre o retorno aos órgãos de origem de servidores cedidos.

Segundo disse a governante, “hoje temos um déficit orçamentário de R$ 2,57 bilhões, sendo R$ 420 milhões em salários, R$ 1,3 bilhão com fornecedores, R$ 120 milhões referentes a consignados descontados dos servidores e não repassados aos bancos, R$  100 milhões de repasses aos outros poderes e R$ 70 milhões de precatórios não pagos em 2018”.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
quarta-feira - 02/01/2019 - 08:46h
Novo Governo

Transmissão de cargo evita exposição pública de ex-governador


A transmissão de cargo de chefe do Executivo estadual ocorreu de forma muito reservada na Governadoria nesse dia 1º de Janeiro de 2019, após a solenidade de posse (veja AQUI) da governadora Fátima Bezerra (PT) e vice Antenor Roberto (PCdoB) na Escola de Governo. Ambos endereços estão localizados no Centro Administrativo do Estado, no bairro de Lagoa Nova em Natal.

Transmissão de cargo aconteceu de forma muito reservada; ex-governador assim o quis (Foto: Ivanízio Ramos)

A solenidade de transmissão foi rápida e testemunhada por pouquíssimas pessoas, longe ainda da imprensa. O ex-governador Robinson Faria (PSD) evitou aparição pública.

O ato foi acompanhado pelo vice-governador Antenor Roberto, pelo deputado e presidente da Assembleia Legislativa Ezequiel Ferreira (PSDB), além de alguns secretários de Estado e autoridades militares e religiosas.

Após leitura do termo de transmissão de cargo, governadora, vice e ex-governador assinaram o documento que transfere a responsabilidade de gerir o RN pelos próximos quatro anos. Na sequência Robinson fez os votos de boa gestão à nova governadora. “Desejo boa sorte para Fátima, que ela tenha força para enfrentar os desafios que o mandato nos impõe e fico na torcida pelo RN, por ela e por sua equipe”, disse.

Perfil

Maria de Fátima Bezerra é natural de Nova Palmeira, na Paraíba. Formada em pedagogia pela UFRN, tem 63 anos e estava exercendo o seu primeiro mandato como senadora.

Fátima, face fechada, na pose oficial (Foto: Ivanízio Ramos)

Professora licenciada da rede pública na prefeitura do Natal e no Estado, Fátima é filiada ao Partido dos Trabalhadores (PT), segue na legenda desde que iniciou na vida pública.

Foi deputada estadual por dois mandatos (1994-1998), deputada federal também por dois mandatos (2002 e 2006) e senadora (2014).

Ao assumir o Governo do RN, Fátima se torna a única mulher no país a governar um estado da federação pelos próximos quatro anos.

Em 2014, ela foi eleita ao Senado em aliança com Robinson Faria. Mas acabou retirando apoio ao governo antes que ele completasse o primeiro ano.

Leia também: Fátima começa governo herdando dívida de R$ 2,6 bilhões.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
  • Lion Brazil - 09-01-18 a 10-03-19 - Moda Masculina
segunda-feira - 31/12/2018 - 17:34h
Governo Fátima

“Suplente” do senador Styvenson ficará em Gabinete Civil


Brandão: ascensão ao coronelato por mérito (Foto: Web)

A governadora Fátima Bezerra (PT) definiu a formação do Gabinete Institucional do Gabinete Civil do Governo do Estado.

Veja abaixo:

Coronel Margarida Brandão – Coordenação de Segurança Institucional do Gabinete Civil. Ela foi a primeira mulher a alcançar o coronelato no RN, por merecimento, ano passado. Este ano, ela teve seu nome acomodado como segundo suplente do Capitão Styvenson Valentim (Rede).

Styvenson foi o campeão de votos ao Senado.

Sob a coordenação dela estarão:

1) Coordenação de Segurança Operacional – Major Cláudio Henrique de Sá Rodrigues, que foi candidato à Câmara Federal pelo PT este ano, obtendo 1.842 votos;

2) Coordenação da Defesa Civil – Coronel Marcos Carvalho, do Corpo de Bombeiros.

O secretário-chefe do Gabinete Civil será o professor e economista Raimundo Alves Júnior (PT).

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública / Política
segunda-feira - 31/12/2018 - 10:51h
Crônica

Monólogo da gratidão


Aviso-lhe de antemão: essa não é uma mensagem de Feliz Ano Novo!

É o monólogo de alguém grato.

Agradecido pelas ingratidões;

Agradecido pelos fracassos;

Agradecido pela minha incompetência;

Agradecido pelas injustiças;

Agradecido por não ser o ingrato;

Agradecido por não transferir a ninguém a culpa por minhas derrotas;

Agradecido por não alimentar recalque ou inveja por minha inapetência para o ter;

Agradecido por não ser algoz nem querer me vestir de herói, vítima ou mártir.

Feliz por começar um Ano Novo sendo aquele sujeito de sempre: fechado nas selfies, aberto para o mundo;

Feliz por ter um pedaço de mim em alguns poucos e guardar comigo o muito de todos eles;

Feliz por uma história que não me cansou ainda;

Feliz por sorrir (às vezes) e chorar (baixinho, sempre).

Venturoso.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Crônica
  • Repet
sexta-feira - 28/12/2018 - 08:38h
Às 18h45

Enfoque Político faz mesa-redonda sobre política em 2018


O programa Enfoque Político da TV Terra do Sal faz hoje uma mesa-redonda sobre os principais acontecimentos da política em 2018.

O Blog Carlos Santos e o jornalista e professor Esdras Marchezan são os convidados do jornalista-âncora Saulo Vale para abordagem dos principais acontecimentos da política nacional, estadual e local.

Será às 18h45.

O Enfoque Político é exibido ao vivo pela TV Terra do Sal (Canal 173 na Brisanet, Canal 14.1 aberto em Mossoró e Canal 2 aberto em Pau dos Ferros).

Sintonize também pela Fanpage da emissora clicando AQUI.

O programa será reprisado na próxima segunda-feira (31), no mesmo horário.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Comunicação / Política
quinta-feira - 27/12/2018 - 23:48h
FM 95.7

Blog Carlos Santos no “Meio-dia Mossoró” desta sexta-feira


Carol e Bruno recebem BCS (Foto: arquivo)

O programa Meio-dia Mossoró, da FM 95.7 de Mossoró, recebe nesta sexta-feira (28) o editor do Blog Carlos Santos.

Bate-papo com os apresentadores Carol Ribeiro e Bruno Barreto.

Na pauta, abordagem sobre quadro político local e nacional, além de um balanço do ano de 2018.

Vale também especular o que nos aguarda em 2019.

Sintonize nossa conversa ao vivo clicando AQUI.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo  TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Comunicação / Comunicado do Blog / Política
  • Repet
quarta-feira - 26/12/2018 - 16:52h
RN

Partido não emplaca ninguém no primeiro escalão


O PCdoB, que tem o governador eleito Antenor Roberto como seu principal nome no futuro Governo Fátima Bezerra (PT), sobrará mesmo no primeiro escalão da governante.

Até aqui, nada acertado.

No máximo aparecerá cargo adjunto, como na Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico (SEDEC).

E olhe lá.

O PCdoB compôs a Coligação Do Lado Certo encabeçada pelo PT e pelo PHS, outro que até aqui também está com mãos abanando, apesar de ter divulgado há algumas semanas “nome certo” para secretariado – seu presidente Leandro Prudêncio.

O ungido foi  nome acima do partido, Jaime Calado, marido da senadora eleita Zenaide Maia (PHS).

Acompanhe o Blog Carlos Santos peloTwitteAQUIInstagramAQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Administração Pública
segunda-feira - 24/12/2018 - 14:10h
Compromisso social

Henrique Alves em Mossoró


Do Blog da Chris

O ex-ministro Henrique Alves (MDB) cumprirá agenda social em Mossoró, em meados de fevereiro próximo.

Henrique estará na cidade para apadrinhar um correligionário político e aproveitará para visitar outros amigos na cidade.

Será a primeira vez que o ex-deputado virá à cidade após recuperar sua liberdade.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagramAQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Política
  • Repet
segunda-feira - 24/12/2018 - 10:46h
Para você

Feliz Natal


Aos que exercitam a religiosidade;

Àqueles que têm fé;

Mesmo aos que ignoram toda essa atmosfera festiva, desejo um Feliz Natal.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagramAQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Comunicado do Blog
segunda-feira - 17/12/2018 - 09:30h
Governo

Fátima Bezerra tem freado o toma-lá-dá-cá


A governadora eleita Fátima Bezerra (PT) tem conseguido um feito raro até o momento, nesse período de pré-posse: montar uma equipe de governo sem a ingerência predatória e apoiadores.

O toma-lá-dá-cá não tem funcionado. Pelo menos até aqui.

Poucos, pouquíssimos aliados derivados da campanha têm tido acesso e influência em suas decisões.

Ela tem priorizado ouvir – e muito – os correligionários de sempre.

Entretanto é certo que, na gestão, precisará muito estar afinada com sua base de apoio, principalmente na Assembleia Legislativa.

Acompanhe o Blog Carlos Santos pelo TwitteAQUIInstagram AQUIFacebook AQUI.

Categoria(s): Política
Home | Quem Somos | Regras | Opinião | Especial | Favoritos | Histórico | Fale Conosco
© Copyright 2011. Todos os Direitos Reservados.